Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Por favor, não perca mais tempo, inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobres todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Aguardo.
Feliz Natal e Ano novo!

Limit Soul 1ª Temporada

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Limit Soul 1ª Temporada

Mensagem por Tatsumaki Yamato em Qui 11 Fev 2016 - 23:25

Limit Soul


Autora ~> Tatsumaki Yamato
Gênero ~> Ação, Aventura, Angust, Mistério, Ficção, Romance;
Sinopse ~> Sendo Aichi, um garoto tímido e medroso, tenta passar pelo mundo sem ser percebido, mas começa a explorar seu potencial quando se vê envolvido no mundo das batalhas Pokémon, devido à um Pokémon que havia ganha de um amigo quando ainda era uma criança. Aichi vive batalhas e aventuras alucinantes, encontrando muitos amigos e rivais, até o ponto em que ele começa a ultrapassar limites que nunca haviam sido quebrados.
Notas ~> Pokémon e Cardfight!Vanguard não me pertencem.

Fatos Importantes do Mundo Pokémon que Foram Modificados:
1 ~> Não existe evolução por troca. As evoluções por troca ocorreram como se fossem por nível, e as evoluções por troca+item ocorreram com apenas o item (que terão o mesmo efeito das pedras evolutivas);
2 ~> Teoricamente, qualquer um pode ter um pokémon ou mais na fic, mas apenas treinadores certificados podem sair de suas cidades para jornadas;
3 ~> A idade mínima para um treinador sair em jornada é de 15 anos;

Protagonista:

Sendou Aichi
Idade ~> 15 anos
Altura ~> 1,57 m
Aniversário ~> 6 de Junho
Signo ~> Gêmeos
Família ~> Shizuka (mãe), Emi (irmã mais nova), Yoshinori (pai)
Pokémon's ~> Desconhecidos

Rivais:

Kai Toshiki
Idade ~> 17 anos
Altura ~> 1,77 m
Aniversário ~> 28 de Agosto
Signo ~> Virgem
Família ~> Desconhecida
Pokémon's ~> Desconhecidos



Prólogo



Dizem que certos acontecimentos podem mudar completamente o destino de uma pessoa. Para mim… o momento em que meu destino começou a mudar… foi o momento em que eu o encontrei pela primeira vez…

A chuva caia com força sobre seu corpo pequeno, mas nem mesmo o frio que sentia, fazia com que Aichi se movesse de seu lugar no balanço.

Sendou Aichi era pequeno para um adolescente da sua idade.

Normalmente, os garotos naquela idade começavam a crescer e, lentamente, ganhar alguma massa muscular e perdiam a ‘fofura de bebê’. Aichi, porém, parecia não ter chegado nessa fase e, ao que tudo indicava, não chegaria. Enquanto seus colegas de classe mediam entre 1,65 a 1,75 de altura, Aichi não tinha mais do que 1,52. Seu corpo não demonstrava quaisquer sinais de que estava indo para desenvolver algum músculo e seu rosto ainda tinha os mesmos traços suaves de quando era uma criança, com os mesmo olhos grandes azuis e bochechas rosadas, reforçados pelos seus cabelos azuis um tanto compridos, que roçavam em sua nuca e moldavam suavemente seu rosto.

Enquanto os adultos o achavam ‘fofo’ e ‘adorável’, qualquer outro garoto encontrava sua aparência um motivo para zombar e intimidá-lo.

Agora, eram raros os dias em que Aichi não era perseguido e, muitas vezes, surrado por vários garotos de sua idade ou mais velhos. Algumas vezes, ele conseguia fugir e se esconder, outras ele não era rápido o suficiente.

Aquele era um dos dias em que ele não havia sido rápido suficiente.

No momento em que havia pisco para fora do pátio da escola, Aichi havia se visto cercado por cinco garotos. Três eram, não apenas da sua idade, mas também seus colegas de classe, enquanto os outros dois garotos eram, ao menos, dois anos mais velhos do que ele. Antes que pudesse ao menos pensar em correr, ele se viu sendo arrastado até o mesmo parque, no qual se encontrava no momento, para então ser surrado.

A surra havia durado vinte minutos, parando quando o primeiro trovão havia ecoado no céu. Então os garotos apenas o deixaram jogado no chão e foram embora.

Aichi não havia se movido durante os primeiro minutos, sentindo muita dor e desconforto. Quando ele finalmente foi capaz de se mover, tudo o que fez foi andar até o balanço vazio e sentar-se ali. Mesmo quando a chuva havia começado a cair, ele não se moveu, permitindo que seu corpo fosse agredido pela chuva.

Seus pensamentos estavam vagando uma área fria e obscura de sua mente.

Mais de uma vez, ele se perguntava o motivo de ter nascido… o motivo pelo qual ele, simplesmente, não podia morrer e terminar com aquela angustia…

— Você vai ficar doente, se ficar aqui na chuva. — Comentou uma voz a sua frente, no mesmo momento em que ele parou de sentir a chuva bater contra seu corpo.

Seus olhos azuis se ergueram assustados, fixando-se em um par de olhos esmeraldas.

Parado a sua frente, segurando um guarda-chuva sobre sua cabeça, encontrava-se um adolescente que deveria ser dois ou três anos mais velho do que ele. Ele tinha os cabelos castanhos claros arrepiados, que apontavam para todas as direções, a pele clara e uma expressão descontraída e exibia um sorriso maroto, cheio de confiança. Ele estava vestindo uma camisa lilás de mangas compridas com um colete branco por cima, calças jeans em um tom azul escuro, e uma mochila preta com detalhes em vermelho em suas costas.

Aichi podia ver uma aura de força e confiança inabalável envolvendo o corpo daquele garoto.

— Nossa! Você tem alguns machucados bem feios, hein. — Comentou soltando um assovio, enquanto aproximava mais seu rosto, para examinar os vários hematomas e cortes que o menor possuía pelo rosto infantil. — Hmm… você não me parece o tipo que se mete em brigas… alguém está te intimidando?

Aichi abaixou a cabeça, encolhendo-se um pouco mais contra o balanço, preferindo não responder.

— Você é do tipo quieto e covarde, que nunca reage.

Não era uma pergunta, e isso irritou Aichi.

Sim! Ele era quieto e covarde!

Ele preferia correr e tentar escapar de ser espancado, do que ficar e ser espancado!

Sem que Aichi soubesse, algo mudou em seu olhar. Foi rápido, não durou mais do que um par de segundos, mas foi facilmente percebido pelo mais velho, que sorriu como se houvesse visto algo interessante.

— Bem, eu estava guardando esse carinha para mim, mas acho que você precisa dele mais do que eu. — Falou, soltando um suspiro dramático.

Aichi ergueu os olhos, querendo saber do que o outro estava falando, quando o viu retirar uma pokébola azul com detalhes amarelos de dentro da mochila.

O garoto a armou e estendeu-a em sua direção, seu sorriso cheio de confiança nunca se dissipando de seu rosto.

Hesitante, Aichi pegou a pokébola.

O metal quase parecia quente, contra seus dedos frios.

— Etto… o quê… — murmurou inseguro, seus olhos brilhavam cheios de duvidas diante daquele ato.

— Ele é um guerreiro muito forte. Torne-se um com ele e fique grande e forte!

Instantaneamente, ele abaixou a cabeça, comprimindo os lábios com um pouco de força.

Ficar grande e forte… ele?

— Impossível… eu não…

Suas palavras foram interrompidas por uma risada, o lhe fez encarar o rosto do adolescente a sua frente.

— No começo é impossível, mas se você não desistir, não importa o que aconteça, então você se tornará realmente forte!

Aichi não sabia o porquê, mas aquelas palavras, ditas com tanta certeza, fizeram com que uma pequena chama de esperança se acendesse em seu peito.

Seus olhos fixos na superfície lisa e brilhante da pokébola.

— Eu posso… ficar forte…? — perguntou para si mesmo.

— Meu nome é Toshiki. Kai Toshiki. Qual é o seu?

Azul e verde se fixaram mais uma vez.

A atmosfera ao redor mudou levemente, enquanto eles encaravam. A chuva havia parado e, lentamente, o sol começava a se mostrar por entre as nuvens cinzentas.

— Aichi… Sendou Aichi…

Kai sorriu, quase como se houvesse gostado do nome.

— Sendou Aichi, então vamos fazer uma promessa. Da próxima vez que nos encontrarmos, iremos batalhar! Até lá, torna-se um com esse Pokémon e fique forte!
Até aquele dia, minha vida era fria e não havia esperanças. Aquela promessa, feita após a chuva, não me deu apenas esperanças… mas um caminho para seguir. Eu sabia que, não importasse quanto tempo demora-se, nós encontraríamos novamente.

Continua...
avatar
Tatsumaki Yamato
Membro
Membro

Feminino Idade : 25
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/02/2016


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limit Soul 1ª Temporada

Mensagem por mrdeid em Sab 13 Fev 2016 - 17:31

Eaí cara, tudo bom?
Dediquei uma parte do meu tempo pra ler sua história e devo dizer que foi uma parte muito bem gasta! Gostei bastante do enredo, dos personagens, de tudo no geral. Tô bem ansioso pro próximo capítulo hahaahah Admiro muito quem faz essas paradas por temporadas, capítulos e tal, deixa tudo bem mais interessante ahahaha

E sobre as regrinhas modificadas, como idade e tudo mais: muito bem feitas! Meus parabéns!

Aguardo o próximo. Abração. Very Happy
avatar
mrdeid
Membro
Membro

Masculino Idade : 71
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : ata


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum