Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Por favor, não perca mais tempo, inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobres todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Aguardo.
Feliz Natal e Ano novo!

Shooting Star: Ad astra per aspera

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Unit DAN em Sab 13 Jun 2015 - 16:36


Mais um belo fim da tarde em Gainax, uma simpática cidade de tamanho médio na costa da Austrália, a brisa está suave, o céu e as nuvens pintados pelo sol poente e as ondas estão calmas, mas as aparências enganam, em Gainax as ruas são comandadas por gangues violentas e há muito pouco que a policia pode fazer para impedi-las.
Por meio de conhecidos você foi instruído/a seguir para mais aos subúrbios da cidade, é que que onde se encontra o velho deposito da Gainax Trading Company, que faliu a muitos anos e que hoje serve aparentemente como uma das bases de operação da notória gangue Shooting Star, controlada pelos terríveis criminosos Joestar e Jean, altamente procurados e acusados de múltiplos crimes.


São aproximadamente 18:00 horas quando você chega ao seu destino, na parede onde deveria estar o nome da companhia estava escrito em letras nem um pouquinho chamativas SHOOTING STAR e uma estrela de uns três metros estava pichada em outra parede, fica bem obvio que eles não ligam muito em serem discretos. Você se aproxima da cerca do terreno que é guardada por um homem tão alto e tão forte que ele nem parece humano, ele te encara com um olhar desconfiado, mas quando vê o pequeno papel que seu contato lhe deu para te guiar até ali, ele parece relaxar mais, e com suas mãos tão grandes que poderiam esmagar uma melancia (ou seu crânio) abre as enormes grades do cercado com facilidade.

"Estou de olho em você... não tente nada engraçado se não..."


O homem imenso vai andando atrás de você até o a porta principal do armazém, onde uma figura com uma aura completamente diferente ela parecia calma, gentil e delicada demais pra estar em uma gangue ela está sentada com uma mesa de plastico básica cheia de pilhas de papeis em cima dela. A moça está atendendo outros que parecem ter passado pelo mesmo processo que você, quando sua vez finalmente chega, a mulher simplesmente olha pra você e sorri, dizendo algo logo em seguida.

"Por favor preencha isso e você poderá passar, obrigado!"
Ela lhe entrega uma folha de papel e uma caneta.


Ná folha está escrito:

Spoiler:
Nome:
Aparência:
Idade:
Personalidade:
Sua historia:
Sua arma:(Não você não pode ter uma Katana dupla ou uma maldita 9mm, enquanto você pode ter uma arma de fogo ruim e enferrujada é preferível uma arma branca como um pé de cabra, soco inglês, facas, bastões de baseball etc...)
Algo a mais?:(Isso pode ser umas curiosidades ou algum talento seu, qualquer coisa really)

Atributos: Você tem 15 pontos para distribuir entre estes atributos:
Resistencia:(HP)
Força:(Dano)
Destreza:(Chance de acertar alvo/Desviar de ataque.)

Ad Astra ★


OFF: Podem deixar as fichas aqui, mas o RPG só começa quando outro RPG da PM acabar.
avatar
Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 77
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Gehrman em Sab 13 Jun 2015 - 16:39


Nome: Bryan Damboyras, muito prazer. Meu apelido é Brutus, aliás!
Idade: 33 anos.
Personalidade: Primeiro de tudo, eu sou um cara que respeita muito a tudo e todos... Exceto quando discordam com uma opinião minha. Se você não acha que o aborto deveria ser legalizado, eu te meto a porrada em você até a morte. Além disso, eu sou uma pessoa bastante calma e amigável, gosto de interagir com os outros, mesmo que eu pareça ser um cara aterrorizante com essas minhas algemas e também por ter 1,93 de altura, além de uma cara meio feia. Não, não é que eu esteja dizendo que sou feio! Sou belíssimo, posso até ser considerado meio narcisista, ha-há! Nas primeiras impressões, a grande maioria das pessoas tem medo de mim, mas se você se acostumar comigo e também nunca discordar de algo que eu digo, seremos grandes amigos!
Sua historia: Nasci na França, mas alguns meses depois do meu nascimento eu e minha família fomos para Gainax. Eu vivi uma vida feliz, mas minha personalidade de considerar a minha opinião melhor que a dos outros meio que me deu uma má fama (não sei como). Entrei em várias brigas por causa disso. Eu tenho predominantemente um físico forte, então eu ganhava a maioria das brigas em que eu entrava. Meus pais, que sempre desejavam ter uma família 100% perfeita e sem defeitos, acabaram me chutando pra fora de casa quando eu fiz 18 anos. Que vacilões, qual é o problema do filho ser fortão e treteiro? Então, virei tipo um nômade, fiquei vagando por aí que nem maluco. Aí, uma vez, quando eu tinha 28 anos, eu acabei entrando em uma briga feia, que na verdade nem foi uma briga. Foi como eu disse na minha personalidade, sobre a legalização do aborto. Era um cara gordo, branco, capitalista, baixinho, e muito cuzão. Na frente de um daqueles restaurantes chiques, eu tava passeando por aí, e ouvi ele conversando com outros amigos dele sobre aborto, e ele ficou gritando que nem maluco que mulher não deveria matar uma vida que não era dela, etc. Quando eu ouvi aquilo, eu dei um [palavra censurada] mata-leão no cara, acho até que ele desmaiou quando os policiais foram me prender naquela hora. Sinceramente, liguei o [palavra censurada]-se. Aí, fiquei na prisão por 5 anos, e ganhei umas algemas mó gostosas. Sempre que queriam me tirar as algemas, eu negava, pois adorava usar. Se tentavam pegar de mim, eu batia, vai se fuder! Um tempo depois, alguns colegas planejaram uma fuga, e meio sem ter o que fazer, fui junto, já que tava um pouco com tédio. Um pouco depois que saí, vi essa Shooting Star, e por querer um pouquinho mais de movimento na minha vida, cheguei chegando!
Sua arma: Meus punhos algemados, minhas pernas, e minha força de vontade (risos). Eu tenho um protetor na região das canelas e dos pés, que arranjei de um velho amigo meu, pra dar um help básico. O negócio pra mim é físico, brother. Armas não. Bem, eu tô algemado, então usar uma arma seria difícil, dependendo da arma...
Algo a mais?: Tenho 1,93 de altura, sei cozinhar muito bem (até algemado!), sei lutar umas 5 artes marciais e ainda mais uma que eu criei pra mim mesmo, consigo fazer flexões com meu dedo mindinho de ambas mãos, o nome das minhas algemas é Logan, meu apelido por grande parte dos meus amigos das ruas é "Brutus", e uma vez já fiz cosplay com a filha de um amigo meu! Ah, e também, odeio capitalismo. É.

Atributos:
Resistencia: 4
Força: 6
Destreza: 5
avatar
Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : NÃO TEM MEDCO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Rush em Sab 13 Jun 2015 - 18:34















Nome: Scarleth Dayne 
Idade: 17
Personalidade: Ousada, sempre. Tem uma paixão - fetiche para ser mais exato - em adrenalina. É seduzida pelo perigo. Se tem algo que ela ame mais do que dinheiro, poder e influência, é atitudes. Morde seus lábios ao ver brigas violentas, sua respiração acelerar só de imaginar assaltos e tem orgasmos quando o carro passa de 140km/h. Adora o proibido e o errado. Mesmo com essas características, ela é independente e estrategista.
Sua historia: Não se sabe o porquê, mas Scarlett sempre teve esse desejo por adrenalina causada pelo proibido. Na adolescência. não era a mais bela, mas se desenvolveu mais rápido que as garotas. Não só os likes em suas fotos do facebook aumentaram, como os olhos a encarando quando passava pelos corredores de sua escola. Usava isso ao seu favor, seduzindo não só os rapazes mais influentes da escola, mas como também os professores e até mesmo os pais de suas amigas. Já foi contatada a fazer programas por preços que fariam até mesmo você aceitar, mas ela sempre usou isso como chantagem para os homens que faziam tal proposta. Aos catorze, namorou Warren Peace até conhecer Vince, um badboy que lhe trazia mais adrenalina quando ela o viu batendo em seu namorado. Aos dezesseis, namorou vários membros de gangues espalhadas por ai e seu desejo aumentava ainda mais quando os via se batendo até a morte, causando até pequenas guerras entre gangues. Aos dezessete, ela começou a trabalhar num hospital como enfermeira, onde ela adorava ver o estrago que ela causava quando ajudava a tratar homens espancados até quase a morte.

Ela, de certa forma, se cansou disso. Não cansar, mas sim enjoar. Ela não quer mais ficar apenas parada olhando, ela quer fazer parte daquilo. Ela quer bater ou apanhar, ela quer sangue em suas mãos. Assaltar. Ver fardas de policiais ensanguentadas nas ruas asfaltadas de Gainax. Ela quer mais perigo em sua vida.

Sua arma: Seu corpo em geral, sempre o usa para seduzir homens e fazê-los brigar entre si. Tirando isso, ela tem um taco da baseball de madeira. Ela adora usá-lo para quebrar coisas.
Algo a mais?: Embora ela trabalhe num hospital, como enfermeira, ela não é uma boa médica e nem irá curar milagrosamente as pessoas. Ela prefere ver sangue mesmo.

- Ela adora homens altos, porque pela lógica eles são proporcionais. Sim, ela é pervertida também.

- Atualmente ela possui três namorados - todos de gangues diferentes - Vince, Snake e MC Felix, o gato das sombras.

Atributos: Você tem 15 pontos para distribuir entre estes atributos:
Resistencia: 2
Força: 3
Destreza: 10
avatar
Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : The king can do as he likes!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Okiru em Sab 13 Jun 2015 - 20:52


- E ai! sup?

Nome: Rei Usagi.

Idade: Mais de 1600 anos.

Personalidade: Rei é legal! ...uuuh... é isso ai.

História: Sabe, ser um coelho não é nada fácil, tem vários custos e tudo mais... A Rei aqui precisa de dinheiro, então eu vim arranjar um emprego de amassar coisas! Também já fiz vários truques dignos de um membro de gangue, como colocar pepsi na garrafa de coca-cola e por um vestidinho no simbolo do banheiro masculino! Se quiser saber mais eu vou ter que cobrar, deixa eu ver um valor adequado... dois mil dólares!

Arma: MARTELÃO DA REI! Ele martela coisas! É grande, pesado e nada prático. Ah! Também tem as minhas orelhas, longas e peludas, ninguém teria coragem de bater em alguém com orelhas de coelho não é?

Extra!
1: Eu ainda quero meus dois mil dólares.
2: Tenho um pouco menos de um metro de altura, provavelmente por ficar carregando esse martelo pesado por ai. Mas é bem útil até, posso entrar em todos os lugares apertados! ... se é que você me entende hehe.
3: Eu gosto de cenouras! Ah, mas odeio o gosto delas.
4: Sabe, dizem por ai que eu gosto de causar caos! Quem espalharia um boato desses? Mas sim, é verdade.
5: Gosto de dinheiro, o dinheiro é meu amigo! Vida longa ao capitalismo!
6: Pra falar a verdade eu não gosto de trabalhar, posso ganhar só o dinheiro sem trabalhar?
7: Se me baterem eu volto pra casa e conto tudo pra minha mãe! Seja lá quem ela for.
9: Segue uma imagem de porque eu devo ganhar dinheiro.

- Ei pirralho, pode ir passando a grana ai!
10: Nossa empresa decidiu pular o 8 porque ele não era forte o bastante.

Atributos:
Resistência: 1 (Já falei que se me baterem eu conto tudo!)
Força: 12 (OOOOH! TSUYOI REI-SAMA!)
Dextreza: 2 (Batatas tem que ficar paradas se quiserem ser esmagas.)
avatar
Okiru
Membro
Membro

Feminino Idade : 12
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 25/11/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Ele em Sab 13 Jun 2015 - 21:06


Nome: James Pelletier.
Idade: 21.
Personalidade: Mede suas palavras com muito cuidado. Tem uma certa falta de presença, que ele tenta compensar se vestindo de formas que chamem atenção, o que só funciona até certo ponto. Abomina violência, mas só quando ele está envolvido. Detesta gente escandalosa e barulho no geral.
Sua história: James sempre teve facilidade em passar despercebido, desde pequeno. Certo dia, quando tinha ainda 12 anos, ele estava andando pelo metrô quando pensou como seria fácil roubar a carteira do bolso do homem na sua frente. E então ele fez. E foi fácil mesmo. Isso se tornou um hábito. Mais tarde, ele começou a achar isso fácil de mais, e começou a furtar lojas e casas durante a noite. Com 15 anos, ele começou a aprender a arrombar cadeados. Com 16, ele desistiu da escola e passou a se sustentar só com o resultado dos seus pequenos crimes. Uma coisa levou a outra, e agora ele está aqui.
Sua arma: Ele não gosta de violência, mas... É melhor prevenir do que remediar. Ele carrega consigo uma faca borboleta. Serve para cortar alças de bolsa, serve para cortar pessoas.
Algo a mais? Seu lema é "Eu te coloco para dentro, mas depois você se vira". Pode abrir um cadeado comum em 3 segundos. Caso não tenha suas ferramentas, ele consegue improvisar com uma presilha de cabelo ou um clipe de papel. Cofres são mais difíceis, mas contanto que não seja um cofre de banco ou algo assim, ele abre do mesmo jeito. Tem algum conhecimento de eletrônica, consegue desarmar cercas elétricas, câmeras de segurança, alarmes... Tem mãos leves, consegue tirar um relógio de pulso de uma pessoa sem ela notar. Gosta de andar de moto. É um pianista quase a nível profissional.
Atributos:
Resistência: 3
Força: 4
Destreza: 8
avatar
Ele
Membro
Membro

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 14/01/2015

Frase pessoal : ok, but why?


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por mrdeid em Sab 13 Jun 2015 - 22:55


Nome:
Jesus.

Idade:
37 anos de idade.

Personalidade:
É um bom homem, admitimos. Ele tem seus defeitos como humano - quem não tem? -, mas é um homem bom. Está sempre tentando fazer o melhor para ele e sua família, sempre se esforça em tudo, ama crianças, trabalha decentemente em 80% do seu dia. É, Jesus é um cara bom, porém um pouco estressado. Quando não concordam com ele, digamos que ele fica puto. Quem não fica? Ele só quer o melhor pra todos, mas nem sempre tem razão. Isso é motivo para ficar p[/b][/b]uto? Possivelmente. Quer acalmar ele? É só se sentar e ter uma boa conversa. Ele é legal.

Sua historia:
Nascido na Flórida, Jesus teve uma vida comum. Seu pai era um fazendeiro muito carismático, sua mãe uma mulher tradicional. Era uma boa família, talvez melhor que a de muito milionário por aí. Viveu na humildade e se mudou pra Gainaxx após o falecimento de seus pais, em busca de um emprego melhor do que o de agricultor. Trocou seis por meia dúzia, virando um pescador. Comprou um barco e saiu mar a fora, pescando variados tipos de peixe e encarando o terrível medo de encontrar um tubarão por aí. Conheceu Kate e teve um filho chamado Jesus Jr, apelidado carinhosamente como Jessu. A vida foi seguindo, tudo numa boa. Família bem unida, serviço satisfatório. Foi aí que a merda aconteceu. Kate caiu num golpe de uns bandidos, ficando sem dinheiro nenhum, obrigando Jesus a ir pro lado negro da força, mesmo que as escondidas, fazendo trabalho sujo no restante do dia - nos 20% que não foram mencionados na aba Personalidade. Pois é. De agricultor a pescador, de pescador a gangster. Grande Jesus!

Sua arma:
Quando faz merdas maiores, usa seu revólver que fica guardado na gaveta número três da sala-super-secreta de sua casa, aka seu quarto. Quando tem que fazer coisas menores - quase o tempo todo -, usa uma lança, essas que se usam pra fincar animais marinhos e coisas assim. Sim, elas são manuseáveis, é só ter prática. Ah, elas doem. Muito.

Algo a mais?:
- Jesus é muito apaixonado por sua família. Quando o assunto é eles, é capaz de fazer loucuras. Ama sua mulher como ama qualquer coisa.
- Adora crianças e sempre dá um jeito de agradar elas.
- Ele consegue identificar qualquer animal marinho, basta mostrar um na sua frente - menos tubarões e coisas assim. Ele odeia esses bichos.
- Fica muito constrangido quando lhe perguntam sobre como ele consegue todo esse dinheiro (o de trabalho gangster). Ele não queria essa vida, tanto que jurou pra si mesmo que irá largar a vida de bandido ao recuperar os 250.000 que sua mulher perdeu.
- Por ser pai e tudo mais, evita trabalhos que envolvam crianças, escolas, creches, orfanatos e coisas do gênero.
- Ele leva seu filho todo dia na escola.
- Seus sonhos são [palavra censurada] estranhos. Ele já sonhou em ser garota, pirata, garota novamente, militar caolho e assassino, entre outras milhares de coisas bizarras


Atributos:

Resistência: 03
Força: 08
Destreza: 04
avatar
mrdeid
Membro
Membro

Masculino Idade : 71
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : ata


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Mori em Sab 13 Jun 2015 - 23:26

Nome: Kaz Donlan, sim, sim, esse é meu nome. 

Aparência: 



Spoiler:

Porém com o cabelo verde-escuro e mais longo, mais ou menos nas costas, geralmente preso num coque de samurai.



Idade: 17


Personalidade: Minha personalidade? HAHAHAHA, veja só, eu sou o grande Kaz, cara, eu sou a merda por aqui, vejamos, vejamos, eu sou... esplendido! uma ótima pessoa, de fato, poucos são aqueles que conseguem não cair no meu charme, heh! 



Talvez, só talvez, eu seja um pouco arrogante as vezes, não, não, isso é tudo intriga da oposição.



Sua historia: O grande Kaz nasceu aqui em Gainax mesmo! E tal qual uma bela borboleta, passou por estágios da sua vida, sim, sim.


Teve sua fase de crisálida, preso em um casulo! Todos achando que ele era o que não era, todos idiotas, mas quando finalmente rasgou seu invólucro se tornou a criatura magnificente que deleita sua visão hoje em dia!


Eu jamais vou voltar pra casa, jamais.


Sua arma: A maior arma é a medicina! Mas medicina não machuca muito, mas um pouco de areia nos olhos e um cano de ferro na cabeça sim.


Algo a mais?: Eu já disse que o grande Kaz é o melhor médico da região? Porque eu sou, definitivamente.



Que antivíral o que? Meu chá de cogumelos cura até mesmo as mais ferrenhas das doenças!


Atributos:

Resistencia: 3


Força: 5


Destreza: 7
avatar
Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Junim - kun em Sab 13 Jun 2015 - 23:30


Nome: Leon Ivankov
Idade: 30
Personalidade: Sempre leal e muito disciplinado, ele leva seu trabalho muito a sério, com seus colegas de equipe é sempre bem-humorado, e ele é do tipo "me humilhem e me espanquem mas não mexam com os meus parceiros", sempre que em situação de risco tenta pensar em um plano com prioridade na segurança de seus parceiros
História: Teve uma infância normal na cidade de Gainax, até que um dia sua vida desmoronou,aos 15 anos de idade seus pais foram mortos por assaltantes que espancaram eles, ele seria o próximo, os criminosos batiam muito nele, e quando ele estava quase sem consciência, ele foi salvo por um cara que parecia alguém importante e legal, depois disso ele não lembra de outros detalhes, quando acordou estava no hospital, e agora carregava com ele uma cicatriz, após isso ele ficou 3 anos em um orfanato, quando decidiu se alistar no exército, aprendeu a atirar e passou 10 anos servindo seu país, mas aos 28 anos ele se sentia incompleto naquele lugar, então saiu do exército...  só então agora ao completar 30 anos descobriu que a pessoa que salvou sua vida estava em uma gangue, ele já foi do exército e sabe como é viver cada dia como se fosse o ultimo e também sabia que ao entrar na gangue não só se comprometeria em proteger aquele cara mas sim a todos os integrantes da gangue, mas ele realmente não liga se ele seria um fora da lei ou para todos esses detalhes, ele tinha uma divida de vida com essa pessoa e pretende paga-la até seus últimos dias
Sua Arma: dois revolveres de baixo calibre
Algo a mais?: Ele possui uma mira certeira e mortal, mas também sabe lutar corpo-a-corpo se necessário, ele também sabe tocar guitarra e compôs até uma melodia que ele gosta de chamar de "matando passarinho com fusca" e diz que um dia no futuro essa musica fará sucesso
Atributos:

Resistência: 3
Força: 6
Destreza: 6
avatar
Junim - kun
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 07/09/2014

Frase pessoal : Whatever


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por ana em Dom 14 Jun 2015 - 0:09

Nome: Warren Peace.
Aparência: 
Idade: 17 anos. Segundo ano, ensino medio.
Personalidade: Eu sou uma pessoa nervosa sociavel e agressiva arbeta a opinião alheia. Sou popular com as garota. Acho q sou melhor que o resto das pessoas acima do normal. Nao sei mais o que escrevo aqui. Sou forte.
Sua história: Meu pai e mae brigavam muito, eles se divorciarão faz um tempo. Eu moro com meu pai, a gente tem uma boa relação. Minha irmã tem alguns probleminhas, mas ela e um gracinha. Sei trabalhar em situações dificeis. 
Sua arma: Costumo usar um pé de cabra.
Algo a mais: Gosto de grafite e de jogar esportes. Eu tirei a maior nota de redaçao na sexta serie, o tema era escreve sobre. Gosto de assistir novelas e conversa com meus broters, que tambem gostam de grafite. Meu esporte favorito é basquete. Sou bom em cozinhar. Trabalho como entregado de pizza as vezes. Ganho a maioria das briga q eu entro. Ja mandei um cara pra emergencia.


Atributos
Resistencia: 3
Força:  7
Destreza: 5

Um insight dentro de Warren:
Um rapaz alto de ombros curvados faz seu caminho por uma Gainax alaranjada. Na sua mente dançam visões sobre violência, manchetes de jornal, ódio e o que ele teve para o café da manhã. Ele balança a cabeça e olha o pedaço de papel que levava na mão. Vira uma esquina, vira numa rua deserta e chega no seu destino. Um grande galpão enferrujado, com um cara grandão o guardando. Cerca de cinto minutos depois, ele já está encostado numa parede daquele lugar, com caneta e papel em mãos. "... Isso tá parecendo escola.". Ele suspira e começa a preencher a ficha:

Warren Peace. Aparência? "Isso é escola de verdade.". O rapaz mexe dentro de um bolso e tira uma foto três por quatro e um clipes de papel; e prende a pequena foto no papel. Ele se dá alguns segundos e olha uma segunda foto, de uma bonita garotinha de cabelos castanhos. Com o fantasma do sorriso no rosto ele volta a atenção para o papel. Idade. 17 anos. Segundo ano, ensino medio. Personalidade... Ele mordisca a ponta da caneta bic enquanto pensa no que escreve. "Eu sou uma pessoa nervosa sociavel e agressiva arbeta a opinião alheia. Sou popular com as garota. Acho q sou melhor que o resto das pessoas acima do normal. Nao sei mais o que escrevo aqui. Sou forte. " Ele espera que não notem as palavras rabiscadas. Logo depois o que vem é a história, o que se prova ser mais difícil que a personalidade. "Meu pai e mae brigavam muito, eles se divorciarão faz um tempo. Eu moro com meu pai, a gente tem uma boa relação. Minha irmã tem alguns probleminhas, mas ela e um gracinha." A verdade é que o senhor Warren Peace, precisa de dinheiro. E dinheiro rápido. Seu pai, um bêbado que trabalha como office boy, não pode ajudar com isso agora. Ele não fala com sua mãe faz bons três anos. E o coitado ainda sente falta da sua namorada, de três anos atrás... O que ele teria feito de errado? "Sei trabalhar em situações dificeis." Ele morde o lábio inferior com força, tentando desviar a sua atenção da situação em casa. Afinal, não era nada muito incomum, um monte de pessoas passavam por isso. Não tem porque ser um babaca mariquinha chorão. Arma, arma! Disso ele sabia. "Costumo usar um pé de cabra." Algo mais... Ele coça atrás da cabeça e muda o peso do corpo para a outra perna, que já estava adormecida. "Gosto de grafite e de jogar esportes. Eu tirei a maior nota de redaçao na sexta serie, o tema era escreve sobre. Gosto de assistir novelas e conversa com meus broters, que tambem gostam de grafite. Meu esporte favorito é basquete. Sou bom em cozinhar." Ele também sempre procura uma garota que supra as suas necessidades, mas não teve sucesso ate agora. "Trabalho como entregado de pizza as vezes. Ganho a maioria das briga q eu entro. Ja mandei um cara pra emergencia."




Última edição por dork princess em Dom 14 Jun 2015 - 2:30, editado 1 vez(es)
avatar
ana
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Unit DAN em Dom 14 Jun 2015 - 0:53

TODOS APROVADOS, INSCRIÇÃO FECHADA.
avatar
Unit DAN
Membro
Membro

Masculino Idade : 77
Alerta Alerta :
1 / 101 / 10

Data de inscrição : 07/01/2015

Frase pessoal : Poderia ser pior


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Mori em Dom 2 Ago 2015 - 13:48

Nome: Isaac Lazarus, bem religioso, não?
Aparência:
Idade: 25
Personalidade: Ah, cara, sei-la, eu sou bem de boa, sabe? Tenho bastante paciência, gosto de ensinar também, afinal, é minha profissão, também sou bastante estressado, é, nada legal cara, ainda mais que eu não demonstro e pá, to precisando bater em algumas coisas pra aliviar o stress.
Sua historia: Ok, então, tipo, minha mãe era professora, meu pai era policial e tal, ai eles se conheceram... uhm, acho que to indo atrás demais, bem, vamos lá... eu meio que cresci numa família bem de boa mesmo, sempre gostei de ensinar, desde pequeno cara, brincar de escolinha com meus amigos era maneiro, apesar de que eles achavam feminino demais ou alguma merda assim, bem, tanto faz.

Só sei que eventualmente passei na faculdade de Educação Física, e dou aula no colégio Santa Elizabeth, bem, pelo menos dava, to realmente precisando desestressar, cara.
Sua arma: Arma? Porra cara, acho que to de boa com uma marreta, é bem útil pra derrubar coisas.

Algo a mais?:
Minha fruta favorita é abacaxi, meu animal favorito é o macaco, e eu costumava usar um cabelo escroto quando era mais novo.

Spoiler:

Atributos:

Resistencia: 15
Força: 22
Destreza: 6


Última edição por Mori em Dom 3 Jan 2016 - 23:08, editado 3 vez(es)
avatar
Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por bluehairghost em Qua 26 Ago 2015 - 23:52

Nome: Patricia Taulton "mas sei lá, me chamavam de Pink por uma época"
Aparência:
Spoiler:
Idade: 21
Personalidade: Impulsiva e Apatica, não se importa muito com... tudo em geral, gosta de comida, especialmente hamburgers , chicletes e pirulitos. Prefere bater antes de perguntar e não liga se vai receber ordens, com tanto que seja divertido.
"Seja o que for, só não seja chato, saca?"

Sua historia: Patricia é orfã de mãe e nunca a conheceu, foi criada por seu pai ex baixista de uma banda de rock, o pai de patricia sempre foi muito presente e apoiava as decisões da filha mas nunca aprovou da atitude dela. Desde criança, Patricia sempre foi encrenqueira e vivia se metendo em brigas, porem por sua determinação, raramente as perdia e seu pai lhe dizia que se é pra entram brigas, pelo menos ganhe. Apesar de várias brigas em casa Patricia e seu pai nunca se odiaram mas andavam caminhos muito diferentes, seu pai tentado viver como uma pessoa normal e Patricia continuava sua vida de arruaceira indo de amigos a conhecidos e amigos de conhecidos até chegar em Gainax, aonde foi instruída para ir até o esconderijo da gangue.
"Gainax.... que nome mais brega pra uma cidade, pelo menos esse caras parecem legais."

Sua arma: Taco de Baseball com pregos e um cano de metal como reserva em sua mochila

Algo a mais?:  Pink Gosta muito de fast food, especialmente hamburgers. Quando criança jogava num time de baseball de sua escola mas teve que sair depois de brigar com um dos membros e quebrar o nariz dela. Ela carrega consigo sempre um pequeno mp3 azul com suas musicas favoritas e algumas pilhas, seu gênero de musica favorito é punk rock. Usa uma coroa de plastico que ela roubou de uma loja de bijouteria porque achou bonitinha.

Atributos:
Resistencia: 6
Força: 6
Destreza: 3
avatar
bluehairghost
Membro
Membro

Feminino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 15/08/2015

Frase pessoal : meh


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por mrdeid em Seg 12 Out 2015 - 2:33

Spoiler:


Nome: Jessica Milles. Jess pros mais íntimos, Jasper pra família.
Aparência: Imagem.
Idade: 17.

Personalidade:
Ela é uma pessoa instável. Perde o controle por qualquer coisa, ficando extremamente irritada. Entretanto é esperta. Usa seu gênio e temperamento pra induzir as pessoas a fazerem o que ela quer, como se fosse um dom. Porém, quando entre amigos, está sempre animada e pronta pra sair em uma aventura. Adora disputar alimento, chegando a matar por diversão caso necessário para se alimentar. É viciada de primeira, consumindo drogas por muitas vezes ao dia. Ama teatro e baseball.

História:
Seu pai a levava todos os domingos para ver os jogos dos Wazziors, os melhores basebolistas dos últimos tempos. Adorava assistir os jogos ao lado de seu velho, porém, após a morte inesperada de seu pai, passou a ver os jogos sozinha. Na escola, começou a ser ignorada pelos colegas, estes que preferiam a garota nerd que desenhava rolas em seu caderno. Ela tinha tudo o que Jessica sempre quis de verdade: amigos, atenção da família - que deixou de ter após seu pai falecer -, uma moradia de primeira, um bom futuro. Vivia com pensamentos de "minha vida é uma bosta", indo nos jogos para trazer boas memórias e esquecer de tudo. Num desses jogos conheceu um cara. Esse cara sabia de sua história e de tudo que acontecia. Induziu a garota de mente frágil a vender suas drogas, virando uma traficante de primeira. Usava seu gênio difícil para vender os itens a força e sempre dava um jeito de enrolar seus amigos policiais Dan e Jack. Porém, de acordo com que crescia no mundo do tráfico, sua vida ia de mal a pior na escola, chegando ao ponto de ser enviada para uma escola militar por sua madrasta. Porém, após confusões, fugiu da escola militar com uns amigos, indo para um refúgio - mais conhecido como "Acampamento Delinquente Juvenil", onde passou a viver com as pessoas com quem realmente ela queria estar, vendendo e consumindo suas drogas, caçando animais e atirando na bunda de gordos.

Arma:
Taco de baseball com arame farpado e canivete suíço dentro do bolso para emergências.

EXTRA:
Ela possui relações com o passado de Jasper Collins.

Atributos:
Resistencia: 03. Eu me fodo quando me atacam, mas eles nunca chegam perto. Mato eles primeiro.
Força: 09. Meu músculo é maior que muita rola por aí.
Destreza: 03. Só erraria seu golpe de bastão se fosse vesga, e te garanto que ela não é.
avatar
mrdeid
Membro
Membro

Masculino Idade : 71
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : ata


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Rush em Qua 18 Maio 2016 - 19:15

Rush escreveu:














Nome: Arthur Rivers
Idade: 17
Personalidade: Justo, nobre e honroso. Bem, ele é bastante fiel. Patriota, e luta pelo direito dos mais fracos, não tolerando ver a minoria sendo subjugada por uma força covarde, que não possui um motivo justo para isso. Na escola, Arthur Rivers era conhecido como o "Defensor dos indefesos". De qualquer maneira, ele é um rapaz bem gente boa.


Sua arma: Embora ele respeite o código de honra em não lutar desigualmente contra um oponente, ele possui duas armas para se defender caso em desvantagem. A sua primária é uma bengala que atira, podendo ser usada como arma branca ou arma de fogo. 



Sua outra arma é um soco inglês com um taser de alta voltagem, que mesmo não sendo fatal, pode deixar inimigos inconscientes.

 
Algo a mais?: - Seu passado é um mistério para todos desse meio criminoso, mas ele possui habilidades de luta surpreendentes, como auto-defesa e artes marciais.

- Ele era um dos melhores amigos de Warren na infância. Ele completava o grupinho com o Warren e o Stu. 

- Ele é um rapaz muito gente boa. Você pode estar num dia ruim e precisando de alguma coisa, que ele sempre irá recebê-lo com um sorriso no rosto e disposto em ajudá-lo.

Atributos: Você tem 37 pontos para distribuir entre estes atributos:
Resistencia: 15
Força: 12
Destreza: 10
avatar
Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : The king can do as he likes!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Mori em Qua 22 Jun 2016 - 0:08







Nome:

Heroina X! Hahahaha, brincadeira, Patricia Escobar, engenheira extraordinária e gangster freelancer.


Idade:

27.

Personalidade:

Obstinada, engraçada, um amor de pessoa, inteligente e talentosa, cara, eu tenho 0 defeitos.

Eu vou quebrar a sua cara, hijo de puta.

Brincadeira, brincadeira.

Minha arma vai fazer isso por mim.
Sua historia:

Eu nasci na belíssima Colômbia, Libertad y Orden, sabe como é não é?

Medellín era uma cidade muito bonita, mas meus pais queriam conhecer o mundo e arrastaram a pequena Patricia aqui junto com eles para puta Austrália, então eu acabei crescendo e estudando por aqui, na Faculdade Federal de Ghibli, formanda da Turma de Engenharia Mecânica de 2008.

Mas claro, como todo en este país de mierda, tinha que não dar certo e eu não conseguir uma mierda de um emprego.

Então eu construí uma arma e decidi virar una sicária.
Sua arma:

 
Eu sou a garota das armas pesadas, e essa é minha arma:



Ela pesa 150 quilos e atira cartuchos de $200 dólares feitos sob medida a dez mil balas por minuto.


Spoiler:

Custa $400000 dólares para atirar essa arma por vinte segundos!

Se ela fosse feita de metal, e não alumínio, e se as balas fossem balas de verdade e não de chumbinho.

Então ela pesa uns 30 quilos e custa uns $1000 pra atirar ela o mês todo, haha.
Algo a mais?:

Minha fruta favorita é o cacau, minha cor favorita é o marrom e meu animal favorito é coelhos, principalmente marrons.


Atributos:
Resistência: 12
Força: 13
Destreza:  18
avatar
Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shooting Star: Ad astra per aspera

Mensagem por Foetodon em Qua 29 Jun 2016 - 15:14



Nome: - Isabelle Albani. Mas pode chamar de Isa também!

Aparência:

- Aqui embaixo senhor! Eu sei que sou baixa, mas estou bem aqui!

Idade: - 13 anos. B-bem, eu sou meio nova para esse negocio de gangster, mas quando crescer vou ser a maior gangster do mundo!

Historia: - A família do papai veio da Itália para Gainax faz alguns anos, ele se casou com minha mãe aqui e juntos me criaram para ser a melhor gangster que já existiu! Meu pai serviu a Shooting Star por um tempo, mas parece que papai se feriu em lutando contra a gunner gods então...


...




- EU VOU TRITURAR OS OSSOS DE CADA UM DOS FILHOS DA PUTA QUE TOCARAM NELE, CAÇAR ELES ATÉ OS CONFINS DA TERRA E DEPOIS JOGAR SEUS CORPOS PARA OS MEGA-CROCODILOS E DEPOIS AS FAMILIAS DELES IRÃO...

...


- Huh, eu ainda sou muito jovem para pensar nessas coisas, desculpinha!

Personalidade: - Ah, eu sou um amor de pessoa! Você vê, meus pais me ensinaram como ser uma garota educada e gentil, diferente de muita gente de Gainax. Eu só perco o controle às vezes.

Sua arma: - Eu tenho minha cesta aqui!

Spoiler:

- Eu também guardo minhas coisas ai, tipo lanche, batom(Eu sei! Eu sou muito nova para usar batom então não conta a mamãe por favor!), minha uzi e minha faca de combate AK 47.

Algo a mais? - Bem huh, eu nunca entendi como minha cesta funciona... As vezes eu boto algo grande demais para caber e sobra espaço. Uma vez eu botei o corpo do menino que falou mal do meu cabelo e não achei até hoje.

Atributos
Resistencia: 7
Força: 14
Destreza: 22
avatar
Foetodon
Membro
Membro

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/02/2016


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum