Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobre todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!

DRAW

Ir em baixo

DRAW

Mensagem por SONEPrincess em Dom 30 Mar 2014 - 20:03

(OFF) Oi oi, sou nova aqui e estou ansiosa para ver os resultados dessa fanfic que venho trabalhando. Na minha opinião é algo inovador, mas claro com suas inspirações (Principalmente do Prof. Carvalho em Pokémon 4) não foi algo fácil de se desenvolver e por isso espero que gostem. Qualquer erro por nome de Pokémon/Região escrito errado eu peço minhas desculpas. Pois bem, vamos começar.
Obs.: O nome desse capitulo foi sim inspirado na musica de Debut das Girls Generation, caso alguém conheça =P


Capitulo um: Into New World

 O sol reflete na janela e ilumina, com intensidade meu rosto com se alguém estivesse com uma lanterna de luz forte muito próxima de meu rosto. Com a intenção de voltar a dormir cubro minha cabeça porém o inicio de um novo sono é interrompido quando minha mãe entra no quarto para me acordar. Como de costume, finjo ainda estar dormindo até ela vir e se sentar ao meu lado e acariciar meu rosto e dizer com sua voz suave.
 
  - Larissa, já está na hora de acordar minha filha. Você sabe que hoje é um dia especial.
 
  - Hm... Bom dia. Não precisa falar que é um dia especial, a maioria dos adolescentes da minha idade fazem uma jornada, eu sou só... mais uma. Além de que estou 4 anos atrasada em relação a maioria.
 
 - Para, filha, você sabe que é algo especial.

 - É, eu sei.
 
 - Bem, vai lá, lava esse rosto escova o dente, não vai aparecer feia lá no laboratório, vai que tem um gatinho lá começando a jornada.

 - Pois é... - eu rio, mas na verdade acho que é algo que seja indiferente para mim, estou indo começar uma jornada não procurando um namorado. A propósito isso é algo que quero passar longe com certeza, pelo menos por enquanto.

 Depois de um tempo me levanto da cama e faço o que minha mãe me aconselhou. Troco meu pijama por um short jeans, uma blusa rosa com manga justa até o meio do braço e uma bota branca. Coloco algumas poções, pokebolas, maquiagem, e é claro, meu Sketch Book, o caderno que levo para todos os lugares, para recordar tudo que faço em desenhos, porém esse é o Sketch Book novo, que usarei para recordar toda minha jornada e as coisas marcantes que nela acontecer. Então com tudo pronto saio de casa acenando para minha mãe como a maioria dos futuros treinadores pokémon.

 Antes de passar no laboratório passo na casa da minha melhor amiga, Julia, ela já fez sua Jornada há 2 anos atrás, quando morava em Kanto, porém vai me acompanhar nessa jornada por Kalos. Bato, na porta e mais rápido que a luz sou atendida, lá está ela, na porta sorrindo como se tivesse certeza que era eu que tinha batido na porta, por sorte dela, fui eu. Ela está linda, porém minha timidez não deixa elogia-la. Tudo bem, ela é minha melhor amiga, mas mesmo assim tenho vergonha, sinto que vou explodir quando penso em elogiá-la.

 - Bom dia Lari! Chegou cedo! Nossa você está linda como sempre. Então, ansiosa para começar a jornada? - Julia fala com sua voz animada como se estivesse acabado de ganhar na loteria.

 - Com um pouco de medo. - respondo com minha voz super confiante, ironicamente falando.

 - Calma! Estou aqui para te proteger dos perigos! - diz ela rindo. - Bem! Vamos logo! Só que antes tenho que te dar uma coisa! - ela pega a mochila, e de lá tira uma pokebola enfeitada com um coração. - É uma filhotinha da minha Delphox, falei para que ia dar pra você e ela ficou bem feliz. Espero que você também fique.

 Vejo a pokebola indo ao ar e de lá saindo uma linda filhotinha de Fennekin com um lacinho rosa na cabeça, ela fica olhando pra baixo sem me encarar, o que me deixa meio sem jeito. Me agacho para tentar falar com ela mas a Fennekin continua olhando para baixo e da um passo para trás.

 - Ah! Ela não gosta de mim! - digo.

 - Não é isso! Ela é uma versão Fennekin de você, tímida e medrosa. - Julia diz dando gargalhadas.

 - Ei! Eu não sou tímida!

 - Não imagina! Só ficou com vergonha de beijar o Felipe!

 Pera, deixa eu explicar, Felipe é um menino aqui de Luminose no qual eu era muito apegada, mas não gostava dele de modo diferente que como amigo, porém não posso dizer o mesmo dele. Há um ano atrás ele me chamou para comer no Sushi Role, o melhor restaurante da cidade, fiquei lisonjeada, e foi lá que tudo aconteceu, para que eu não desconfiasse ele chamou também outras meninas, dentre elas, Julia, as meninas achavam que eu era apaixonada por ele, afinal, nós sempre estávamos juntos, e ele, gostava de mim, então, no fim do encontro ele tentou me beijar, e eu virei a cara porque não gostava dele daquele modo, as meninas falaram que eu tive vergonha, claro eu tive também, mas não foi o motivo principal, e ele, saiu do restaurante olhando pra baixo e no dia seguinte saiu em jornada sem falar pra ninguém.

 - Não foi vergonha! Eu não gostava dele! Mas se bem que se gostasse talvez eu tivesse vergonha...

 - Viu! Você é tímida! Assim como a Fennekin que te dei.

 Não respondi, e fui tentar convencer meu primeiro pokémon a pelo menos, olhar pra mim. Eu me deito com a barriga pra baixo no chão tentando fazer ela me ver, então a pequena Fennekin olha em meus olhos com um olhar brilhante, de confiança, olhar de quem sabe que seremos grandes amigas, olhar que fica guardado em minha mente, e que com certeza seria o primeiro desenho que vou fazer nessa jornada. Tento pegar ela no colo, a filhotinha esconde um pouco mas aceita meu carinho, com outra mão pego a pokebola e guardo no bolso lateral da mochila, me levanto com minha mais nova amiga e digo para Julia.

 - Foi amor a primeira vista por essa coisa fofa. Muito obrigado. - minha vontade é de dar um abraço de agradecimento mas acho melhor não, caso ela queria um abraço ela mesma que dê.

 - Ela não é perfeitinha? Saudades quando a Delphox era assim!

 Nós seguimos para o laboratório, onde eu recebo uma Pokédex, algumas instruções sobre minha jornada que está começando, um mapa de Kalos. Diferente do que minha mãe previu, por minha sorte, não tinha nenhum "gatinho" no laboratório. Apenas e Julia. Depois de sair do laboratório seguimos pela Rota que nos levaria ao primeiro ginásio. E lá mesmo, nós decidimos acampar. Depois que Julia foi dormir fiquei mais um tempo acordada brincando com a Fennekin, que deita em meu saco de dormir e faz o que as pessoas fazem em um saco de dormir, dorme. Mas o sono ainda não veio e fui desenhar a cena da Fennekin me olhando mais cedo. Depois que termino deito e fico olhando para estrelas. Pensando no que vem pela frente. Na jornada que seguirei. Rumo há um novo mundo.


COntinua...

-x-x-x-

O capitulo ficou pequeno mas contou vários fatos, espero que gostem. Por favor comentem e me deem dicas. Até o próximo capitulo pessoinhas!


Última edição por SONEPrincess em Ter 1 Abr 2014 - 10:51, editado 1 vez(es)
avatar
SONEPrincess
Membro
Membro

Feminino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 30/03/2014


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DRAW

Mensagem por Rush em Seg 31 Mar 2014 - 16:38

Hey, seja bem vinda. Desculpe a demora pra comentar.


Eu sinceramente pensei em parar de ler quando vi o título. "Into New World", ou "Into a New World" é um título extremamente clichê para o início de uma fic. E uma coisa que me desagradou - mas é frescura minha - foi você ter postado o primeiro capítulo ao invés do prólogo. Eu prefiro o prólogo, pois como foi no caso, você só introduziu algo, o que não teve nada de "importante" que marcasse a história. 


Não vi nenhum erro em sua escrita, só pude perceber que você é uma grande fã de vírgulas, usando-as até quando não é necessário. Tudo bem, eu também faço isso. 


Sobre o realismo da fic... Ficou algo bem dividido. Achei bem maneiro a história da friendzone entre Larissa e Felipe, e até dele ter fugido numa jornada para não ter que enfrentar a vergonha alheia como consequência de suas atitudes, mas o peso de sair numa jornada não foi bem introduzida no seu projeto... Veja. A Narração ficou BEM corrida. Uma hora Larissa acorda em seu quarto, outra tá na casa da amiga, de repente no laboratório e depois na rota 1. Não se despediu de sua mãe, vizinhos e nem amigos, o que deixou um vazio que comprometeu o realismo.


Gostei bastante da relação introduzida de Larissa e sua Fennekin. Achei bem fofo.


Espero sinceramente que a fic seja sobre Larissa viajar e desenhar os lugares e Pokémons que encontra. Seria bem interessante.


Enfim. Aguardo o próximo capítulo. Leia outras fan fics para se inspirar ou até ver dicas e melhorar um pouco. Um abraço, até mais.
avatar
Rush
ABP Mod
ABP Mod

Masculino Idade : 23
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 10/06/2012

Frase pessoal : Agora você não tem mais waifu!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DRAW

Mensagem por Black~ em Seg 31 Mar 2014 - 19:15

É sempre bom ver membros novos na área e tals -q, mas enfim.

Bom, a fic é simples, história de jornada e tals. Mas pelo menos ela tem uma protagonista de aparentes 14 anos, e não os tradicionais 10 anos clichês, e também me pareceu que a história vai focar bastante no romance e a habilidade de desenho da protagonista acabará sendo uma história recorrente.

No quesito romance, não sei. Mas acho que as duas amigas parecem ser mais que duas amigas. Ou a Larissa tem um sentimento a mais, porque tudo bem que ela é tímida, mas se são amigas há muito tempo, não teria porque ela ter vergonha de elogiar a amiga. E a extravagância da outra em elogiar exageradamente também possa ser um sinal. Mas sei lá, talvez seja só besteira minha. Mas mesmo elas sendo "só" amigas, uma é o inverso da outra. Já que uma nem fala e a outra é exagerada ao extremo -q.

Assim como o Rush, eu também tenho uma frescura em relação a prólogos e capítulos 01. O seu se encaixaria mais no prólogo, pois é só uma apresentação das personagens, sem nenhum acontecimento tão importante ou necessário, só o básico de começos. Apresentação e pokémon inicial.

Eu senti que os acontecimentos ficaram rápidos. Tipo, a menina acorda, fala com a mãe, se troca e sai. Só isso, foi tudo numa sequência muito rápidas de acontecimentos. E também as vírgulas foram um problema, realmente você teve um excesso de vírgulas, muitas desnecessárias, mas enfim.

Erros não vi nenhum.

É só e boa sorte com a fic.
avatar
Black~
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/02/2011

Frase pessoal : The winter has come


Ver perfil do usuário http://pokemonblackrpgforum.forumeiros.com./

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DRAW

Mensagem por SONEPrincess em Ter 1 Abr 2014 - 10:47

Comentários:

@Rush escreveu:Hey, seja bem vinda. Desculpe a demora pra comentar.


Eu sinceramente pensei em parar de ler quando vi o título. "Into New World", ou "Into a New World" é um título extremamente clichê para o início de uma fic. E uma coisa que me desagradou - mas é frescura minha - foi você ter postado o primeiro capítulo ao invés do prólogo. Eu prefiro o prólogo, pois como foi no caso, você só introduziu algo, o que não teve nada de "importante" que marcasse a história. 


Não vi nenhum erro em sua escrita, só pude perceber que você é uma grande fã de vírgulas, usando-as até quando não é necessário. Tudo bem, eu também faço isso. 


Sobre o realismo da fic... Ficou algo bem dividido. Achei bem maneiro a história da friendzone entre Larissa e Felipe, e até dele ter fugido numa jornada para não ter que enfrentar a vergonha alheia como consequência de suas atitudes, mas o peso de sair numa jornada não foi bem introduzida no seu projeto... Veja. A Narração ficou BEM corrida. Uma hora Larissa acorda em seu quarto, outra tá na casa da amiga, de repente no laboratório e depois na rota 1. Não se despediu de sua mãe, vizinhos e nem amigos, o que deixou um vazio que comprometeu o realismo.


Gostei bastante da relação introduzida de Larissa e sua Fennekin. Achei bem fofo.


Espero sinceramente que a fic seja sobre Larissa viajar e desenhar os lugares e Pokémons que encontra. Seria bem interessante.


Enfim. Aguardo o próximo capítulo. Leia outras fan fics para se inspirar ou até ver dicas e melhorar um pouco. Um abraço, até mais.

 Obrigado pelo comentário ^3^ Bem, o titulo Into New World, apesar de muito clichê, foi usado porque queria (e ainda quero) colocar nomes de musica nos capítulos, e a que se enquadrou melhor no inicio foi Into New World das SNSD.
  Haha virgulas são legais =P
  Eu gosto, quando escrevo as histórias, contar os acontecimentos de forma rápida por que noão sou muito fã de enrolação, mas neste caso realmente comprometeu o ralismo, me desculpa >< tentarei melhorar.
  Ah Fennekin é muito fofa né? É a forma pokémon da Larissa. *o* AHSUHA

@Black~ escreveu:É sempre bom ver membros novos na área e tals -q, mas enfim.

Bom, a fic é simples, história de jornada e tals. Mas pelo menos ela tem uma protagonista de aparentes 14 anos, e não os tradicionais 10 anos clichês, e também me pareceu que a história vai focar bastante no romance e a habilidade de desenho da protagonista acabará sendo uma história recorrente.

No quesito romance, não sei. Mas acho que as duas amigas parecem ser mais que duas amigas. Ou a Larissa tem um sentimento a mais, porque tudo bem que ela é tímida, mas se são amigas há muito tempo, não teria porque ela ter vergonha de elogiar a amiga. E a extravagância da outra em elogiar exageradamente também possa ser um sinal. Mas sei lá, talvez seja só besteira minha. Mas mesmo elas sendo "só" amigas, uma é o inverso da outra. Já que uma nem fala e a outra é exagerada ao extremo -q.

Assim como o Rush, eu também tenho uma frescura em relação a prólogos e capítulos 01. O seu se encaixaria mais no prólogo, pois é só uma apresentação das personagens, sem nenhum acontecimento tão importante ou necessário, só o básico de começos. Apresentação e pokémon inicial.

Eu senti que os acontecimentos ficaram rápidos. Tipo, a menina acorda, fala com a mãe, se troca e sai. Só isso, foi tudo numa sequência muito rápidas de acontecimentos. E também as vírgulas foram um problema, realmente você teve um excesso de vírgulas, muitas desnecessárias, mas enfim.

Erros não vi nenhum.

É só e boa sorte com a fic.

 Eu coloquei ela com 14 anos porque queria que tivesse bastante romance (Ah romance *--*) na história, e uma criança de 10 anos não vive um romance sério (acho).
 Mais que só amigas? As duas? Hehe, claro que não! Elas são só amigas (no primeiro capitulo) vou parar de comentar sobre isso antes que eu dê spoiler.
 Desculpa pelos acontecimentos rápidos >< O pessoal se incomoda mesmo com isso né? Só eu que gosto não gosto de muita enrolação? Hihi Mas tentarei melhorar para agradar meu publico XD
 Obrigado por comentar )o)

 Capítulo 2: My Best Friend

 Se na manhã passada eu me incomodei bastante com o sol em meu rosto, agora está muito pior, não só a luz do sol, mas calor dele agora também está insuportável! Sem falar no barulho que os pokémons estão fazendo e nas pessoas passando pela rota, e a conclusão que tenho é que não conseguirei dormir quase nada nessa jornada. Porque além de ter acordado cedo eu também não consegui dormir direito, é estranho pensar que ficarei um bom tempo sem dormir em casa, isso me dá medo, a noite aqui é fria, mas isso foi o de menos, o calor da Fennekin me confortou bastante. Só que a pior coisa de todas dessa noite foi com certeza o barulho dos pokémon noturnos. Sinto que eles queriam comer minha alma e depois jogar em um mar de escuridão para eu ficar com medo para sempre! Saio do saco de dormir, e a Fennekin sai comigo, sinto que ela já estava acordada há um tempo. Olho para o lado e Julia não está em seu saco de dormir. Onde ela pode ter ido? Ela devia ter esperado eu acordar pelo menos. Será que ela desistiu de fazer jornada comigo? Se bem que ela é bem bonita, um tarado pode tê-la sequestrado. Santo Arceus! Tantas possibilidades vem na minha cabeça, mas todas elas são interrompidas com a voz de Julia atrás de mim.

 - Bom dia Lari! - me viro e a vejo com uma sacola cheia - eu aproveitei que acordei mais cedo que você e peguei umas frutas para a gente comer agora de manhã, já que não tem nenhum restaurante por perto.

 Por que eu tenho que ser tão preocupada? Estava imaginando milhares de possibilidades e ela estava simplesmente colhendo frutas para comermos.

 - Bom dia. Muito obrigada, estou morrendo de fome. Vamos comer logo!

 Julia tira um pano da mochila e cobre o chão com ele, coloca as frutas em cima do pano e minha Fennekin vem bem devagarinho para comer conosco. Eu olho para ela e lembro de algo que tinha pensado durante a madrugada.

 - Eu preciso de dar um nome pra minha Fennekin! - alerto com um ar de confiança.

 - Ótima ideia! Você é uma geni... Um gênio! Afinal não existe feminino de gênio para você ser gênia. Enfim, ótima ideia! Já pensou no nome que quer por nela?

 - Mais ou menos. Só não sei se você vai achar legal...

 - Ah! Fala logo qual é, estou curiosa! E não sou eu que tem que achar legal e sim você, e é claro, a Fennekin também.

 - Eu pensei em Sunny... Sabe, essa noite eu tava com muito frio, ai eu me abracei com a Fennekin e ela estava tão quentinha. Com ela perto de mim até uma fria noite se torna um dia ensolarado... - falar essa frase foi com certeza uma das coisas mais constrangedoras, e fofas que eu já disse. Por isso, sinto meu rosto queimando de vergonha, e tenho certeza que Julia achou esse nome, por este motivo uma ideia muito idiota.

 A Fennekin se aproxima de mim com olho brilhando e um sorriso, mostrando aprovação pelo nome, o que me anima um pouco mas a filhotinha dá um pulo de susto quando Julia da um grito.

 - AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAWN! Que fofo! Isso foi TÃO... Sabia que você era uma pessoa romântica Lari! Quando vermos o Felipe de novo você deveria falar algo desse tipo para ele!

 - Eu já disse que não gosto dele! - alerto-a

 - Então você gosta de outra pessoa?

 - Não sei... - me viro porque estou ficando corada.

 - Não sei? Como assim? Isso foi um SIM tenho certeza. - Ela ri. Eu abaixo minha cabeça.

 - Eu não sei porque é um amor estranho.

 - Amor estranho? Oh meu Arceus! Não me diga que você está apaixonada pela Sunny!?

 - Claro que não! Isso seria Pedopokefilia!

 - Então quem é?

 - Por que quer tanto saber?

 - Porque sou sua melhor amiga!

 - Mas um dia você vai saber...

 - Você não confia em mim?

 - Claro que confio! Mas você pode nunca mais falar comigo se eu disser quem é.

 - Eu não vou parar de falar com você por causa de uma paixão adolescente!

 - Mas... Mas... - eu me levanto, fico de costas para ela, fecho meus olhos com a intenção de nunca mais abrir, abaixo minha cabeça. Sinto meu rosto ferver, meu corpo tremer, e meu coração bater mais forte. Estou sentindo um frio na barriga insuportável, devo estar passando mal, mas mesmo assim digo o que está me sufocando - É você!

 E agora, ela vai sair daqui e me ignorar para sempre? Gritar e me chamar de estranha? Mas o que acontece é totalmente diferente de qualquer coisa que eu possa imaginar. Escuto passos atrás de mim. Os passos param e as mãos de Julia estão em meus ombros, ela sussurra em meu ouvido.

 - O que tem de estranho nisso?

 Em seguida, o tempo para. Me viro para ela e tenho a visão mais linda de Julia que já tive em toda minha vida. Seu rosto está corado, e provavelmente o meu também. Seu olho está brilhando como a luz do sol então ele se fecha se aproxima de mim. Estou sentindo seus lábios! Eu fui beijada... Pela Julia...

 É um sonho? Não! É uma parte marcante da minha vida! Eu preciso desenhar isso!
avatar
SONEPrincess
Membro
Membro

Feminino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 30/03/2014


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DRAW

Mensagem por Black~ em Sab 5 Abr 2014 - 11:18

Bom, vamos lá.

Esse capítulo foi até legalzinho, mas ele ficou mais melodramático e foi mais aquele drama meloso, sabe? Sem muitos acontecimentos ou andamento na jornada, mas como você disse que ia prezar pelo romance, até entendi a "lenteza" do capítulo.

Ok, eu estava certo de que a Júlia e a Larissa iam se apaixonar, mas foi MUITO rápido, tipo, logo no capítulo 1? Achei que ia desenvolver uma relação entre elas primeiro, ai ia criar situações que deixassem as duas muito próximas e tals, se bem que elas já se conhecem há anos, mas sei lá.

O capítulo ficou cheio de falas, como eu disse, foi por causa do romance e do drama que você colocou nele. Sei lá, não que seja um grande problema, um monstro de sete cabeças, etc, mas é bom adicionar mais narração, porque o capítulo só com falas fica meio, sei lá, cansativo.

Mas eu achei legal esse romance lésbico, é interessante ver um romance homossexual numa fic, acho que se teve, foram em ocasiões bem específicas. Mas é como eu disse, eu esperava que você desenvolvesse melhor esse romance, elas tiveram uma conversa e rápido, e pronto, se beijaram.

Enfim, é só e boa sorte com a fic.
avatar
Black~
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/02/2011

Frase pessoal : The winter has come


Ver perfil do usuário http://pokemonblackrpgforum.forumeiros.com./

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DRAW

Mensagem por Mítico em Dom 15 Jun 2014 - 13:25

E aí não vai continuar ou fez só um intervalo? mustache Espero que tenha decidido repousar só por um tempo Sad Quero mais dessa fic! É a história mais fofa que já li nesse forum, ainda melhor, por ser escrita por uma menina >.<
Achei a Larissa muito fofaaa, e a Sunny também é muito delicada e adorável. A relação entre as duas é tão kawaii *~*
Mas tal como o Black, achei que o relacionamento entre a Julia e a Larissa avançou rápido demais, eu contava com a Lari guardando os seus sentimentos mais um pouco. Se fosse eu, prolongaria um pouco mais esse "pseudo-amor platónico" mas enfim, já percebi que o seu estilo de escrita é um pouco corrido, mas não tenho nada contra.

Fico à espera de um novo capitulo! Continuação de bom trabalho :3
avatar
Mítico
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
3 / 103 / 10

Data de inscrição : 20/04/2011

Frase pessoal : Heaven, I'm in heaven- Adagio


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DRAW

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum