Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Por favor, não perca mais tempo, inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobres todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Aguardo.
Feliz Natal e Ano novo!

Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Gehrman em Ter 20 Dez 2016 - 15:51





O motivo de eu entrar nessa situação toda... É difícil explicar. Digamos que o mundo é algo que eu sempre quis defender; sempre quis fazer algo para melhorar a vida da humanidade. Depois da triste Guerra do Santo Graal de 2016, o Brasil inteiro havia sido destruído. Um caos. Uma extensa catástrofe que impactou o mundo todo, causando medo na população e fazendo-a conhecer ainda mais sobre o que o controle da magia pode causar. Seres humanos normais começaram a rebelar-se contra magos, revoltando-se sobre como algo tão catastrófico pudesse impactar o mundo inteiro. Em 1996, o estrago causado pela Guerra do Santo Graal em Fuyuki, no Japão, foi quase revelado para o mundo inteiro. Porém, influenciando (ou ameaçando) a mídia, magos supremos conseguiram colocar a culpa daquela catástrofe em terroristas. A Guerra de 2004, ainda em Fuyuki, não teve muitos estragos, então os magos facilmente conseguiram esconder aquilo tudo.

Porém, em 2016, com a destruição do Brasil, na Guerra Carioca do Santo Graal, o silêncio foi finalmente exterminado e o mundo inteiro encontra-se em guerra. Magos contra não-magos. Humanos contra humanos. Ninguém mais encontra-se em paz. Uns querem a exterminação dessas buscas incessantes pelo Santo Graal, enquanto os outros querem que a busca pela perfeição humana continue. São todos desejos egoístas, típicos de seres humanos. Nós jamais iremos terminar de brigar um contra o outro.

Eu só quero mudar o passado. Eu quero ter essa habilidade! Eu não sou uma maga, sou apenas uma pessoa normal entre bilhões de outras. Meu desejo é egoísta, mas eu acredito nele. Meu maior desejo é voltar ao passado... E alterar tudo. Esse sempre foi o meu desejo, desde que eu comecei a aprender sobre as Guerras e sobre suas calamidades.

Meu nome é Sayaka Kobayashi. Nasci em 13 de fevereiro de 2014. Tenho 17 anos. Meu desejo é mudar o passado. E aparentemente, eu posso fazer isso.


Sayaka:


No mês passado, minha tia veio falar comigo quando ouviu de meus pais sobre meu desejo infantil de mudar o passado, que eu mantive desde que eu tinha 12 anos. Ela começou a me falar sobre uma espécie de empresa secreta, formada por magos extremamente especializados, chamada Fuyuki Foundation. Localizada na própria cidade, essa organização secreta quis escolher uma pessoa para ajudá-los a participar de um evento que pode ajudar a sociedade inteira a transformar-se. Eu não sei do que exatamente esse evento se trata, mas... Minha tia falou que eu sou a escolhida pela fundação inteira. Quando ela me falou, eu não pude deixar de conter-me de alegria; tanto que até esqueci de perguntá-la sobre como ela conhece aquela organização, se ela não é uma maga.

Eu pesquisei bastante sobre essa tal de Fuyuki Foundation, e surpreendentemente, ela realmente existe. Eu tive que tentar mudar esse mundo para um mundo melhor. Com MUITO receio, arrumei minhas malas, e peguei um trem para ir até Fuyuki, fugindo de minha casa. Eu prometo... Irei honrar meus pais!

Quando cheguei aqui, na Fuyuki Foundation, minha recepção foi bem agradável. Todos os empregados fizeram ótimos comentários sobre mim, falando sobre como eu sou uma ótima menina... O único problema é que eles sabem demais da minha vida pessoal. Talvez foi a minha tia, talvez não... Eu não sei. Enfim, depois de uma reunião rápida, todos me enviaram até um elevador, e me disseram "boa sorte". Eu comecei a descer, descer, descer, descer. O elevador não parava de descer. Minutos duravam milênios...

Até que quando finalmente paro, ouço três vozes discutindo enquanto as portas se abrem. Uma delas... Com certeza era irreconhecível. Minha tia, Etsuko Kobayashi.


Etsuko:


A outra voz era de uma "bruxa" que parecia adorar piadinhas e gostava bastante de fazer gestos quando falava.


Spoiler:


A última era de um homem alto, que gritava e xingava sem parar, mas por dentro parecia ter um bom coração.


Spoiler:


Logo quando eu ia cumprimentá-los, minha tia apenas faz um "shhh" na minha direção, e diz para o homem começar. Começar o quê? Subitamente, uma explosões de luz surgem na minha frente. Eu não entendia o que estava acontecendo! Não entendia! Rapidamente tampo meus olhos para evitar de ser cegada por tanta luminosidade. Quando tudo aquilo acaba, minha tia apenas me diz que eu posso olhar.

Eu faço o que ela me pede, e então, eu percebo o que acabou de acontecer...

Há treze servos na minha frente.

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


É O NOVO FATE SEUS CORNOS TOMA AQUI A PORRA DO LOGIN


Código:
[b]Classe[/b] [i](Cada pessoa tem que ser de uma classe. As classes são Saber, Archer, Lancer, Rider, Caster, Assassin, Berserker, Ruler, Shielder, Avenger, Farmer e uma classe especial chamada Faker. Um player para cada classe.)[/i]:

[b]Identidade[/b] [i](Claro, seu nome original quando você viveu. Você pode até fazer uma alteraçãozinha em seu nome se decidir ser um genderswap, no caso do Rei Artur EUWAHEUAWHE)[/i] :

[b]Aparência[/b] [i](Auto-explicativo, filha da puta.)[/i] :

[b]Personalidade[/b] [i](Também auto-explicativo, filha da puta.)[/i]:

[b]História[/b] [i](Bem, você pode linkar a Wikipédia. Ou talvez implementar um pouco a sua história do seu próprio jeito, se quiser.)[/i]:

[b]Armas[/b] [i](O que tu usa pra bater em alguém.)[/i]:

[b]Desejo[/b] [i](Seu desejo caso você consiga obter o Santo Graal.)[/i]:

[b]Fantasma Nobre[/b] [i](Seu golpe mais forte, aquilo que praticamente te definiu na vida. Você pode ter 2.)[/i]

[b]Não é relevante, mas você gosta de skate?[/b] [i](Preciso muito saber disso. É para uma pesquisa que eu ando fazendo sobre comportamento humano.)[/i]:

[b]Curiosidades[/b] [i](Conte fatos curiosos de você, Espírito Heróico.)[/i]:


SE PREPAREM QUE ISSO VAI SER DIVERTIDÃO


Última edição por Gehrman em Sex 23 Dez 2016 - 2:32, editado 5 vez(es)
avatar
Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : NÃO TEM MEDCO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Lordhdio em Ter 20 Dez 2016 - 15:58


Classe: Avenger.

Identidade: Fafnir.

Personalidade: Normalmente tento me manter em um estado sereno, pacífico e calmo, mas isso é completamente quebrado quando foco meus pensamentos, mesmo que por pouco tempo, no meu ouro. Fúria e ódio me preenchem completamente quando isso acontece. Tsc, agora estou de mal humor. Você, mero mortal, nunca mais ouse preguntar sobre minha personalidade. Você não é digno sequer disso.

História: Eu nem sempre fui um dragão. Na verdade, eu era uma pessoa normal. Mas, já ouviram falar que o dinheiro corrompe até mesmo o mais santo dos homens? Apenas imagine o maior tesouro do mundo… Montanhas vastas e infinitas de ouro e jóias. Obviamente, vocês pensariam em gastar! E, se tivessem que dividir isso com alguém? Matariam a pessoa e pegariam todo o ouro para si? Mesmo que fosse seu próprio pai?
Se sua resposta para tudo isso é sim, prepare-se para virar um dragão também, afinal, tal ouro é amaldiçoado pelos deuses.

Segundo a versão popular de minha história, a ganância em mim aumentou e eu escolhi viver confinado com todo o ouro para mim. Decidi matar todos que vieram se aventurar para pegar ele. Sempre dava certo; um jovem guerreiro inocente, diante de pilhas do MEU ouro. Pouco tempo depois, uma pilha de cinzas em frente a minha pilha de ouro.

Até o dia… O dia em que aquele maldito conseguiu me matar. Para mim, a história tinha acabado ali… Mas, o Graal me permitiu ver o que aconteceu após isso. Ele se banhou no meu sangue e deixou o ouro separado e guardado do resto do mundo para outro dragão não nascer. Jove estúpido… No final, depois de sua morte, o ouro foi encontrado e usado pelo mundo. Gasto por diversas pessoas e espalhado por todo o globo… É quase impossível para mim reunir todo meu ouro novamente, e pensar nisso me deixa furioso. MEU OURO DEVERIA ESTAR SOMENTE COMIGO! MALDITOS HUMANOS, PEREÇAM NAS CHAMAS VENENOSAS DO PODEROSO FAFNIR!

Armas:Uma espada mesmo, mas tendo a usar alguns golpes baseados em minhas chamas.

Desejo: Desejo que o Ragnarok aconteça novamente e mate todos os seres vivos para que eu possa recuperar meu ouro novamente.

Fantasma Nobre:

Frænir - Eu disse que tinha me transformado em um dragão, não é? Então, este é meu primeiro fantasma nobre. Minha forma dracônica, o grande dragão Frænir.

Auður -  Outro fator que me marcou bastante na história foi minha riqueza. Considerado o maior tesouro de todo mundo, diversos aventureiros vieram atrás dela, mas todos eles conquistaram apenas uma coisa: a sua própria morte. Apesar de todo meu tesouro ter se espalhado pelo mundo, eu posso trazer de volta a vida toda essa minha glória através do que vocês mortais chamam de Reality Marble. Meu próprio mundo, minha sala do tesouro, onde tudo que você vê me pertence. Os fracos e indignos da minha presença enlouquecem e morrem aqui.

Não é relevante, mas você gosta de skate?: QUE TIPO DE PERGUNTA É ESSA?! SOU UM DRAGÃO ANCESTRAL GIGANTE SEDENTO POR VINGANÇA QUE ODEIA TODA A HUMANIDADE E QUE FOI MORTO POR UM HOMEM QUE NEM SABIA SE BANHAR E ACABOU USANDO MEU PRÓPRIO SANGUE! É claro que eu gosto de skates, por quê não?

Curiosidades: Bem, eu sou um dragão gigante. Sou solteiro, ex-rico graças a um Playboy com uma arma especial contra dragões gigantes, e sou um grande consumidor de todo tipo de mídia e cultura.


Última edição por Lordhdio em Sex 23 Dez 2016 - 1:43, editado 3 vez(es)
avatar
Lordhdio
Membro
Membro

Masculino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/05/2015

Frase pessoal : Isso foi um desejo?


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por 3DSFood em Ter 20 Dez 2016 - 16:45


Classe: Saber.

Identidade: Musashi Miyamoto.

Personalidade: Não acho que qualquer homem saiba se descrever perfeitamente... Tenho grande curiosidade no estilo de luta com espadas, desde jovem. Além disso, gosto muito de viajar pelo mundo e enfrentar vários espadachins para aperfeiçoar minha técnica. Acredito que um homem faça sua espada e não ao contrário; por isso, não tenho uma espada fixa.
Tento ser uma pessoa gentil e amigável, mas não me queira como um mestre. Eu acredito piamente que qualquer um pode se tornar melhor com esforço e trabalho duro, assim como eu, então sou extremamente severo durante treinamentos. Acredito que todo  humano possa ser auto-suficiente.

História: Um milhão de feitos, praticamente incontáveis... E todos guardados nisso. A tecnologia é incrível. Inclusive, existem algumas falhas ai... Mas eu não quero ficar apontando elas, iria demorar bastante.

Armas: Eu normalmente não tenho uma arma fixa. Desde cedo, não me prendi a usar espadas para duelar. Se eu tiver apenas um pedaço de madeira para enfrentar cem homens, usarei este pedaço de madeira. Como eu disse, um espadachim faz sua arma. Em todo caso, gosto dessa aqui;


Desejo: Gostaria de ver como foi o final da vida de meus três únicos discípulos.

Fantasma Nobre:

Shinmen Musashi no Kami Fujiwara no Genshin - Utilizando qualquer receptáculo, posso invocar minha espada, chamada de 「 」. Eu não a uso a centenas de anos, pois usar ela seria como brincar com a vida das pessoas ao meu redor. Depois de aumentar tanto minha proficiência com qualquer objeto, achei perigoso demais usar a espada. Mas, se for preciso, posso desembainhar ela mais uma vez. Honestamente, não sei o que aconteceria. Essa espada é a personificação de minha habilidade como espadachim. Quanto melhor sou, mais forte ela fica.

Niten Ichi Ryu - Um estilo criado por mim, para fazer algo considerado difícil; utilizar duas espadas simultaneamente. Materializando uma segunda arma na minha mão, desembainho 「 」 e realizo cento e cinquenta cortes em um segundo. Usei isso para me livrar de uma emboscada contra um exército inteiro de um oponente, e matei todos antes que pudessem me ferir. Arrisquei minha vida muitas vezes para aprimorar essa técnica, até chegar no seu máximo. A maior quantia de cortes que consegui foram 1500 em três segundo. Em vida, nunca passei desse número.

Não é relevante, mas você gosta de skate?: Aquele pedaço de madeira com rodas? Acho aquilo revolucionário. Eu poderia matar pessoas usando ele e, nas horas vagas, passear pelo mundo. Parece a arma ideal para mim!

Curiosidades : Adoro carpintaria, pintar e escrever, além de conhecer atividades novas. Ouvi falar sobre tricô, parece interessante. Depois de vencer e matar Sasaki Kojiro, decidi que eu era o espadachim mais forte existente. Já não existiam mais motivos para lutar. Então, aos vinte e nove anos,  comecei a morar numa caverna e aperfeiçoar minhas outras habilidades, como a escrita e a pintura. Foi assim que escrevi meus livros. Inclusive, um deles existe até hoje para venda. Fiquei muito surpreso com isso. E muito grato, também.


Última edição por 3DSFood em Ter 20 Dez 2016 - 23:17, editado 4 vez(es)
avatar
3DSFood
Membro
Membro

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 12/02/2011

Frase pessoal : e eu sei la porra


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Sonic and Shadow em Ter 20 Dez 2016 - 16:59


Classe: Berserker.

Identidade: Skofnung, mas cada um de nós aqui dentro possui sua própria identidade. Aliás, se achar complicado pronunciar nosso nome pode chamar só de SK.

Aparência: Já que não somos propriamente um indivíduo e sim uma espada possuímos o dom da transfiguração, podendo tomar a aparência que desejarmos, sendo a imagem acima a qual estamos usando como padrão aqui. Mas caso tenha interesse na nossa forma original, aqui.

Personalidade: Cada um aqui tem sua própria personalidade mas eu, a dominante e a que representa os demais na maioria do tempo, posso me definir como alguém arrogante, confiante e que não costuma levar as coisas a sério. Ah, e claro, alguém com uma paixão ardente e inapagável por derramamento de sangue, assim como todos os outros aqui.

História: Nós propriamente ditos não possuímos uma história, mas creio que a história de nosso mestre, o rei Hrólf Kraki, pode ser dita como nossa também. Fora isso, existem algumas informações extras sobre nós aqui, mas não é algo muito importante.

Armas: Eu sou a arma.

Desejo: Reviver meu mestre para que possamos continuar seu legado nos dias atuais.

Fantasma Nobre:

-As Almas dos Doze Guardas do Rei: Embora sejamos um, nosso poder total não é acessível o tempo todo. A espada que podemos virar possuí a alma de doze guardas do rei (cada um deles sendo um Berserker), assim como esse corpo agora possuí. Entretanto, para liberar mais poder precisamos liberar mais almas no controle do corpo. De forma básica, quanto mais almas ativas no corpo maior nossos atributos de batalha, assim como nossa insanidade pela quantia de mentes ativas. Normalmente apenas uma alma fica ativa mas, assim como o nome sugere, esse número pode se elevar até doze onde alcançamos o ápice da insanidade, força, resistência e agilidade.

-Skofnung Stone: Uma curiosidade sobre nossos golpes: eles não podem ser curados. A única coisa que pode curar as feridas que eles deixam é a Skofnung Stone, assim como é a única coisa que pode reparar nosso corpo. E então você se pergunta: onde ela está? Aqui, bem aqui, nos nossos ouvidos. Não é fone de ouvido, é Skofnung Stone. Ela é o motivo de nós não nos sermos destruídos quando estamos expostos a certas condições que normalmente destruiriam a nossa forma original de espada.

Não é relevante, mas você gosta de skate?: Oito de nós gostam, quatro não.

Curiosidades: Curiosidades é? Se serve, cada um de nós aqui dentro possuí gostos bem contraditórios. Por exemplo, a alma dois odeia doces, enquanto a alma quatro adora, a alma seis gosta de garotas com menos de dezoito anos, enquanto a alma três adora mulheres mais velhas com filhos. Fora isso, embora cada um tenha sua preferência quanto a mulheres, nesse corpo com todos nós juntos temos certos problemas mantendo proximidade com elas por… motivos. A luz do dia também não é muito agradável para nós.


Última edição por Sonic and Shadow em Qua 21 Dez 2016 - 4:35, editado 6 vez(es)
avatar
Sonic and Shadow
Membro
Membro

Masculino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 20/10/2011

Frase pessoal : Ilário


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por mrdeid em Ter 20 Dez 2016 - 17:26

Reserva Caster, pls.
Mori pediu Ruler.
avatar
mrdeid
Membro
Membro

Masculino Idade : 71
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : ata


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por KnightOMetal em Ter 20 Dez 2016 - 17:48


Classe: Archer.

Identidade: Minamoto no Tametomo.

Personalidade: Vejamos… As pessoas sempre me disseram que eu era um pouco avoada fora de batalha, me distraindo com coisas banais como o movimento das nuvens. Também me falavam que eu era horrível lendo as emoções dos outros, então eu acabava falando algumas coisas sem pensar nas consequências. Fora isso, posso me descrever como uma pessoa bem calma, orgulhosa, respeitosa, pacífica e… amorosa. Ao menos com eles...

História: Minha história é bem curta, assim como o meu tempo de vida. Caso tenha interesse nela, basta clicar aqui
, embora, ao que parece, eles tenham confundido meu sexo. Não que eu possa os culpar, lutei muitos anos disfarçado como um homem no meio dos soldados. Ah, esse documento não fala muito sobre minha vida pessoal junto de meus filhos e meu esposo, mas essa parte eu prefiro manter em segredo...

Armas: Meu leal arco, denominado de yumi pelos ocidentais devido ao seu formato. Não é uma arma lendária, mas faz seu trabalho muito bem.

Desejo: É um desejo um pouco vergonhoso para alguém que lutou sua vida toda como eu, mas eu gostaria de poder viver pacificamente junto da minha família outra vez. Junto do meu pai, da minha mãe, do meu esposo, dos meus filhos e do meu irmão, o qual se tornou meu inimigo durante a rebelião de Hougen.

Fantasmas Nobres:

– すべての悪を沈める孤独な矢(Subete no Aku o Shizumeru Kodokuna Ya)[A flecha solitária que afunda todo o mal]: Meus disparos com flechas ficaram conhecidos como os mais potentes da história. Entretanto, um deles se destacou dos demais. Nessa ocasião, eu concentrei tanta força em um único disparo que, com somente essa única flecha, cometi o feito de derrubar um barco inteiro. Meu Fantasma Nobre representa isso, o disparo mais forte que realizei em toda minha vida, o qual me fez ser marcada na história.

– 最後の打撃、山と星でさえ落ちる(Saigo no Dageki, Yama to Hoshi de Sae Ochiru)[O último golpe, capaz de derrubar montanhas e estrelas]: Este Fantasma Nobre não me traz boas memórias como o outro, mas ele também é parte do que sou. Sim, eu fiquei famosa por ser o melhor arqueiro do Japão, mas também fiquei conhecida por ser o primeiro samurai a cometer seppuku. Após tentar com todas as minhas forças derrubar uma frota de barcos, eu tirei minha vida enquanto ainda podia manter minha honra. Este Fantasma Nobre representa toda minha fúria nos meus últimos momentos de vida, a qual poderia derrubar montanhas e até mesmo as estrelas, seguida do meu último ato: tirar minha própria vida antes que meus inimigos o fizessem.

Não é relevante, mas você gosta de skate?: Me parece interessante atirar com meu arco enquanto uso um, então acredito que sim.

Curiosidades: Meu braço direito é alguns centímetros maior que o meu esquerdo, o que é a razão dos meus disparos com o arco serem tão potentes. Não é uma característica muito feminina, não é? Mesmo assim, meu esposo nunca se importou com isso… Ah, me perdoe pelo desvio de pensamento. Voltando ao assunto, eu não gosto de água e tenho medo de ficar em alto mar. Por fim, eu gosto bastante de chá preto, de pássaros, de tocar flauta e de ver navios afundando.


Última edição por KnightOMetal em Qua 28 Jun 2017 - 13:49, editado 3 vez(es) (Razão : O viking matou o arqueiro, então temos que matar o arqueiro! Por isso eu reservei o arqueiro!)
avatar
KnightOMetal
Membro
Membro

Masculino Idade : 16
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 07/06/2011

Frase pessoal : Se tivesse poder, mudaria ao mundo ou a si mesmo?


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Gehrman em Ter 20 Dez 2016 - 18:22

VINGADOR RESERVADO LORDINHO
SABRE RESERVADO FOOD
VIKING RESERVADO SANIC
CASTOR RESERVADO DEI
CUIDADOR RESERVADO MORI
ARQUEIRO RESERVADO IAN
ASSASSINO RESERVADO DANIEL
MOTORISTA RESERVADO ANA
LANCEIRO RESERVADO GHOSTIE
ESCUDEIRO RESERVADO JUNIM
FALSIANE RESERVADO JAIME

ACABOUU.


Última edição por Gehrman em Qua 21 Dez 2016 - 3:51, editado 1 vez(es)

________________

cfox: APARECI NO MULTISHOW


avatar
Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : NÃO TEM MEDCO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Musketeer em Qua 21 Dez 2016 - 3:29

Classe: Faker

Identidade: Desconhecida

Personalidade: Como todo o resto, a personalidade é algo que varia. Uma hora eu posso ser alguém totalmente sociável, em outro momento eu posso ser alguém que você deveria ficar longe. Tente não pensar muito sobre isso, até os seus pensamentos podem mudar de ideia sobre mim.

História: Como vocês não sabem quem eu sou nessa época eu vou ao menos explicar um pouco sobre o que eu era no meu tempo... Eu vim de um futuro distante desse que agora estamos. Dediquei boa parte da minha vida à ciência, pesquisando e estudando. Até chegar no momento que eu descobri sobre a magia. Passei anos treinando e melhorando o que eu havia aprendido até que eu dominei a minha técnica mais poderosa, o poder de mudar a mim mesmo. Foi aí que eu percebi o quão horrível era a magia e como ela quase acabou com o mundo no passado. Eu acho que não posso contar o que aconteceu agora... Mas eu acabei me tornando um espírito heróico.

Aparência:

Armas: De todo tipo, eu apenas preciso ver e copiar a aparência de outra pessoa que suas habilidades e armas vem junto. Inclusive, essa aparência atual também não é minha.

Desejo: Acabar com a magia. Com qualquer tipo dela e qualquer um relacionado à ela.

Fantasma Nobre:

Shifting Shade - Minha sombra se torna um outro eu, e se multiplica, com todos os poderes que eu possuo e pode mudar sua forma igual à mim. Isso consome muito de minha mana e então dura um curto período de tempo, ao final disso o meu corpo volta ao seu estado real por um pequeno período de tempo, revelando a única coisa que mostra a minha identidade real.

Não é relevante, mas você gosta de skate? Você se refere a Skate dessa época ou os Skates da minha época? Em todo caso, eu não gosto de nenhum dos dois.

Curiosidades: Eu venho lutado contra as coisas que causam problemas no mundo desde que o graal me escolheu como espírito heróico, vi várias guerras de várias épocas e consegui várias aparências diferentes para o meu arsenal.
avatar
Musketeer
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 15/09/2016


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Mori em Qui 22 Dez 2016 - 3:17



Classe
:

Ruler.

Digno de alguém como eu.



Identidade:

Durante minha vida, me chamaram de muitos nomes, ladrão, besta, monge...

Mas um deles sempre foi o meu favorito.

O Rei Macaco.




Personalidade:

Sun Wukong, o rei macaco, é possivelmente uma das criaturas mais convencidas que já pisaram nesta terra, cheio de si mesmo e de paciência curta, nunca recusa um desafio, sempre contando com sua vitória.

Crê que honra é importante, mas não está acima de usar de truques sujos para conseguir o que quer.

No fundo, tem um coração de ouro, digno de um verdadeiro Espirito Heroico.

História:

Se você está interessado em minha história, deveria ler o livro que escreveram sobre ela, Uma Jornada ao Oeste.

Mas caso você seja um mortal preguiçoso, existe um bom resumo aqui.


Armas:

Jingu Bang, o bastão que roubei, após BRUTALMENTE DESTRUIR, o Rei Dragão dos Mares do Oeste, ele pode mudar de tamanho, e só pode ser manejado por mim, Sun Wukong.



Desejo:

Desejo? Pbbbbbffffthhh, HAHAHAHAAHAHAHA, wow, wow...

Não há nada nesse mundo que o Rei Macaco não possa conseguir, pra que desejar?

O que eu quero é meu, não é uma questão de se, mas sim de quando.



Fantasma Nobre:

Exército do Rei Macaco:

Sou capaz de, com um tufo de meus pelos, invocar cópias de mim mesmo, que prontamente atacam meus inimigos, apenas um pequeno truquezinho que se aprende quando você é um semideus imortal.


Forma do Grande Sábio:

Nessa forma de Espirito Heróico meu poder é limitado, seria loucura para o Graal armazenar uma força tão incrivel, tão poderosa.

Então eu fui selado neste corpo mais fraco e limitado.

Mas veja bem, jovenzinho, nada é impossível para o Rei Macaco.

Se eu concentrar mana o suficiente, posso me libertar dessas amarras estupidas, me retornando a minha antiga glória, força e velocidade suficiente para derrotar DEUSES!

Só me espere, Buddha, eu ainda não desisti de chutar essa sua bunda divina.



Não é relevante, mas você gosta de skate?: Definitivamente sim!



Curiosidades:

Minha interpretação favorita de minha história está contida neste video:


avatar
Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Unit DAN em Qui 22 Dez 2016 - 3:48





Classe Assassin

Identidade: Pedro Rodrigues Filho, vulgo Pedrinho matador.

Personalidade: Eu sou uma pessoa pacifica, mas "sou capas de matar por amor", como diz a tatuagem no meu ombro direito. Olha só eu jamais machucaria mulheres, pais de família e trabalhadores honestos, só mato pessoas ruins.

História:
Pedro Rodrigues Filho, vulgo Pedrinho Matador, (Santa Rita do Sapucaí, 1954) é um serial killer brasileiro.

Pedrinho Matador perseguia e matava outros criminosos, descarregando seu instinto assassino naqueles que considera "maus".

Matou pela primeira vez aos quatorze anos e hoje acumula mais de cem homicídios, incluindo o do próprio pai, sendo que 47 pessoas foram mortas dentro dos presídios pelos quais passou. Ainda não respondeu por todos os crimes, mas já foi condenado a quase quatrocentos anos de prisão, a maior pena privativa de liberdade já aplicada no Brasil.


Armas: Minhas próprias mãos... Tenho também uma multitude de facas e revolveres, tenho uma espingarda também, uma vez eu matei um homem usando minhas próprias algemas.

Desejo: Queria ver minha namorada de novo...

Fantasma Nobre: 22 Facadas:
Pedrinho esfaqueia o inimigo vinte e duas vezes, o ataque tem o alcance de seus braços mas não pode ser bloqueado ou escapar do golpe se o inimigo estiver a este alcance.

A vitima sofre vinte duas facadas no peito e tem seu coração arrancado a força.


Não é relevante, mas você gosta de skate?: Acho interessante.

Curiosidades: Assumo que matei mais de cem pessoas mas essa historia de que comi o coração de meu pai é mentira. Eu só arranquei ele com a faca.
















avatar
Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 77
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Ceci em Sex 23 Dez 2016 - 0:43

Reserva um Lancer aí, por favor

mds eu to tão timida é o primeiro rpg q eu participo çlkimkljioçlkçlklkkççoi
avatar
Ceci
Membro
Membro

Feminino Idade : 11
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/12/2016

Frase pessoal : Super fantástico, amigo.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Gehrman em Sex 23 Dez 2016 - 1:08

NA VERDADE.

ESTOU EDITANDO ESTE POST
VOCE PODE ENTRAR COLEGA
RESERVO, METE BRONCA

________________

cfox: APARECI NO MULTISHOW


avatar
Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : NÃO TEM MEDCO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Unit DAN em Sex 23 Dez 2016 - 2:28

@Ceci escreveu:Reserva um Lancer aí, por favor

mds eu to tão timida é o primeiro rpg q eu participo çlkimkljioçlkçlklkkççoi

OI MINHA FILHA BELEZA? ENTRA AQUI PORAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

https://discord.gg/gddeC

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
avatar
Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 77
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Ele em Sex 23 Dez 2016 - 2:31

OUT OF THE WAY, FUCKING NOBLEMEN

PEASANT COMING THROUGH




As I walk through the valley where I harvest my grain
I take a look at my wife and realize she's very plain

Classe: Farmer

Identidade: Cincinnatus (nas. 519 AC, mor. 430 AC)

Personalidade: Eu só gosto de fazer duas coisas - PLANTAR e COLHER. O resto tudo é distração.

História: Todo mundo está linkando pra suas páginas da wikipédia? NA MINHA ÉPOCA AS PESSOAS BOTAVAM UM POUCO DE ESFORÇO.

Eu fui cônsul de Roma, ganhei umas batalhas com meu gênio militar, blábláblá. Ninguém liga. Aí eu me aposentei e me deram uma FAZENDA de prêmio. Uma FAZENDA INTEIRINHA SÓ PARA CINCINNATUS.

Era uma linda fazenda, deixa eu te contar... Eu plantava alcachofra, mostarda, coentro, rúcula, cebolinha, alho-poró, aipo, manjericão, chirívia, menta, arruda, hã... ah sim, beterraba, papoulas, endro, aspargo, rabanete, pepino, abóbora, erva-doce, alcaparra, açafrão, salsa, manjerona, repolho, alface, cominho, alho, figos e até uvas. Eu tinha até umas árvores frutíferas no quintal de trás, que davam ameixas, amoras e pêssegos e eu também tinha...

Hã? O quê? Ah sim, um dia vieram na minha fazenda porque os Aequis estavam atacando umas cidades romanas. Me pediram para assumir como dictator de Roma. Eu não queria porque era época de plantio, mas eu tive que ir, né? Aí eu juntei um exército, fomos lá e eu matei os caras. Aí depois de 16 dias eu abdiquei do cargo e voltei pra fazenda. Ano difícill. Quase não consegui terminar o plantio a tempo, mas são esses desafios que fazem ter uma fazenda ser algo tão recompensad- Você está prestando atenção?

Enfim, depois de uns anos me fizeram dictator DE NOVO porque esse CRETINO chamado Spurius Maelius estava fazendo uma revolução em Roma. Então eu fui e matei ele. Demorou 21 dias e aí eu abdiquei do cargo de novo e voltei pra minha fazenda e cuidei das plantas todo dia até morrer de velho. Bons tempos.

Armas: Um fazendeiro usa QUALQUER arma disponível para proteger suas plantas!

Desejo: PLANTAR e COLHER.

Fantasma Nobre: Mons Algidus - O local onde derrotei os Aequis. Se manifesta de duas formas: Um, eu posso treinar qualquer número de pessoas em soldados de elite com apenas um dia de treino. Não importa a estratégia ou as armas ou que tipo de equipamento tenha que ser utilizado, eu posso ensinar qualquer número de pessoas em no máximo 12 horas. Dois, com um urro eu posso trazer medo ao coração de qualquer inimigo, espírito ou mortal.

Não é relevante, mas você gosta de skate?: Não tenho sentimentos fortes sobre esse assunto.

Curiosidades: Minha planta favorita é a alcaparra.
avatar
Ele
Membro
Membro

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 14/01/2015

Frase pessoal : ok, but why?


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por ana em Sex 23 Dez 2016 - 3:32



Classe: Rider, o montador do meu companheiro Rocinante. Vamos, meu caro, dê oi para eles.

Spoiler:

...

Ele é tímido com estranhos, o coitadinho!

Identidade: O engenhoso hildago Dom Quixote de la Mancha. Se preferir, pode me tratar por Mr. Alonso Quixano.

Personalidade: Aqui devo ser simples e direto, pois, é importante para que todos reconheçam minhas qualidades e defeitos: Honrado, ingênuo, sonhador, pavio curto, aventureiro.

História: O mundo conheceu minha história por uma obra caricata, escrita pelo senhor Miguel de Cervantes. Enquanto eu sou grato por ele ter redigido tal livro, me sinto profundamente triste por Cervantes ter distorcido os fatos de tal forma que se adequassem a narrativa e a críticas que queria fazer. Mas, tudo bem! O importante é que desse jeito minha honrada história teve o poder para atravessar as gerações, me fazendo viver para sempre. E por isso, eu posso estar aqui hoje! Mais uma vez, pronto para salvar o mundo dos males que o rondam.

A minha narrativa é uma simples, mas não menos importante. Um dia, um hidalgo, após ler as melhores histórias de cavaleiro da época, decide que ele mesmo tem a missão de combater os males do mundo, então parte numa épica aventura. Derrotando monstros, protegendo os fracos e indefesos, resguardando a honra de nobres donzelas, fazendo do mundo um lugar melhor. Ele então conhece seu escudeiro, o jovem Sancho Pança e eles se tornam uma força inseparável... Até o dia que as forças da natureza venceram o nobre cavaleiro, que foi para seu merecido descanso final. 

Sinto bastante falta do bom Sancho... Uma grande pena ele não poder ter vindo comigo!

obs: ele era doido na verdade e alucinou que era um cavaleiro, como o livro nos diz

Armas: Ora, não deveria ser obvio? Uma espada e uma lança.

Spoiler:


Desejo: Desfazer o mal, trazer a paz e a justiça para todas as pessoas! Criar um mundo onde a paz seja a lei. 

Fantasma Nobre

Tirant lo Blanch: Dom Quixote, por um momento, é inspirado por todos aqueles que sonharam com suas histórias e também foram inspirados por elas. Com tamanho poder, ele emite uma aura mistica que faz seus companheiros darem o melhor de si nos seus próximos ataques.

Cançó de Santa Fe: Dom Quixote invoca uma realidade alternativa onde todos seus sonhos são realidade, onde o mundo é bom, os cavaleiros existem até hoje e em que o mal é combatido até o final. 

Não é relevante, mas você gosta de skate?: Prefiro ficar a pé ou a cavalo, se a senhorita me perdoa. 

Curiosidades: É difícil admitir, mas tenho medo de moinhos de vento... Uma das minhas favoritas obras da ficção atual é o "anime" Sword Art Online! Na minha época eram poucas as obras de tão qualidade, hoje em dia vocês são sortudos de terem algo tão bom a disposição.
avatar
ana
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por mrdeid em Sex 23 Dez 2016 - 19:15



Identidade: Aquenáton, o espírito atuante de Aton! Faraó de uma dinastia brilhante no Antigo Egito! Oh, yeah!

Personalidade: Meus queridos, minha personalidade resplandece a alegria por Aquele que nos ilumina! Uma forma iluminada como a própria luz do sol, repleta de alegria e calor, queimando os espíritos negativos e resplandecendo a alma de uma forma incrivelmente bela! Este sou eu, meu bem, este sou eu! Uma aparência bela, fortuna para todos que precisam, um espírito explosivo, alma amorosa! Este sou eu, baby! Agora, querido, se você me falar em não cultivar meu bem maior, Aton, aaaaaah, querido, você vai sofrer! Ô se vai, hehehe! Agora, se você for esperto, vai conhecer o melhor lado de mim - e não são as laterais, hehehe!

História: Sem mais cerimônias, Aquenáton nasceu pra brilhar! Brilhar, baby, brilhar! Infelizmente aqueles que não cultivavam meu querido Aton não conseguiam entender isso... Preferiam uma vida de tristeza e ódio amaldiçoada por meia dúzia de gatos pingados bem vestidos e bonitos...... Oh, queridos, e como eram bonitos! Mas eram ruins, poxa vida. Meu Aton era justo. Ele era bom. Ele brilhava, ô se brilhava! Porém, quando ascendi, as pessoas não gostaram da ideia de meu querido Aton reinar! Oh, yeah, eles não queriam! Mas por favor, queridos, é claro que ele reinou! Aton veio ao poder através de minha alma e, junto com minha esposa, criamos um novo legado! Um legado brilhante para um lugar imundo! Mas é, toda história tem uma vírgula... As pessoas me achavam louco. Tirar aqueles imundos das cabeças cheias de vento deles? Por favor, para eles isto era demais. Foram tempos de ouro para mim, de brilho para meu querido neter e, queridos, de muita confusão religiosa para aqueles leigos nada modernos. Morri por algum motivo que não me recordo, e depois não sei de mais nada do que aconteceu. Imagino que meu filhote Tutancamon subiu ao trono - BOA GAROTO, PAPAI TE AMA! Esse garoto só me orgulhava, que puta saudade desse arrombado. Queridos, vou acabar chorando desse jeito.......... ISSO É INJUSTO, BABY, ISSO É MUITO INJUSTO! NADA BRILHANTE, AAAAA! Alguém poderia me trazer minha maquiagem?

Classe: CASTER, BABY, CASTER!

Armas: Meu velho me deixou uma espécie de espada, cimitarra, nunca soube o que era aquilo. Eu sempre senti uma energia muito explosiva daquela arma, oh, yeah! Às vezes quase sinto como se eu pudesse transmitir toda aura calorosa daquilo sem ao menos tê-la que usar para golpes físicos, sabe? É INCRÍVEL!

Desejo: Não é óbvio? Farei com que todos passem a cultivar meu querido deus, Aton. Oh, yeah!

Fantasma Nobre: : Personificação de Aton: Com toda a formosura de um faraó, aponto minha arma em direção ao oponente e, da ponta dela, um brilho extremamente forte e cegante surge. O brilho cresce numa velocidade extremamente rápida, tomando uma proporção enorme até por fim invocar uma personificação gigante de Aton - uma escala menor do Sol com braços, mas com um poder brilhante, cegante e com uma temperatura extremamente elevada de mesma proporção.

Fonte de Aton: Meu corpo começa a brilhar durante a batalha, absorvendo todo o poder de todos os golpes para dentro de si. Este Fantasma serve como um buff acumulativo, baby. Vou juntando o poder e então, quando eu quiser, posso descarregar em um golpe, aumentando assim sua força pela quantidade de poder já absorvido.


Não é relevante, mas você gosta de skate?: O que é "Skate"?

Curiosidades: Eu não sabia disto, mas este mundo moderno revelou que eu sofria de duas doenças. Uma era uma síndrome que fazia meus membros nascerem que pequenas diferenças de tamanho (mãos maiores pra diversão, baby!) e outra que me fazia ter alguns aspectos femininos (como o formato de algumas partes do rosto e coisas do gênero). Puta besteria, queridos. Aquenáton é top!


Última edição por mrdeid em Qui 19 Jan 2017 - 22:54, editado 1 vez(es)
avatar
mrdeid
Membro
Membro

Masculino Idade : 71
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : ata


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Ceci em Sab 24 Dez 2016 - 0:59

Quote:
FINALMENTE ACABEI ESSA JOÇA AAÇSDIJASIDJAISJDÇIAÇSJDIOAJSDIOÇ
EDIT: mudei o pp pq fez n fez o minimo sentindo colocar um pirralho de mais ou menos 15 anos de idade pra ser um cara historico e pq ja tinham o usado o outro PP rs



"..."

Classe

Lancer


Identidade

Hattori Hanzo, é um prazer.


Aparência:





Personalidade

[ Narrado em 3ª pessoa ]

O rapaz é o tipo de pessoa que muitos não desejariam por perto, e ao mesmo tempo, gostariam. Não é um amor de pessoa, mas sabe a quem valorizar e/ou respeitar. Sua personalidade é um tanto complicada de explicar pelo fato deste não demonstrar seus sentimentos com muita facilidade, se ele está quase a morrer de tristeza ele apenas fingirá estar calmo e negar tal. E isso torna difícil tentar imaginar o que ele está a pensar, raro ver um sorriso esboçado em seus lábios e geralmente quando o faz são estes sínicos e até mesmo maliciosos dependendo do momento;  ele costuma surgir dos cantos mais inusitados, sempre andando furtivo por todos os cantos, não importando se está fingindo-se ser humano, ou se está agindo como um verdadeiro leão. Ele é conservado, mas não é de muitos amigos, geralmente dando respostas de poucas palavras para estranhos quando não se sente à vontade para conversar. Ele tem uma personalidade bem difícil, e não costuma ser romântico, o que torna ainda mais difícil para garotas se aproximarem dele. Ele é totalmente impaciente, quer tudo no tempo que quer. Ele fica irritado facilmente, mas deixa de estar nervoso em poucos minutos, desconfia muito facilmente dos outros, e isso o trás problemas... Digamos que é uma "presa difícil".  Ele nunca fala sobre si mesmo, nem sobre o passado, nem o que pretende para o futuro. Ele irá sempre inventar algo, fingir que é um indivíduo desinteressante, que não possui planos para o futuro a não ser sobreviver como pode, o que normalmente provoca ou um interesse enorme dos outros em conhece-lo mais, ou desinteresse. Mas a verdade é que depois de um tempo, as pessoas enjoam de si e se afastam, exatamente como ele deseja. Não lhe apareça com promessas, lágrimas ou palavras vazias, pois tais não colam com ele, não lhe venha com mentiras pois Hanzo tem facilidade em descobrir tais, e além do mais esta é sempre sincero, dizendo suas opiniões sobre as pessoas e outras coisas sem nem pensar duas vezes, sem ponderar. Tanto que as vezes pode parecer aos olhos de alguns rude ou arrogante. De certa forma esta é sua delicadeza, mesmo que a maioria se sinta encurralada por tal. De começo pode ser hostil tentando se manter ao máximo te afastar. Inicialmente não se desgasta com palavras, geralmente mantem-se calado, observando oque acontece ao seu redor, para só depois falar algo.

História


Aqui.


Arma
Click!:

De modo que foi invocado como um Lancer, sua arma original foi substituída por uma lança, cuja altura é de 1,89cm e sua lâmina é levemente inclinada para cima, seu cabo é de madeira levemente tingida de vermelho e a sua ponta é feita de ouro, também tem uma pena vermelha presa em uma das inclinações na lâmina da lança.


Desejo
Voltar á minha primeira batalha no campo de guerra para reviver tal momento.


Fantasma Nobre
Buredo Meisai: A Lança, principal marca de Hanzo. Apenas ele conseguia portar sua forma original, se tornando um pesadelo em batalhas com sua forma de luta praticamente impossível de ser lida ou prevista.  Hanzo acabou sendo invocado como Lancer, e graças a isso sua arma acabou sofrendo modificações. Sua lâmina ainda não consegue ser vista por ninguém, apenas por ele mesmo e por sua mestra. Porém, quando o nome da arma é revelado, ele pode, mesmo que por um tempo limitado, trazer sua arma a forma original; como uma foice presa a correntes. Sua forma neútra é apenas uma ótima lança cuja lâmina é invisível. Seus cortes realizam marcas que não podem ser removidas de nenhuma forma. Elas começam a doer quando Hanzo se aproxima da pessoa.

Mugen Burando: As marcas da lança de Hanzo representam uma infeliz lembrança de que seus alvos sempre morrem, cedo ou tarde. Se ele conseguir marcar uma pessoa duas vezes, pode fazer sua lança na forma original decapitar a pessoa em segundos, sendo impossível de desviar do golpe por métodos normais de esquiva.


[/color]
Não é relevante, mas você gosta de skate?



Sim(?).



Curiosidades


Voltei a forma física mais jovem do que o esperado, apenas.


Última edição por Ceci em Qui 12 Jan 2017 - 0:34, editado 24 vez(es)
avatar
Ceci
Membro
Membro

Feminino Idade : 11
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/12/2016

Frase pessoal : Super fantástico, amigo.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por mrdeid em Sab 24 Dez 2016 - 1:05

Ceci, entra aqui: https://discord.gg/4Fm48kn
É o grupo do RPG no Discord. Só clica no link!
avatar
mrdeid
Membro
Membro

Masculino Idade : 71
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : ata


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Ceci em Sab 24 Dez 2016 - 1:07

É um chat de voz né? Eu não tenho microfone se for :\
avatar
Ceci
Membro
Membro

Feminino Idade : 11
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/12/2016

Frase pessoal : Super fantástico, amigo.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por mrdeid em Sab 24 Dez 2016 - 1:08

Tem canal de voz, mas ninguém usa. Povo usa como se fosse chat normal. Todos da área de rpg estão lá, literalmente. Só chega e dá oi pra galera, eles vão te reeber bem!
avatar
mrdeid
Membro
Membro

Masculino Idade : 71
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : ata


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Junim - kun em Ter 27 Dez 2016 - 14:30


Classe: Shielder

Identidade: Princesa Andrômeda

Personalidade: Uma pessoa doce e gentil, se preocupa mais com a segurança alheia do que de si própria

História:Foi uma princesa na antiguidade, filha do Rei da Etiópia, Cefeu e sua esposa, a rainha Cassiopeia. Certa vez sua mãe afirmou que a garota possuía beleza superior a das nereidas que são filhas de Nereus e Doris, companheiros de Poseidon, fazendo com que o deus dos mares ficasse furioso com eles, mandando Cetus para destruir Etiópia, a fúria do monstro marinho só seria cessada com a morte de Andrômeda, seus pais então acorrentaram-na em uma pedra como um sacrifício, mas a mesma foi salva por Perseu, que se casou com ela e a levou junto para a Grécia, eles tiveram nove filhos, e quando morreu, Atena concedeu um lugar nas estrelas para ela viver eternamente como uma constelação

Armas: Um cetro e um escudo

Desejo: Que as pessoas consigam viver em harmonia, ela sabe que isso é utópico, mas se ninguém tentar.. O mundo nunca mudará

Fantasma Nobre:

Correntes do sacrifício: Seu cetro libera correntes similares as que a prendeu perante Cetus, elas envolvem o adversário e o mesmo não é capaz de fazer nada sem a ajuda de terceiros

Proteção Cósmica: Em seu escudo começam a surgir pequenos pontos luminosos que formam uma constelação, após isso Andrômeda e algo que ela deseja proteger são envolvidos por uma nébula, protegendo-os de qualquer ataque

Não é relevante, mas você gosta de skate?: Ela não possui habilidade para andar em um, mas aprecia a engenhosidade de quem o faz

Curiosidades: Mesmo sem o seu consentimento, a garota aceitaria ser oferecida como sacrifício pelo bem do seu povo
avatar
Junim - kun
Membro
Membro

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 07/09/2014

Frase pessoal : Whatever


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por bluehairghost em Qua 4 Jan 2017 - 0:42


Identidade: "Honda Tadakatsu! O verdadeiro! Kakakakaka, mas aceito que me chamem de Heihachirou se preferirem!."

Classe: "Lancer! Não seria se eu não tivesse minha arma! Kakakakaka."

Aparência: "Eu Acho que você precisa de óculos."

Personalidade: "Claro que sou uma personalidade! Afinal, eu liderei exércitos! Kakakakaka... Ah você quer dizer minha personalidade? Digamos que eu tento o meu melhor."

História: "Kakakaka, eu era bem feliz como um soldado, e subi nos ranks até que fui eleito como o melhor general sob o comando do grando Tokugawa Ieyasu! Fui elogiado pelo próprio Oda Nobunaga e também por Toyotomi Hideyoshi... mas eu não era muito fã dele. Dizem as lendas que eu sobrevivi 100 batalhas sem nenhum ferimento mas infelizmente isso é mentira, na  batalha de sekigahara eu torci o tornozelo e derrotei meus inimigos mancando, KAKAKAKAKAKAKAKA, eu usava um chapéu com os chifres de um cervo na época, mas hoje me disseram que é um pouco fora de moda então resolvi trocar, o que acha?"
                       

Armas: "ArmaS? Não, não, só preciso da minha querida Tonbokiri~"

"Uma bela arma não é?"

Desejo: Desejo.... Kakaka, na verdade eu só gostaria de viver uma vida tranquila e sair pra pescar de vez em quando, pode passar meu desejo pra alguem que precise mais dele.

Fantasma Nobre: 「百必殺攻撃」 Hyaku Hissatsu Kougeki, cem ataques letais que não me atingiram, que tal sentir o peso de 100 batalhas em cada um desses ataques? Kakakakakakaka!
Também tenho um companheiro, mas não acho que ele possa ser chamado de um Fantasma nobre, apeasar de certamernte ser perto de um fantasma


Não é relevante, mas você gosta de skate?: KAKAKAKAKAKAKAKAKAKA, é certamente uma ferramenta peculiar, mas é muito interessante, sim! Eu gostaria de um dia ser habilidoso neste instrumento!

Curiosidades: Eu realmente gosto de pescar e de observar os animais de florestas, especialmnte cervos! os chifres que eu usava em meu capacete eram de um cervo qual eu cuidei por muito tempo até ele ser morto por um soldado inimigo, carrego sua vida comigo, se me entende.
avatar
bluehairghost
Membro
Membro

Feminino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 15/08/2015

Frase pessoal : meh


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por Gehrman em Qua 4 Jan 2017 - 16:09

OK AGORA TÁ TUDO FODENDO ESGOTADO MEUS COLEGAS
AGUARDEM O GAMEPLAY
SÓ AGUARDEM, NAO TENHO PREVISAO, MAS SERÁ PERTO DE HOJE
A G U A R D E M

________________

cfox: APARECI NO MULTISHOW


avatar
Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : NÃO TEM MEDCO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por MegaMoro em Qua 1 Fev 2017 - 0:24

Classe: Saber

Identidade: Rodrigo Díaz de Vivar, é um prazer! Ah! Mas você deve me conhecer pelo nome de “El Cid”.

Aparência:



Personalidade: Sou o tipo de homem que prefere encarar seus problemas de frente, sabe? Segui os princípios de um Cavaleiro minha vida toda, e acho que isso moldou minha personalidade. Porém com o passar dos anos aprendi a manter minha mente mais aberta. Nos últimos de minha vida eu segui mais meu próprios interesses, mas por algum motivo me sinto animado para servir alguém de novo. Será influência dessa Classe?

História: Tentarei manter breve para não lhe entediar. Certo, Mestre?
Nasci em Vivar, capital do Reino de Castela, filho de membros nobreza. Ao 15 anos me juntei a corte do rei Fernando I de Leão, onde conheci o infante Sancho, o qual me tornei amigo. Quando o rei morreu, Castella foi dividida entre os infantes. No entanto, Sancho estava insatisfeito com a divisão das terras e decidiu conquistar o resto do reino. Eu lutei ao seu lado, claro. Durante essas campanhas eu ganhei o apelido de “Campeador”. Significa “Especialista em Batalhas em campo aberto”.
Tivemos sucesso na conquista, mas infelizmente Sancho foi assassinado… Sancho não deixou herdeiros, logo, seu irmão, Alfonso VI,  se tornou o novo Rei de Castella.Mas não antes de que eu o forçasse a prestar La Jura de Santa Gadea, de que ele não teve envolvimento na morte de seu irmão! Apesar deste incidente, nossas relações se mantiveram estáveis. Até eu invadir e saquear uma região que estava sob sua proteção. Daí ele me desterrou. Oops!
Porém esse exílio não foi o fim para mim! Parti  para Zaragoza, e lá servi ao rei mouro Yusuf al-Mu'taman, assim como seu sucessor Al-Mustain II. Foi nessa época que recebi o nome de “El Cid”! Cid é a palavra árabe para “Senhor”! Era como os mouros do meu exercito me chamavam.
Alguns anos depois Alfonso precisaria de minha ajuda para repelir a invasão, então retornei a Castella. Tive sucesso, mas após um “desentendimento” eu fui desterrado de novo. O que eu fiz desta vez? Lhe conto outra hora. O importante, é que a partir deste ponto, comecei a agir de forma mais independente e conquistei Valência, onde eu me estabeleceria até o fim dos meus dias.
Por falar do meu fim, acho que já posso lhe contar como ele chegou. Enquanto repelia uma invasão ao meu lar, fui ferido fatalmente, e não pude ser salvo. Mas graças a minha esposa, Jimena, (Se quiser posso lhe falar mais dela outra hora), pude lutar até após a morte. Ela mandou que meu corpo fosse amarrado ao cavalo e minha espada a minha mão e me mandou ao campo de batalha. Os inimigos que ante pensavam ter me derrotado, ao verem meu corpo liderando as tropas fugiram amedrontados, e foram perseguidos e derrotados por meu exercito.

(obs: Inclui algumas das romantizações da lenda do Cid, espero que não se importem)

Armas: Devido a natureza desta classe, estou equipado com a minha mais famosa espada: Tizona!



Desejo: Servi meu país e pude lutar como um cavaleiro até o fim. Meu único desejo atual é poder lhe servir em batalha, mestre. Porém, admito que gostaria de visitar Valência, para ver como as coisas estão.

Fantasma Nobre:

Tizona Primeira Fase: Sabia que Tizona tem sua própria personalidade? Uma bem orgulhosa, na verdade. Por isso não permite ser empunhada por nada além de um guerreiro valoroso, e muito menos usada contra um oponente indigno. Ao ser revelada, Tizona emite uma energia que espanta qualquer um que não seja merecedor de estar em frente a ela.

“Espada del Campinador = Tizona” :  Se eu fui levado a utilizar essa técnica, então meus parabéns, você é mais do que digno. Talvez até mais forte do que eu. Nesse caso Tizona liberará uma energia mística, capaz de cortar qualquer defesa. Se estiver do outro lado do ataque, aconselho que você tente desviar.


Não é relevante, mas você gosta de skate?: Uma tábua com rodas? Francamente, não vejo como isso pode ser um meio de transporte muito eficiente.,,, Agora se você colocasse um cavalo em um skate...

Curiosidades:  A proposito, mestre, creio importante lhe informar que possuo a habilidade “Continuação de Batalha”, devido ao final de minha lenda. Portanto não tenha medo de me usar em batalha até o fim! Na pior das hipóteses, você poderia me invocar de novo na classe Rider! Babieca é um excelente cavalo, tenho certeza que iria gostar dele!
avatar
MegaMoro
Membro
Membro

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 31/01/2017

Frase pessoal : Henshin!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fate/Infernal Calamity Infinite Destruction Of The Constructs Of Historicalities

Mensagem por not!Kuma em Sab 1 Jul 2017 - 23:47



Classe: Archer

Identidade: Simunarie "Simirie" Hayha Alter

Personalidade:

Um menina extremamente leal, determinada e forte. Jurando a sua vida e arma ao seu mestre. Ela tem um pequeno senso de justiça, mas acredita em que a justiça e igualdade são apenas valores relativos e facilmente manipulados. Sendo assim, acredita em seus próprios ideais, até mesmo tendo lutado por eles. Ela também gosta de impô-los nos outros, da forma que achar necessária.

História

Seguindo a mesma história de Simo Hayha, Simunarie lutou pelas causas da igualdade e pelo seu povo. Tendo isso em vista, ela se tornou um Espírito Heroico. Porém por uma falha de sua memória, Simunarie não se lembra, mas acabou tendo um imprevisto em uma das suas batalhas pelo Holy Graal. Logo não se sabe, se ela foi corrompida pelo Graal ou apenas um erro no sistema de invocação, porém Simunarie veio como uma forma alternativa da sua original.

Arma

Sua arma é um Rifle Sniper Mosin Nagant Alterado, semi-automático, com munições enormes e extremamente perfurantes, com lanças pequenas em espirais.

Desejo

Seu maior desejo é entender por que o senso de justiça é tão relativo, basicamente, entender como os seres humanos são capazes de fazerem atrocidades e não perceberem as falhas e erros, mesmo observando o passado.

Fantasma Nobre

One True Shot
The Incoming White Death


Com uma munição espiral gigantesca, muito maior que uma lança, é coloca dentro do rifle, este que por sua vez vira uma espécime de sniper canhão. E apenas pressionando o gatilho, o tiro ajusta sua trajetória para a angulação perfeita que perfure todos os alvos em campo de batalha.

Não é relevante, mas você gosta de skate? (Preciso muito saber disso. É para uma pesquisa que eu ando fazendo sobre comportamento humano.):

- Sim, é como andar só que com rodinhas.

Curiosidades

Simirie tem um imenso medo de crocodilos e acredita no monstro do Lago Ness.
avatar
not!Kuma
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 14/01/2016

Frase pessoal : que isso cara


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum