Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Por favor, não perca mais tempo, inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobres todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Aguardo.
Feliz Natal e Ano novo!

O Jogo Matrimonial

Página 5 de 30 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 17 ... 30  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Löwen em Qui 18 Dez 2014 - 16:59

".........oh..........."

Foi a primeira coisa que eu disse durante tudo aquilo. Eu não sou muito de falar. Quer dizer, se alguém tivesse vindo falar comigo, eu conversaria, mas não sou de puxar assunto. É até engraçado ninguém ter falado comigo, talvez tenham ficado com medo?

- Uh, essências? Parece, uh, divertido.

Eu não estava muito assustado. Meus sentimentos eram mais uma mistura de fascino e excitação. Jogar um jogo? Conhecer deuses? Salvar o mundo? Proteger pessoas com a ajuda de uma entidade de um cara fortão, barbudo e desmembrado? HELL YEAH

Löwen
Membro
Membro

Masculino Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 02/06/2011


Ver perfil do usuário http://lowenthal.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por lord sugar em Qui 18 Dez 2014 - 17:03

-Prazer em conhece-la, Guaraci não é? Vamos ficar fortes juntos e vencer esse jogo!

Digo tentando causar boas impressões a essência, acho que vou me dar bem com ela, afinal, ela é o reflexo da minha alma... Me viro para Diana procurando um modo de perguntar a ela algo sem que a irrite com perguntas "idiotas", hehe, eu sou muito jovem para morrer, preparo um leve sorriso amigavel e me viro a ela.

-Hm, Diana? A frase, como nós vamos escolhe-la, pode ser QUALQUER coisa? Ou tem que ser algo relacuonado a nossa personalidade e etc?

Digo dando enfase na palavra qualquer.

________________


lord sugar
RPG Mod
RPG Mod

Masculino Idade : 14
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 07/11/2013

Frase pessoal : Let justice be done, Though the heavens fall.


Ver perfil do usuário http://biggestdreammer.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Asami em Qui 18 Dez 2014 - 17:05

- Todos eles são, reflexos de vocês mesmos, com um toquezinho da nossa criatividade.

- Não duvido disso... Vejo como eu e o Pentecostes nos parecemos.

Apolo fez mesmo o que eu vi? Isso é tão deselegante. Diana é muito mais educada que ele, pelo que parece. 

- Hm...  - Apontei para Noah - O que você acha de "Espírito da Temperança, Pentecostes, apareça!"? 

Asami
Membro
Membro

Feminino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/08/2011

Frase pessoal : É caaaanon!


Ver perfil do usuário http://indigoplateau.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por dork princess em Qui 18 Dez 2014 - 17:05

- Qualquer coisa, querida. Só não seja boba e escolha algo que você vai se envergonhar depois.

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Mori em Qui 18 Dez 2014 - 17:09

Cecil se levanta e desce da biga, seus passos extremamente mais pesados do que o normal, a ponto de literalmente marcar pegadas quebrando o concreto, ela chama a atenção de todos do recinto, exceto dos deuses.

Para todos que olhassem poderiam ver que seus olhos, antes azuis, brilhavam em vermelho, e não somente isso, da pedra em seu pescoço começam a partir circuitos, ligando seu corpo inteiro, eles brilhavam com um intenso brilho vermelho, a mesma aura azul de antes aparece novamente, porém dessa vez de um tom muito mais rubro.


- Eu sou tu. - Ela continua caminhando, até o centro do terraço.

- E tu és eu. - Ela para no centro, um som infernal de engrenagens preenche o local.

- Eu sou o Aeon, O Julgamento Divino. - Uma imagem começa a se formar em volta dela, ao contrario de atrás, como no caso dos outros alunos. 

Um homem com cabelos longos e uma coroa de espinhos, segurando um gigantesco martelo decorado com motivos católicos.

REDENÇÃO
O Aeon


A imagem se dissipa, mas em vez de sumir em ar, entra para dentro da pedra no pescoço de Cecil, dentro da pedra flutua dois X, o numero 20 em algarismos romanos. 


Toda aura desaparece, e seus olhos retornam ao tom azul de sempre, em volta dela, o chão está completamente destruído.


- Então é isso que acontece quando você dá uma Essência a um ser feito de energia divina? DO [palavra censurada]! - Apollo dá uma risada profunda, como se tudo ali fosse só um joguete para ele.

Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por dork princess em Qui 18 Dez 2014 - 17:14

- Nós já tínhamos discutido sobre... - Diana olha para Cecil com olhos curiosos. - Um espécime incrível, a Cecil. - A deusa sorri e roça o dedo indicador na bochecha. - Cecil querida, não use sua Essência. Você não precisa dela, e bem, usa-la destruiria todo seu corpo. Não seria bom. 

De repente, Pronome sai correndo atrás de Cecil, a essência do animal vindo junto. Ele late alto para a robô, tentando afugentar seja o que for que estivesse com ela. Mas, nesse mesmo momento ele nota que também tem uma daquelas coisas e late para ela. E late pra todo mundo. Daí ele deita no chão e a aparição se dissolve no ar.

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Deidara-Sensei em Qui 18 Dez 2014 - 17:16

- BAZINGA! - dizia todo animado para minha essência, que não mostrava emoção alguma ao ouvir a palavra...

Engolia seco. Me dava medo que qualquer ação errada me transformasse em algo parecido com aquele aluno que morrera anteriormente. Olhava para baixo e ficava pensando no que falar... Tinha que ser algo que mostrasse o quão forte somos, e ao mesmo tempo que agradasse a essência.

Pegava a carta e apontava para a essência. Eu não entendia como funcionava tudo, mas ficava com ela apontada para a essência. Vai que acontece algo, né.

- Sem Deuses, sem reis. Apenas o imperador.





OFF: Eu juro que essa noobice estrema vai ser só agora no começo. Me perdoem qualquer coisa. E uma última pergunta: eles falam?

Deidara-Sensei
Membro
Membro

Masculino Idade : 70
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : NAO É FALOU MALUCO, EU JURO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Mori em Qui 18 Dez 2014 - 17:19

OFF: Relaxa, de boa. Also, sim, eles falam, mas só em situações especificas ou quando chamados pelos deuses.

Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Rush em Qui 18 Dez 2014 - 17:21

Me virava para Alex, um pouco sem graça já que eu não o conhecia. Ele parece ser um rapaz amigável!




- É uma frase de efeito bem forte! Eu admito que gostei!




- Eu também tenho que pensar numa frase, mas... Tenho medo de não soar legal. 





- O que acha de "Não duvide de minha força"? Estava pensando em algum tipo de frase que pode ser usado espontaneamente sem chamar muita atenção, sabe? Assim eu poderia surpreender algum possível inimigo. Falando nisso...



Eu então me virava para o casal de Deuses. 





- Desculpe a pergunta, mas... Como serão esses "medos" que nós teremos que destruir para limparmos essas torres? Serão representantes físicos ou irão agir como entidades psicológicas? 




- Quer dizer... Seria algo bem desagradável se tivéssemos que enfrentar nossos próprios medos e traumas, como se esses "medos" pudessem se adaptar durante o combate. Então creio eu que seria melhor se vocês já nos explicassem com o que teremos de lidar.

Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : The king can do as he likes!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Cervo Cósmico em Qui 18 Dez 2014 - 17:23

Então aqui está ele, Oscar, ele é uma coisa que eu não sei dizer o que é... Os outros estão tentando contatar suas essências, mas como já disseram, não adianta nada. De qualquer forma não sinto vontade de me comunicar com ele, ele não me parece ser um ser pessoal, mas mesmo assim a visão dele me provoca certo medo, medo misturado com diversos outros sentimentos que não consigo descrever, é, ele é muito curioso... Quanto a frase, não consigo pensar em nada, vou esperar para ver o nível das outras para não dizer nada idiota, enquanto isso é melhor ficar calado...

Então Cecil e Pronome faz toda aquela bizarrice.

Hm, então quer dizer que a robô e o cachorro também tem uma essência. Ela poderia ser muito útil...

- Diana! Cecil e Pronome estarão em algum dos times?

Vejo então o garoto arrogante dizendo sua frase, é, uma frase bem idiota como eu imaginava, mas não consigo pensar em nada melhor...

Cervo Cósmico
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 22/09/2013

Frase pessoal : O Sonic é meu amigo, o Sonic é meu herói!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Löwen em Qui 18 Dez 2014 - 17:37

- Frases? Droga, não sou nem um pouco criativo pra esse tipo de coisa. Não podemos ter revolveres ou algo do tipo?

Encosto na grade, sento, tiro meu bloco de notas e começo a fazer alguns rabiscos pra ver se penso em algo.

Löwen
Membro
Membro

Masculino Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 02/06/2011


Ver perfil do usuário http://lowenthal.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Asami em Qui 18 Dez 2014 - 17:45

Esse Noah é bem educado, gostei dele. Se eu não me engano, ele é do primeiro ano, já o vi nos corredores.


- Oh, obrigado pela opinião, Noah. Então vou ficar com essa mesmo! - Sorri para ele - Essa frase é muito boa, devo dizer que combina com você. Ah, e ela pode ser usada sem chamar atenção, impressionante o quão rápido você pensou nisso. Você parece estar preparado para qualquer coisa! 

- Quer dizer... Seria algo bem desagradável se tivéssemos que enfrentar nossos próprios medos e traumas, como se esses "medos" pudessem se adaptar durante o combate.

Nossos próprios medos e traumas... Se ele tiver razão, vai ser algo difícil de se enfrentar.

- Então creio eu que seria melhor se vocês já nos explicassem com o que teremos de lidar.

Asami
Membro
Membro

Feminino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/08/2011

Frase pessoal : É caaaanon!


Ver perfil do usuário http://indigoplateau.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por dork princess em Qui 18 Dez 2014 - 17:51

- Nós somos irmãos, não seja bobo, Noah. Bem, vocês acham que nós estragaríamos a surpresa? Hmmm... - Diana coça o queixo e olha para os lados, até seu olhar encontrar Cecil. - Cecil, você poderia nós falar a definição de "Medo"?
O robô então se empertiga e diz na sua voz usual. - me.do(êsm (lat metu1 Perturbação resultante da ideia de um perigo real ou aparente ou da presença de alguma coisa estranha ou perigosa; pavor, susto, terror. 2 Apreensão. 3 Receio de ofender, de causar algum mal, de ser desagradável. sm pl Gestos ou visagens que causam susto.

- Obrigada! Acho que isso responde sua pergunta! Quanto a Pronome e Cecil, eles poderão ajudar vocês, crianças. Mas, eles não tem equipes fixas.

dork princess
Moderador
Moderador

Feminino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 08/01/2011

Frase pessoal : ta dentro dos limites


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Asami em Qui 18 Dez 2014 - 17:58

- Então, Diana, eu posso sair? Eu tenho uma coisa para fazer e estou super atrasado. 

Asami
Membro
Membro

Feminino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/08/2011

Frase pessoal : É caaaanon!


Ver perfil do usuário http://indigoplateau.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Rush em Qui 18 Dez 2014 - 18:05

Sorrio para Alex. Tenho que admitir que fiquei bem aliviado em saber que existem pessoas legais nessa escola. Espero conseguir ter a chance de conhecê-lo melhor.

Bem, Cecil parecia um dicionário. Separava até as sílabas. Eu sei o que é medo, eu só não sei como... Como iriamos limpar essas torres. Criaturas físicas, espíritos, psicologia...




- Não foi exatamente o que eu queria saber, mas... Obrigado.

Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : The king can do as he likes!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Mori em Qui 18 Dez 2014 - 18:09

Apollo estala os dedos a saída do telhado literalmente desaparece desse plano de existência. 

- Uma ultima coisa. - Ele parece sério, mais do que o comum. - Não estamos aqui pra brincar, não somos seus amigos, entenderam? Para mim vocês são só vermes dignos de pena, mas minha irmãzinha aqui pensa diferente.

- É melhor não me decepcionarem, que comecem os Jogos Matrimoniais.

Ele estala os dedos novamente e a entrada reaparece.

- Os deuses estarão assistindo.

FIM DO DIA 1. 

Todos estão liberados pra conversar e ir embora, está de noite, é melhor não ficarem muito tempo na escola. 



off: todo mundo que não postou lidou normalmente com a situação e está ciente da sua Essência e do jogo.

Mori
Admin
Admin

Feminino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 09/07/2014

Frase pessoal : Ante up!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Deidara-Sensei em Qui 18 Dez 2014 - 18:15

OFF: Eu tenho que sair pra ir numa formatura agora, então não sei como vai rolar as tretas da noite.

Ouvia atentamente as falas de Apollo. Era hora de ir. Tentava colocar minha essência na cartinha. Não sei se havia conseguido, mas ali estava eu, caminhando devagar para a saída da escola. Como estávamos no telhado, tive que descer alguns andares...

É hora de rever meu irmão. Aquele filho da [palavra censurada] deve estar rindo pra porra de eu ter ido pra escola. Se fuder. Mal ele sabe que eu tenho uma essência!!!

Deidara-Sensei
Membro
Membro

Masculino Idade : 70
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/01/2013

Frase pessoal : NAO É FALOU MALUCO, EU JURO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por PIKACHU LV.100 em Qui 18 Dez 2014 - 18:20

Depois de toda aquela agitacao, deve estar na hora do jantar, meus pais vao brigar por ficar esse tempo todo fora, terei de pensar no que falarei a eles.

PIKACHU LV.100
Membro
Membro

Masculino Idade : 14
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 05/02/2014

Frase pessoal : My pokemon techiniques will leave you crying.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por lord sugar em Qui 18 Dez 2014 - 18:22

Um, uma frase, uma frase... Depois eu penso nisso, é melhor pensar com calma e serenidade do que botar uma frase aleatória que eu váme arrepender depois, O Guaraci voltou a forma de cartinha, então ta tudo, ok, eu acho. Desço alguns andares e logo saio da escola, hora de voltar pra casa.

________________


lord sugar
RPG Mod
RPG Mod

Masculino Idade : 14
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 07/11/2013

Frase pessoal : Let justice be done, Though the heavens fall.


Ver perfil do usuário http://biggestdreammer.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Micro em Qui 18 Dez 2014 - 19:51

Chego em casa já tarde. Encontro minha mãe na cozinha, comendo sua janta rapidamente antes de ir para seu emprego noturno. Dou um leve beijo em sua testa, antes de subir para meu quarto e me jogar na minha cama.

Ok, hoje foi um daqueles dias. O garoto que eu gosto falou comigo, mas eu acabei com tudo, novamente. E quando ia consertar, um meteoro caiu do céu me entregando uma carta. E aí os dois deuses foram embora e um garoto morreu na minha frente, pulverizado.

Haha. Perfeitamente normal.





É claro que nada disso aconteceu.

Pego minha carta, arremesso-a em algum canto do meu quarto que eu não precise mais e vou dormir. Acho que estava precisando dormir. Será que a falta de descanso causou tais miragens em minha cabeça? Por que eu não posso simplesmente acreditar que tudo aquilo aconteceu na minha frente. É, impossível. Eu imaginei tudo aquilo.

Tento dormir cedo.

Micro
Membro
Membro

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 04/02/2010

Frase pessoal : destination unknown


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Crow em Qui 18 Dez 2014 - 21:20

Sigo ao meu quarto quando chego em casa e me deito na cama. Suspiro. Falhei com Vicktoria de novo. Bosta.
Tento ligar para minha mãe pra falar sobre isso. Fora de área. Suspiro.

(Ok. Eu tenho que falar pra ela.
Calma, calma, calma. Não se preocupa com isso agora. Não pera. Cara você tá falando sozinho. Vai dormir. OK.)

Eu só estava nervoso.
Adentrei o banheiro e meditei um tempo apoiado na pia. Tirei as roupas e segui ao chuveiro, onde milhares de pensamentos, alguns sem nexo algum tomaram conta da minha mente, entre eles, posso citar os irmãos deuses, o moleque morto, aquela robô, hm... Ah, claro, minha tentativa de puxar assunto com a garota que eu gosto. Foi um dia longo, no geral. Não tinha processado aquela loucura toda ainda.

Saio e me olho no espelho. Fico um bom tempo nisso, arrumando o penteado, verificando se havia alguma espinha ou coisa do tipo no rosto que eu fazia questão de preservar.
Sim, eu gosto de dormir bonito, ao menos.
Coloquei uma roupa qualquer e lancei meu corpo na cama.

Fiquei um tempo rolando, até que achei uma posição confortável e... acho que dormi.

A carta? No meu bolso ou em cima da cama, não lembro. Amanhã eu dou uma moral pro botinho.

________________
-> SE INSCREVA NO MEU CANAL! <-

Crow
Moderador
Moderador

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/11/2013

Frase pessoal : I'm gonna hold you like I'm saying goodbye.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Asami em Qui 18 Dez 2014 - 21:56


Dei um boa noite para Noah. Nem esperei a resposta, desci rapidamente as escadas do colégio e fui para a sala de aula pegar minha mochila. Me aproximei da janela e olhei para o céu. Espero que esse teste divino não dure muito, não sei se eu posso aguentar, Senhor. Coloquei minha bolsa nas costas e sai da escola, cumprimentei o porteiro e alguns alunos que estavam saindo. Preciso me apressar para pegar o metrô das 19:45. Esqueci de pegar o celular do Noah e da Cecil, dona do Pronome... Se ela tem celular. Gostaria de manter contato com aquelas pessoas, para ficar por dentro daquilo tudo. Droga! Bem, eu pego amanhã sem falta. A casa da minha amiga é ao leste da escola, num bairro barra pesada.

- Deus me proteja. 

Esperei uns poucos minutos até o metrô chegar, adiantado até.

Asami
Membro
Membro

Feminino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/08/2011

Frase pessoal : É caaaanon!


Ver perfil do usuário http://indigoplateau.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por laser queer em Qui 18 Dez 2014 - 22:04

O ônibus balançou, acordando-a. Valquíria olhou para os lados, tentando entender onde estava, reconhecendo rapidamente o ambiente, por fazer parte de sua rotina; os narizes, porém, como sempre, eram todos diferentes. Relaxou, espreguiçou, encravou o cotovelo no encosto de braços do banco em que sentava e apoiou o queixo em sua mão, olhando para o horizonte de casinhas que em sua frente projetavam, nas mais diversas cores. Os fios dos postes cortavam uns aos outros, desenhando formas geométricas no céu. Gainax era mesmo uma cidade incrível, a garota tinha sorte de ter parado ali. Sorriu graciosamente para o pôr do sol e...

Aóôóôgfdfg, cantaram os pneus quando o motorista fez uma curva inesperada, balançando novamente o ônibus e chacoalhando todos que estavam dentro, além de fazer as coisas que estavam na bolsa aberta da garota caírem em seus pés: livros de feitiçaria, anotações com coraçõezinhos, maquiagem, um espelho pequeno e um cartão. Pegando tudo - e nessa ordem - a garota olhou novamente para seus pertences e corrigiu a sua visão: este último não era um cartão realmente, era uma carta, que recebera há pouco. Valquíria cerrou os olhos, tentando olhar os detalhes do design da carta, e então, quase que automaticamente, o dia rebobinou em sua cabeça, que até ali não havia absorvido praticamente nada, pela improbabilidade insana dos fatos do dia, tendo assistido tudo então da forma mais blasée possível. Ai meu- — pensou, logo corrigindo-se mental e subitamente — meus... deuses?? Que dia! Tudo isso aconteceu mesmo?! E eu fiquei quase em transe todo esse tempo... Menos quando ela apareceu. Ah, aí eu me lembro de estar vivendo a situação na pele, como se tivesse acontecendo agora!! Foi tão intenso... Mas, ainda assim, o que era aquilo? Eu não devo ter chamado muita atenção com esse estado mental, mas isso provavelmente foi diferente quando me deparei com aquela figura, já que sequer consegui disfarçar a admiração que senti. Eu estava... babando? Que nojo, Valquíria. Com certeza alguém notou isso. Mas enfim, talvez isso fosse perdoável pelo glamour melancólico e invejável da... sereia?; das pontas aos pés ela brilhava confiança, apesar de aparentar estar meio entediada. E aquilo ainda era um reflexo da minha pessoa? Merde! Aqueles caras devem ter sido muito generosos comigo, haha.

Mais uma vez houve-se uma balançada. Valquíria voltou a si. Não havia mais ninguém no ônibus e o motorista a encarava, com expressão cansada, como se esperasse algo dela. O transporte havia chegado no fim de seu curso, o qual também era o destino da garota. Meio desconsertada, colocou a sua bolsa no ombro e deixou o ônibus.

laser queer
Membro
Membro

Masculino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 16/12/2011

Frase pessoal : Freeze? I'm a robot, not a refrigerator.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Okiru em Qui 18 Dez 2014 - 22:28

Chegava em casa com uma cara cara de cansaço, oque tinha acontecido hoje? ainda é difícil acreditar em tudo isso, pode ter sido tudo só um sonho.



Esquentei um pouco de água e derramei num copo de macarrão instantâneo, levando para meu quarto pra comer lá mesmo, deixei a estranha carta que tinha recebido em cima da minha escrivaninha e me sentei na cama pra comer enquanto refletia.

"Aquele cara que morreu... nem pude fazer nada por ele, isso tudo por que sou fraca..."

Terminei de comer o macarrão instantâneo e deixei o copo vazio em cima da escrivaninha, indo então direto pra cama tentar descansar um pouco, sem nem falar com ninguém sobre oque tinha acontecido hoje.

Okiru
Membro
Membro

Feminino Idade : 11
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 25/11/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Jogo Matrimonial

Mensagem por Rush em Qui 18 Dez 2014 - 23:13

Quando eu me virava, percebia que todos haviam ido embora do telhado e eu estava ali sozinho.






- Minha tentativa de fazer amigos não deu muito certo.




Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 22
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : The king can do as he likes!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 30 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 17 ... 30  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum