Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Por favor, não perca mais tempo, inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobres todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Aguardo.
Feliz Natal e Ano novo!

NOSTRUM

Página 4 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por dork princess em Qua 13 Jan 2016 - 15:55


- Quer uma carona até em casa? - Tunes abre um sorriso enorme porque eu não tenho nenhuma outra imagem de reação fitting.

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Gehrman em Qui 14 Jan 2016 - 0:03


- Oh... Claro, muito obrigada! - Essa moça me parece gentil... Meio doidinha, mas acho que ela é bem civilizada.

________________

cfox: EU MATEI DOIS CARA



Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : VAMOS DEMOLIR


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por dork princess em Qui 14 Jan 2016 - 0:10



- BORA LÁ, QUATRO OLHOS!


dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Gehrman em Qui 14 Jan 2016 - 0:12


- Como assim Quatro-OlhOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOADA0UJ9HPPPPPPPPPPPPPPPPPPPOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO - ISOS E´MUTIO RIAPIDO

________________

cfox: EU MATEI DOIS CARA



Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : VAMOS DEMOLIR


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Unit DAN em Qui 14 Jan 2016 - 9:03



-Não é todo dia que rola uma merda dessas, dizem que essas maluquices só rolam na velha Gainax... O deserto de Toei é um lugar maluco huh...
Joestar coça a cabeça, pelo menos uns vinte piolhos caem de seu cabelo, ela pega um deles e põe na boca.


-Você. Joestar aponta para Sierra. -Entra na porra do carro e vamos voltar pra seu tal lixão.



-É, vamos voltar. E você Kumacusão, só não de dou outro tiro porque você não me vale uma bala...

Joestar e Joestar aguardam até que Sierra entra em um dos carros, todos os motores ligam e os veículos partem para longe, deixando o resto de todos cobertos de areia e fumaça "AD ASTRA, AD ASTRA!" Pode ser ouvido a distancia, ficando cada vez mais baixo.






Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 76
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Rush em Qui 14 Jan 2016 - 11:15

Sierra entra no carro, segurando um Romeu desmaiado em seus braços.


- Ei, Joestar, o que significa Ad Astra?

Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : The king can do as he likes!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Unit DAN em Qui 14 Jan 2016 - 11:45


Quando Sierra diz estas palavras, Joestar vira a cabeça e encara o céu do deserto pela janela.


-Para as estrelas...

O irmão mais velho de Joestar que estava dirigindo, finalmente tira seu capacete revelando seu enorme pompadour e um rosto bonitão, muito semelhante a um certo gangster que viveu há uns duzentos anos atrás, ele retira um cigarro de um de seus varios bolsos e o acende... Com o dedo?




-Ad Astra... A frase original era "Ad astra per aspera" Nosso fundador que fez, acho que era a língua antiga que eles falavam duzentos anos atrás eu sei lá...
Ele diz, dirigindo pelo deserto e tentando não acertar um dos vários cactos.





-Dai a gente mudou a frase a muito tempo porque o povo era burro demais pra pronunciar ela toda, dai ficou só Ad astra... É, tá foda honrar o big Joe.
Ele diz, parecendo meio bolado.


-Big Joe é nosso Tatara tatara tatara tatara vô e o fundador da gangue, ele que manteve a gente vivo depois do fim do velho mundo...



-Mas estranhamente, ninguém sabe o que aconteceu com ele, não sobrou ninguém da época dele porque todo mundo morreu.



-Mas é isso né, Ad astra é o destino da Shooting Star, alcançar as estrelas bicho, chegar no topo e tocar nos astros digamos assim... Sempre que nós olharmos pro céu, as estrelas sempre vão estar lá, olhando sobre nós...


-E é isso, algo a mais?


Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 76
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Rush em Qui 14 Jan 2016 - 11:53

Sierra não parecia se incomodar com a velocidade absurda num deserto. Ela, como sempre, apenas ficava sentada de uma maneira descontraída, aparentemente sem dar muita importância no que era a dito. Romeu, ainda desacordado pelo susto em Sierra ameaçar a gangue, ficava caído no colo de sua amiga. 

A garota sorria, olhando para o céu.


- Ad astra per aspera. - Ela dizia exatamente da mesma forma que Joestar havia dito. - Bem... Posso me acostumar com isso. Ficar entre as estrelas. Parece algo bem promissor.


Ela continuava com um sorriso sincero no rosto, ainda observando as estrelas no céu.

Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : The king can do as he likes!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Unit DAN em Qui 14 Jan 2016 - 12:00



-E é mesmo!



-Mas hey, o que você acha de tatuagens???
Joestar diz, curiosa.



Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 76
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Ele em Qui 14 Jan 2016 - 12:38


- Há poderosas forças malegnas nesse mundo... - Kadaver coça a bunda. - Monokuma me dê sabedoria, Shirokuma me dê paciência e Kurokuma me dê lança-chamas, amém.

Ele então olha ao redor, percebendo que está sozinho.


- Onde graxas estão meus irmãos? Do jeito como eles são cérebros de poeira, já devem todos estar em Elysian Night a essa altura...

Kadaver pega uma direção aleatória e começa a andar, enquanto o sol termina de se pôr.

Ele
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 14/01/2015

Frase pessoal : ok, but why?


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Deidara-Sensei em Qui 14 Jan 2016 - 13:33

...

Vou esperar todos saírem.
Depois sigo rastro.

Sou bom em andar.

Deidara-Sensei
Membro
Membro

Masculino Idade : 70
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : NAO É FALOU MALUCO, EU JURO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Mori em Sex 15 Jan 2016 - 3:56

FINAL DO DIA 1

"Nostrum"

DIA 2.



"If you've been kicked in or abused or mistreated or misused.
You were told there was nowhere to go but up for you.
If you've been hurt or you've been betrayed.
If you've been fucked or you've been displaced.
Then you were told it's probably been your fault anyway."



O sol brilha, a areia sopra por ai, pessoas morrem aos montes, mais um dia normal no deserto de Toei.

Tudo que aconteceu ontem se assemelha muito mais a um sonho, você se pergunta se não está ficando maluco.



...

Kyu Tee-Pai percebe algo diferente em si mesma, uma grande figura parece ter aparecido em sua barriga, um símbolo, de algo que ela mesma não entende.




Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Gehrman em Sex 15 Jan 2016 - 4:15


- Hngh... Que sonho maluco... - Não consegui dormir muito bem, pois eu estive pensando... Como diabos ontem aconteceu? Sonho não era, com certeza. Aquilo era concreto demais para ser algo metafórico dentro da minha mente... Eu não poderia ter imaginado um robô gigante tão bem. Mamãe ficou muito preocupada quando voltei para nosso lar, ainda mais com uma estranha me dando carona. Bem, no final, tudo acabou bem... E aquela moto da Tunes é simplesmente incrível. Queria aprender a dirigir uma moto alguma hora dessas.

Levanto-me da cama, e logo penso sobre o sonho que eu tive enquanto dormia. Troll Faisão... Parece um bom nome para um sapo de estimação. Vou contar para a minha mãe quando ela voltar depois, acho que ela vai rir. Hm, agora o que será que eu devo fazer hoje... Ficar trancada em casa lendo livros, ou talvez dar uma volta por aí. Ou eu posso preparar já o almoço para quando a mamãe voltar. Ou eu posso dormir de novo e tentar reimaginar o sonho que eu tive hoje, ou... Argh, vou dar uma volta por aí mesmo. É mais produtivo. Isso aí, Angelien. Mostre para o mundo que você é uma pessoa forte e dedicada, mesmo nesses tempos produtivos.

Eu saio de casa.

Está muito quente.


________________

cfox: EU MATEI DOIS CARA



Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : VAMOS DEMOLIR


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Unit DAN em Sex 15 Jan 2016 - 5:25




Era uma manhã normal no lixão exceto por uns caras mortos aqui e ali, Joestar se levantava dentro de seu quarto/Van e a primeira coisa que fez foi sair comer metade de uma cobra torrada que havia sobrado da janta de ontem.

Ela respirava o ar levemente radioativo da manhã e abria os braços para o céu e cumprimentava os outros membros da gangue já acordados, Joestar i em direção a um dos carros da gangue e chutava a mala do carro com toda a força, fazendo o carro balançar, a mala abria e uma pequena garota surgia de dentro, com uma Desert Eagle apontada para Joestar.






-Me acorda assim de novo e eu dou um tiro no meio desse seu cu arrombado e peludo.
Disse a menina de aparentemente dez anos.


-É assim que você t-trata sua pobre irmã mais velha?
Joestar então dava um super tapa na cara da pequena garota.


-MAIS RESPEITO SUA POEIRENTA FILHA DA PUTA!


-Foi mal aew... Ai..
Uma voz grossa alertava as duas, que tomavam um sustinho.


-Pelo amor do Big Joe, vocês podiam deixar pra brigar alguma hora que não seja de manhã? Parecem duas Kumacuzonas.
Joestar dizia, arrumando seu imenso pompadour.


-Mas a Joestar me bateu!


-Joanita você é uma mãe fodendo Joestar, faça que nem eu e sua irmã Joana e aguenta a porra do tranco.
Joestar acendia um cigarro.


-É, o João me batia quando eu tinha sua idade e fazia merda, eu não ficava choramingando.


-Mas não é justo! Você e a Joana batem em mim!


-A vida não é justa. Mas ai, o que a gente vai fazer hoje?


-Tava pensando em dar uma volta na área, ver se tem comida, água essas merdas... E eu queria usar a bike do Big Joe...


-A Bike do Joe? Nem fodendo...


-Quando você vai me deixar usar a Bike do Big Joe?


-Nunca!


-AH VAI SE FUDE!

Parecia ser mais um dia normal para os irmãos Joestar e a Shooting Star.



Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 76
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por dork princess em Sab 16 Jan 2016 - 21:26

Um monte de tralhas e pedaços de pano encardidos começa a balançar, perto de uma lambreta amarela estacionada no meio do nada. Uma carabina está pra fora da pilha de sujeira e uma cabeça cor de rosa emerge dela, olhando para os lados e logo arrancando um pedaço de carne de origem desconhecida com os dentes da frente.

- Nenhuma caça... - Ela come mais. - ...E ainda parece que tem mais deserto do que antes!

- Que dia ruim para ser a Tunes! - Ela suspira e enfia o dedo no nariz, arrancando meleca e uma mosca.

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Rodiii em Dom 17 Jan 2016 - 1:43



- É... puts. O que foi aquilo de ontem? Minha cabeça dói e eu sinto como se não tivesse dormido. Argh, aquelas garotas gritando, aquele cara tatuado, aaargh. Respira, Aliot, respira... Eu acho que não posso ficar no canto pra sempre, hmpf, eu no canto, que merda. Talvez eu devesse me misturar com aqueles caras, talvez até goste deles. Parando pra pensar eu nunca tive um amigo além do velho Edsger. O que ele faria na minha situação? Caramba, e por que robôs? Eu poderia lutar com qualquer um deles com as minhas mãos, eu não preciso de robôs. Bem, respira... Como é que o velho falava? Observação, Hipo... hipo alguma coisa, experiência e... ah, foda-se. É só ser a pessoa incrível que você já é, respira. Onde será que essa gente se esconde?

É melhor eu só tentar ser gentil se alguém falar comigo, mesmo. Vou deixar a espada em casa... não. Eu me sinto melhor com ela.    

Rodiii
Membro
Membro

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/03/2009

Frase pessoal : Living another day in disguise.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Junim - kun em Dom 17 Jan 2016 - 13:41

Kyu se espreguiça, e rola de um lado para o outro em sua cama, em sua luta diária de querer dormir mais e ter que acordar para buscar comida e agua, até então era a única luta que ela possuía até então... mas parece as coisas mudaram

- Bom dia...

Diz Kyu pelo habito que adquiriu todos esses anos com sua família... velhos hábitos nunca mudam mesmo que as circunstâncias mudem, parte dela se nega a mudar isso, mesmo que a outra parte ache isso uma idiotice... A Kyu não gosta de mudanças de habito, mas o destino é algo incontrolável, causando muitas mudanças na vida dela, ela só pode tentar aceitar... Ela se levanta da sua cama e vai em direção a um espelho rachado que fica na parede ao lado de sua cama, a roupa que ela utiliza para caminhar e explorar estava ao lado dentro de um baú, antigamente ela não usava isso, pois ela só buscava agua com sua mãe, mas novamente eu afirmo, as coisas mudam... enquanto se trocava Kyu notou algo estranho em sua barriga

- Uma tatuagem... Isso parece coisa de gangsters... Mas também pode ser coisa daquele escorpião de papel... Realmente espero que não seja de alguma gangue

Kyu termina de se vestir e sai para procurar alimento e agua

Roupas da Kyu:
Kyu exploradora



Kyu normal



Ps: ignorem a diferença clara nos... peitos

Junim - kun
Membro
Membro

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 07/09/2014

Frase pessoal : Whatever


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Ele em Seg 18 Jan 2016 - 19:24




Kadaver acorda com uma música de banjo e barulhos de algo pesado batendo em uma superfície metálica. Ele abre os olhos lentamente, o sol do deserto fazendo suas pupilas arderem um pouco.

- Bleh. - Ele mete a língua pra fora, numa tentativa de tirar o gosto de morte da boca. Então ele olha ao redor, vendo que está deitado em uma rede pendurada em um pilar de fulgurita.


Você sabe, fulgurita!

Ele repara então que está em uma sombra. Uma sombra enorme. Ele olha pra cima e repara que dormiu mais ou menos entre as pernas do robô gigante do dia anterior.

- Horrorshow!

Ao seu redor, um pequeno acampamento foi montado, com algumas outras redes e sacos de dormir surrados jogados no chão. No centro do acampamento, um sujeito baixo e corcunda está acendendo uma fogueira com madeira velha tirada de móveis. Ele não veste nada além de uma bermuda gasta, um par de botas militares completamente destruídas, um capacete do exército e uma máscara de gás da segunda guerra. Boa parte do seu corpo parece ter sido queimada em algum momento do passado.

É um dos irmãos de Kadaver. O nome dele é Kaliente. Kadaver decide ignorá-lo por agora e continua olhando ao redor, procurando a fonte do barulho de banjo.

Um homem minúsculo e magro, parecido com o gollum vestindo uma máscara de Hannibal Lecter, está sentado contra um dos pilares formados pelo derretimento rápido da areia, tocando um banjo velho e surrado. Kadaver grita com ele:


- KANIBAL, SEU CÉREBRO DE FERRUGEM! ONDE VOCÊ CONSEGUIU ESSE INSTRUMENTO?

- heeeHEEEEHEEEHehEH, eU GANHei de uM ANCIão poR SERviçOS PREstaDOs a tRIBo, IRMão kaDAVer!




- É sério?

- nãO, EU RouBEI! EEEEEeeeHEeeEHEeehEHeh!


Kanibal continua tocando sua música, ainda mais alto e rápido que antes.

Kadaver decide que já está na hora de se levantar de qualquer jeito. Ele decide ir checar a fonte do barulho de martelos.

O Kumakaze anda por alguns minutos até chegar na borda de um dos enormes, gigantescos pés do robô gigante, os quais ele levaria algumas horas para dar uma volta completa andando. O que ele encontra por lá são mais dois de seus irmãos. Um deles é um homem gigantesco, tão cheio de músculos que chega a ser quase grotesco, cobrindo seu rosto todo com uma máscara de couro preta e branca. O outro está coberto de panos, usando um sobretudo com um capuz comprido, luvas sem os dedos e seu rosto está coberto por uma bandana e um par de óculos de sol vagabundos.

O maior dos dois está ocupado batendo com uma pedra enorme contra o pé do robô, criando o barulho metálico.

- KALOMBO ESMAGA!

- Mais força, irmão! Pense no que pode ter aí dentro! Se acharmos algo valioso, vamos ter gasolina pro resto da vida! Ahahaha!




- Kalombo! Kalote! Vocês me acordaram, seus arenosos!

- P-perdão, Irmão Kadaver! Nós apenas estávamos tentando entrar nesse monstro pra ver se dentro tinha algo pra vender. Kalombo aqui está quase conseguindo abrir a carroceria!

- RRRRRRAAAAAAAAAAAGH!!!
- Kalombo bate a pedra contra o pé do robô com todas as suas forças. A rocha se esfarela completamente, mas a casca metálica do robô não tem nem sequer um arranhão.

- Eu que vou abrir a carroceria de vocês, seus caras de poeira! Esse monstro foi um presente dos Kumas pra nos ajudar a voltar pra tribo! Não perturbem ele ou a ira dos três ursos vai cair sobre nós!

- Não p-podemos nem envenenar ele um pouquinho?

- Com o quê?! Estamos a quilômetros da oficina, imbecil! Vamos embora logo!


Kadaver retorna pro acampamento com seus dois irmãos. A essa altura, Kaliente já acendeu o fogo, e está ocupado jogando ainda mais pedaços de madeira e tecido na fogueira, e outro de seus irmãos havia acabado de chegar, trazendo uma sacola de pano nas suas costas.

Este cobre o rosto com uma bandana de caveira e usa um capacete com óculos escuros, escondendo seus olhos. Seu corpo é coberto de cicatrizes.

- Olá irmãos! - Ele cumprimenta, trazendo uma pequena sacola de pano. - Tenho uma boa notícia.

- Que é, Kazador? Achou algo bom hoje? - Kadaver pergunta.

- Sim! Seis ovos de abutre para o café da manhã!


- Horrorshow! Vamos ter um banquete hoje! Vocês fiquem aqui, eu vou chamar Kabala e Kombat.

Kadaver deixa seus outros irmãos ao redor da fogueira e sai andando para um canto mais afastado do acampamento. Eventualmente, ele se depara com outro kumakaze, que assim como ele tem o corpo todo tatuado. Diferente dele, porém, suas tatuagens são de símbolos esotéricos e arcanos. Complementando a bermuda e os tênis gastos, ele usa um paletó rasgado e uma cartola amassada. No momento, ele está sentado no chão lendo um livro.


- Ei Kabala! - Kadaver distrai ele de sua leitura. - Você está lendo aqueles livros complicados de novo?

- Heh, bem, é importante conservar o conhecimento do passado.

- O mundo antes do desespero, não é? - Kadaver coça o queixo. - Eu não sei pra quê você ia querer isso, mas eu vou confiar na sua sabedoria, irmão.

- Eu posso ler pra você, se você quiser.

- Ah, isso seria cromado, mas agora é melhor nós irmos comer. Kazador encontrou um ninho de abutres.

- Ovos pro café?! Horrorshow!
- Kabala se levanta rapidamente, ajeitando seu paletó e sua cartola.

- Vai na frente que eu ainda preciso chamar o Kombat. Por falar nisso, você sabe onde ele se meteu?

- Eu vi ele mais cedo. Ele foi por ali.
- Kabala aponta numa direção. Kadaver apenas acena com a cabeça e sai andando.

Alguns segundos depois, ele encontra seu último irmão sentado atrás de um dos pilares de fulgurita. Kombat usa um capacete de motocross e traz o corpo todo coberto por equipamentos esportivos, quase que como uma armadura.

- Ei, Kombat!

O outro kumakaze nem responde.

- É hora do café da manhã, seu poeirento! Bora comer.

Kombat vira a cabeça para olhar seu irmão, mas não faz menção de levantar.


- Não está com fome, né? - Kadaver passa a mão na nuca, olhando pro chão por um momento. - Você também não comeu ontem, irmão...

Kombat se afunda no chão, soltando um barulho parecido com um suspiro.

Kadaver sorri: - Que pena... Hoje tem ovos de abutre...

Rapidamente, o outro irmão se vira para encarar Kadaver.

- O último que chegar na fogueira come as cascas! - Ele corre em direção ao centro do acampamento, Kombat rapidamente se levantando e correndo atrás.

Uma manhã normal no deserto de Toei.

Ele
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 14/01/2015

Frase pessoal : ok, but why?


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Gehrman em Seg 18 Jan 2016 - 19:46


- Ok, acabei de voltar de minha caminhada, e como eu previ, mamãe não está em casa... - Bem, pelo menos dá pra fazer a comida dela e a minha nesse meio tempo. É um dia normal, como sempre. Só espero que... Ah não.



COBRINHA DO POST APRECIOU ESTE POST
COBRINHA DO POST ESTA FELIZ



- Ai ai ai. - Ok, da última caçada dela, ela trouxe alguns ovos, ainda comestíveis. Acho que dá pra fazer uma omelete, e uma saladinha básica. Se bobear, se a COBRINHA DO POST estiver distraída, podemos comer espeto de cobra juntos. Espeto de COBRINHA DO POST sempre é bom nos fins de semana.

Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : VAMOS DEMOLIR


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por dork princess em Ter 19 Jan 2016 - 18:02

Após sua rotina matinal de caça, Tunes decide por pegar sua vespa e continuar com sua rotina muitíssimo interessante:



Ela anda de moto pelo deserto. Wow. Incrível.

Mas, ela decide sair fora dela e vai até a casa de Angelien. Ao chegar na casa da garota, ela para na janela dela.


- Ei, quatro olhos! Tá em casa?

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Gehrman em Qua 20 Jan 2016 - 1:01


- Oi, oi! Tô aqui! - Digo, com uma faca ensanguentada numa mão e a cabeça de uma COBRINHA DO POST em outra. - Ah, Tunes! É você! Tudo bem? Gostaria de almoçar aqui em casa hoje? Minha mãe volta daqui a pouco, e jantar com mais de duas pessoas sempre é bom.

________________

cfox: EU MATEI DOIS CARA



Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : VAMOS DEMOLIR


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por dork princess em Qua 20 Jan 2016 - 1:10

- Não sabia que você também caçava, minha  nossa. - Ela encara a cabeça da COBRINHA DO POST.


- Espero não incomodar vocês! Acho que eu tenho um resto de caça aqui...


- Na verdade eu nem lembro de quando eu cacei isso, esquece, não vou querer envenenar vocês por engano.


- Mas ei, qual seu nome?


Última edição por over the dub em Qua 20 Jan 2016 - 23:58, editado 1 vez(es)

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Junim - kun em Qua 20 Jan 2016 - 1:16

Esse sol escaldante está subindo, logo vai ser a hora do almoço, consegui alguns lagartos pra hoje, eu gosto de espetinho de lagarto, eram os favoritos da mamãe... A única parte ruim foi quando eu fui pegar aqueles ovos de abutre e o ninho estava vazio... Mas não estou me queixando, meu cantil está cheio também... vou só abrir meu guarda-chuva para diminuir a intensidade desse sol... é só pra isso que ele serve mesmo, eu posso esmagar a cabeça de bichos com ele, mas isso eu posso fazer com qualquer coisa

Kyu segue para casa, indo descansar, se hidratar e comer

Junim - kun
Membro
Membro

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 07/09/2014

Frase pessoal : Whatever


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por Gehrman em Qua 20 Jan 2016 - 1:42


- Um resto de caça, huh. Bem, quanto mais, melhor! Minha mãe pode ver depois se é envenenado ou não, ela geralmente faz isso com uns ratos selvagens. Ela é "hardcore", pode-se dizer.


- Ah, e meu nome é Angelien Tuinstra. Mas pode me chamar de Ange. É mais simples, afinal. Enfim, entre, entre! - Empurro ela para dentro de minha casa, e ela logo percebe que a casa toda está uma bagunça. Tem sangue pra todo lado, e muitas carcaças de COBRINHAS DO POST jogadas por cantos aleatórios da moradia.


- Por favor não se incomode com esse cenário. COBRINHAS DO POST são comuns nessas regiões, e nos fins de semana elas aparecem frequentemente. Eu não realmente caço, diferente de minha mãe, mas algumas horas a própria presa vem para mim.

________________

cfox: EU MATEI DOIS CARA



Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : VAMOS DEMOLIR


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: NOSTRUM

Mensagem por dork princess em Qua 20 Jan 2016 - 23:26

- Eu adoro comer COBRINHAS DO POST, elas são muito gostosas. Meu prato favorito é escorpião frito.


- Se quiser eu posso te ensinar a caçar. Acho que a gente vai passar muito tempo juntas a partir de agora, né?

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum