Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobre todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!

Pokémon Alexandrita [+16]

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Alice Le'Hills em Dom 15 Fev 2015 - 21:26

Olá!

Eu li o capítulo logo que você postou, mas deixei pra comentar agora de noite pois não estava em casa quando li.

Bem, gostei do capítulo, você escreve bem. Sua fanfic ta realmente bem misteriosa, e eu gosto disso. Me pergunto se a Misty citada é a líder de ginásio de Cerulean ou se foi só coincidência mesmo. Sobre o Kay, suponho que esse tal membro da Elite Four deve ser o homem que ele acha ser seu pai.

Enfim, boa sorte com a fic! Espero pelo próximo capítulo!


________________
Acompanhem a minha primeira fanfic:
Pokémon - O Elo Perdido
avatar
Alice Le'Hills
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Feminino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 23/12/2014

Frase pessoal : Continue a nadar...


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Black~ em Seg 16 Fev 2015 - 22:33

Bom, vamos lá.

Esse capítulo, para variar, ficou bem misterioso. Apesar de ter algumas poucas revelações, acabou ficando misterioso, como sempre é. Além disso, teve a inserção de mais novos personagens, acredito. Vamos ver onde esse pessoal vai entrar na história e o que farão, mas enfim.

Essa menina dos Litwick é realmente muito estranha. Parece que ela não é nem humana, e sim, um fantasma ou qualquer coisa do tipo, principalmente com esses Litwicks e ela falando que lê coisas neles, bem estranho. Ainda mais ela falando da sua missão e de quem a enviou, enfim, muito estranho.

Será que essa Misty é a mesma do anime e etc? Ou é só uma mulher com nome igual? Mas de toda forma, eu gostaria de saber o porquê da Mizu ter ficado assim após a Chantella ter dito que era a Misty. O que será que aconteceu entre a Misty e a Mizu, que a Mizu não quer lembrar?

Essa Melody e esse Mark... hm, sei não. De quem eles estavam falando? Quem era informante do Grupo Moltres? Eu desconfio que seja a tal da Misty, mas né, não sei. Aliás, o que são essas Alexandritas? Certamente, esse será o grande mistério da fic, já que leva ao nome da fic.

Erros devo ter visto um ou outro, mas nada de mais.

É só e boa sorte com a fic.
avatar
Black~
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/02/2011

Frase pessoal : The winter has come


Ver perfil do usuário http://pokemonblackrpgforum.forumeiros.com./

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Dalims-chan em Qua 18 Fev 2015 - 18:12

Estou sem tempo para ler, mas assim q possível vou ler e comentar mais pontualmente, mas vou te contar: ESTOU MUUUUUITO FELIZ COM SUA VOLTA A FIC, ALIAS, AO FORUM E POR CONSEQUÊNCIA, À FIC ^^


Veja feliz e se possível leia meus diários e comente neles, os links estão na minha assinatura ^^
avatar
Dalims-chan
Membro
Membro

Feminino Idade : 33
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/03/2013

Frase pessoal : Pra Pokémon não tem idade! o/


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por DarkZoroark em Qui 19 Fev 2015 - 23:58

Platinum o/
Desculpa pela demora em vir comentar. Já havia lido o capítulo faz alguns dias, mas em conta de alguns problemas acabei me demorando para vir comentar. Então, sem querer me atrasar ainda mais, vamos ao review:
Como de costume o capítulo foi cercado por mistério. Ficou um tanto curto, mas isso não diminui sua qualidade. Aliás, vejo que me enganei completamente sobre a Chantella. O fato de ela conseguir observar as coisas a distância através do fogo dos seus Litwicks foi um toque realmente interessante. Fez ela ficar com um ar de médium - estilo Vovó Uranai - ou algo do gênero. Me lembrou bastante também das habilidades do Morty no Pokémon Adventures. Houve alguma inspiração aí ou é apenas uma estranha semelhança? Assim como o Black~ fiquei intrigado em relação a Misty. É de fato a Gym Leader ou apenas uma personagem com nome parecido?
Quanto a dupla M&Ms - desculpa, não consegui resistir a fazer essa piada - que apareceu no final do capítulo... Devo dizer que chamaram minha atenção. A conversa entre ambos me lembrou bastante alguns diálogos de espiões e assassinos, então creio que deve ter algo haver com isso. Se bem que, como eu estava errado sobre a Chantella, pode ser algo completamente diferente. A utilização de Nuzleaf na sua história também foi um detalhe bem legal, visto que tanto ele quanto Shiftry não são Pokémons vistos com facilidade nas histórias - mesmo com um visual [palavra censurada]. O ponto de interesse maior, contudo, certamente foi a menção as Alexandritas. Enquanto lia não pude deixar de imaginar algo similar a uma Mega Stone, mas creio que esteja errado. Vou ficar no aguardo para ver se isso é a realidade ou não.
Erros não encontrei nenhum e sua escrita continua de fato muito boa, dando uma boa visão do que se passa na história para os leitores.
Bem, por enquanto é só. Devido ao capítulo ter sido pequeno não há muito mais que eu possa falar, a não ser que eu aguardo pelo próximo capítulo
ninja
avatar
DarkZoroark
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 11/04/2011

Frase pessoal : Let's Play!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Platinum Slytherin em Ter 24 Fev 2015 - 0:14

Weird von Gentleman: Muito obrigado pelas dicas e elogios... Fiz o possível para melhorar nesse capítulo, espero que continue me ajudando. Abraços.
Alice Le'Hills: Obrigado por acompanhar Pokémon Alexandrita, suas perguntas serão respondidas nesse capítulo.
Black~: Obrigado por comentar, esse capítulo tem mais mistérios e algumas respostas. Razz
Dalims-chan: Que bom que ainda te achei no fórum, espero que você consiga um tempo pra acompanhar Sun, Mizu, Kay e Serena. bounce
DarkZoroark: Não me inspirei em Morty, me inspirei em Sabrina. Os capítulos são realmente curtos, isso é um erro... tou tentando melhorar. Espero continuar vendo você por aqui. Smile)

6º Capítulo - Esconderijo.

As garotas agora passavam por uma trilha sinuosa que cortava a floresta, e para poder enxergar melhor o caminho uma lanterna foi acessa por Mizu, que depois de alguns minutos descansando, já havia recuperado a força necessária para alcançar o esconderijo da Moltres.

A lanterna acesa iluminou os enormes e variados troncos negros, marrons e até avermelhados, rijos, com copas a perder de vista e folhas que variavam de desenho, o que indicava que aquela floresta continha diversas espécies de árvores. Também era notável a abundância de flores - amarelas, roxas, rosas e vermelhas - de plantas de médio porte que produziam Berries e de ervas que nasciam à beira do caminha aberto no meio da selva.

- Eu ainda não lhe perguntei o nome dessa floresta. – disse Haruno.

Toshiro, que ia à frente, respondeu quase que sussurrando que elas estavam na floresta de Veridian. Pela densidade, diversidade e umidade do lugar, Serena já tinha percebido onde estavam.

Um ser misto de caranguejo e aranha, com grandes cogumelos nas costas atravessou a trilha, e nesse momento as meninas fizeram uma pausa para esperar ele passar. Sun estava no dorso de um enorme Stantler, a rena era maior do que os semelhantes de sua espécie, e seus chifres por vezes prendiam-se em alguns galhos os cipós, mas o bicho sem grandes esforços se livrava desses empecilhos, afim de não perturbar o garoto do qual era guardião. O cervídeo obedecia às ordens de Serena, sua mestra.

O Paras seguiu seu caminho e entrou na floresta, Toshiro e Serena prosseguiram. Depois de algum tempo estavam de frente a um grande paredão de pedras negras encravado em um morro de pouca altitude forrado por árvores e plantas verdes, grudados em rochas estavam alguns Geodudes, que eram criaturas que possuíam uma cabeça rochosa da onde saíam braços de pedra musculosos. A trupe parou em frente a esse paredão, a treinadora do Stantler aguardou os próximos movimentos da membro da Moltres.

Mizu aproximou-se o bastante para tocar a rocha fria e deslizou a palma de uma das mãos pelo rochedo liso e gélido até encontrar uma fenda circular. Ao pressionar o centro da fenda todo o paredão de pedra começou a tremer, e então um fenda gigante e circular, desconectada do rochedo, tomou forma. Esse pedaço de rocha rolou para dentro do paredão, como um portão elétrico desliza em seu trilho, e então um enorme corredor escavado em rocha e iluminado por tochas fixadas em suas paredes pôde ser visualizado.

Toshiro então fez um sinal para que todos a seguissem, e assim foi feito. O portal de pedra fechou-se ao fundo com um grande estrondo, e a romaria seguiu pelo corredor que se estendia sem curvas e inclinado. Um silêncio insuportável se fez soberano por todo caminho até o ponto em que uma porta de carvalho negro pôde ser visualizada. Todos então pararam.

A porta começou a ranger, e vagarosamente abriu-se revelando a presença mórbida de Chantella.

- Vocês demoraram. – sorriu distraidamente, quase ao mesmo tempo em que se virou em direção a um átrio quadrangular enorme, com paredes de pedra e com uma enorme e larga mesa ao centro esculpida em mármore, com acentos também de mármore em um número de doze. Esses eram os únicos móveis do lugar. Além disso, as paredes do átrio possuíam sete portas.

Mizu entrou no espaço como se finalmente estivesse em casa. Os Litwickes de Chantella empurram uma das portas e flutuaram em direção a sua treinadora. Atrás dos Litwickes veio um garoto ruivo, muito feio e sardento, alto e branquelo. Ele caminhou a passos largos na direção de Toshiro e a abraçou.

- Você está viva. – seus olhos brilhavam enquanto abraçava a garota que lentamente respondia ao seu gesto de afeto.

Antes que o momento fosse adequado para um abraço terminar, o rapaz dirigiu-se em direção de Sun.

- Esse é o rapaz enfermo? – olhou para Chantella, que assentiu – Audino! – gritou.

Da sala de onde ele havia saído, um Pokémon bípede, gordo, com orelhas grandes, olhos azuis e corpo rosado rompeu.

- Me ajude com ele, vamos leva-lo a enfermaria.

Serena ajudou em silêncio o rapaz e o Audino a levar o garoto inanimado e o Stantler até a enfermaria, que era a sala de onde os Litwickes haviam saído.

Chantella e Mizu ficaram sozinhas na sala. A garota lúgubre estava confortavelmente sentada em uma das cadeiras do local, com os olhos fixos na parede. Sem olhar para Toshiro, disse:

- Misty lhe espera no escritório dela.

As tripas de Mizu ficaram geladas, esse encontro era esperado a tempo.

A garota então se dirigiu para o escritório de Misty sem dificuldades, pois o local era conhecido.

Ao abrir a porta de madeira, pôde visualizar a ex-líder de ginásio sentada detrás de uma pequena escrivania de madeira avermelhada. Misty já não possuía a beleza de anos atrás, quando era a cabeça do ginásio de batalhas de Cerulean, agora beirava os quarenta anos e apesar de manter o mesmo penteado da juventude, sua expressão era séria, rígida, seu rosto já apresentava algumas rugas e recentes cicatrizes.

- Sente-se. – disse a líder em tom amigável.

Mizu Toshiro obedeceu.

Misty a encarou, seus olhos encheram-se de água.

- Oh, minha querida, olha para você, você está tão debilitada... Oh, aonde isso tudo vai parar? – As lágrimas pesaram e desabaram, deslizando pelo rosto.

A menina também emocionou-se, mas seus canais lacrimais haviam secado.

- Estou muito feliz em lhe ver... Você também deve ter passado por muita coisa. – a voz de Toshiro voz agora estava em um tom mais singelo, e seu olhar era doce.

Misty esticou os braços por cima da mesa e esperou o toque de Mizu. As duas deram as mãos por algum tempo. A líder de ginásio se recompôs e então disse limpando as lágrimas.

- Não temos tempos para sentimentalismos. Eu descobri algumas coisas, precisamos agir rápido.

O olhar de Toshiro voltou a ser duro.

- Nesse tempo como espiã confirmei o que já suspeitávamos, que eles estão transferindo os poderes dos pokémons para armas... Mas há uma informação nova... – fez uma longa pausa – para armas de carne e osso.

A jovem ouvinte paralisou-se na cadeira.

- Chantella é uma dessas armas. – Misty apoiou os cotovelos na escrivania e segurou a cabeça com as mãos. – E isso não é só, eles sabem como capturar Rayquasa.

Enquanto isso no Helter Skelter...

Mellody sensualmente retirava um punhado de fios loiros do rosto enquanto encarava a cara de surpreso de seu comparsa. Depois de completar esse movimento ela riu como se risse de uma piada da qual apenas ela tivesse conhecimento.

Mark estressou-se, tinha os nervos fracos. De estátua passou a uma fera.

- E agora o quê? Fala Mellody! Como você pode rir de algo assim?

Deu um soco na mesa, que a fez tremer. Os clientes do bar olharam de soslaio para o casal.

Mellody levantou a taça vazia de chope em sinal de que queria que ela fosse preenchida pelo garçon, que prontamente se dirigiu a mesa. Depois calmamente disse:

- Ela está sendo rastreada, sei agora a posição do esconderijo da Moltres em Kanto, tenho uma frota de homens montados em Skarmorys prontos para obedecer ao meu sinal. Misty e sua divisão serão exterminados, ou o mais perto disso, em algumas horas.

Mark uivou de felicidade. O garçon começou a encher a taça de Mellody.

- Essa rodada é por minha conta! – disse o rapaz de fisionomia vampiresca.

A loira jogou triunfante os cabelos para traz.

Brindaram, a ocasião pedia uma comemoração. No bar Symphony of Destruction da Megadeth tocava.

Na praia um rapaz e seu Nuzleaf caminhavam, quando o celular do rapaz apita, era sinal de que uma mensagem foi recebida. Essa mensagem era do novo membro da Elite dos 4 de Hoenn, Laikos, fiel aluno de Glacia Prim, e dizia:

“Não me mande mais cartas, elas são completamente obsoletas e indiscretas. Vemo-nos dentro de poucos dias. Depois de ler, apague a mensagem, não quero que desconfiem do nosso relacionamento. Beijos.”

Continua...

Megadeth - Symphony of Destruction:









avatar
Platinum Slytherin
Membro
Membro

Masculino Idade : 25
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 17/11/2011

Frase pessoal : Je me fous du passé.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Killer123 em Qua 25 Fev 2015 - 19:44

Bom, cá estou!

Vejo que é uma fic mais madura, possui um estilo mais "sombrio" e é claro eu gosto disso, eu pessoalmente estranhei um pouco a morte prematura de Sidney, ele seria um incrível vilão final. Mas percebo que você tem alguma carta na manga.

Sobre sua escrita é muito boa, tanto a descrição e narração de sua Fic são ótimas. Eu tive que ler todos os capítulos e levei umas horinhas para poder pensar em algo que fosse "bom" de se ler. Sei que pode ser desanimador não ter muitos comentários na Fic, é serio eu mesmo exclui uns 10 rascunhos que tinha no meu Pc.

Vou ser sincero, as coisas andam um pouco devagar, o Sun ficou uns 3 capítulos desmaiado, recomendo que aumente o tamanho dos capítulos não precisa ser algo muito grande, umas 4-5 paginas no Word.

Bom é só isso
boa sorte!
avatar
Killer123
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 24/11/2014

Frase pessoal : We'll shine like stars


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por togekisses em Qui 26 Fev 2015 - 0:44

Hey, prazer! Decidi dar uma olhada na sua fanfic, mais uma delas pra ler sempre é bom. E de início, já digo que gostei bastante dessa violência exagerada que você expõe na estória. Apesar de sangue e cérebros sendo triturados não serem muito minha praia, a obra ficou bem original dessa maneira. Você também gosta de por muito mistério em tudo, coisa que eu adoro, pois é muito divertido ficar meditando depois de ler sobre o que está por trás de cada um. Essas duas coisas já deixam a fanfic com forte pontecial. Ainda estou meio em dúvida sobre o que dizer dos protagonistas, pois tudo o que sabe-se deles é muito vago, mas de cara gostei muito de todos e espero que você revele mais sobre o seus passados.

Agora que eu li o capítulo que faltava tive certeza de que é uma boa fanfic e que continuarei acompanhando. Tô mega ansioso pelo capítulo 7 e pra saber mais sobre os mistérios.

Então, até logo e boa sorte!


Última edição por togekisses em Sab 7 Mar 2015 - 0:38, editado 1 vez(es)
avatar
togekisses
Membro
Membro

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 23/12/2014


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Alice Le'Hills em Qui 26 Fev 2015 - 18:36

Hey!

Desculpe pela demora para comentar, mas já estou bem atarefada com os afazeres escolares. De qualquer forma, arrumei um tempinho para comentar.

Bem, foi um capítulo interessante. Acho original que a team da fic seja do bem, e não do mal como é de costume. Aliás, falando em gente do mal, aquela tal de Mellody é bem estranha... Porque será que ela quer exterminar Misty?

Eu não costumo apontar erros, mas achei uns bem gritantes:


@Platinum Slytherin escreveu:a voz de Toshiro voz agora estava
@Platinum Slytherin escreveu:rayquasa
@Platinum Slytherin escreveu:garçon

Você repetiu a palavra "voz", e trocou as letras nas palavras "rayquaza" e "garçom".

Enfim, espero pelo próximo capítulo. Boa sorte com a fic.

________________
Acompanhem a minha primeira fanfic:
Pokémon - O Elo Perdido
avatar
Alice Le'Hills
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Feminino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 23/12/2014

Frase pessoal : Continue a nadar...


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por DarkZoroark em Qui 5 Mar 2015 - 18:43

Platinum o/
Desculpe por esta demora em vir aqui comentar. O motivo disto é o fato de eu estar voltando à faculdade, então tirei semana passada para arrumar tudo. Enfim, agora que já estou com tudo organizado, vim aqui fazer isto. Acabei levando alguns dias a mais para terminá-lo devido à queda no tempo livre, mas enfim terminei-o. Então, sem mais delongas, vamos ao review:
O capítulo em si foi bem legal, apesar de relativamente curto. Não vejo uma problemática muito grande com isso, até porque facilita fazer sua leitura e análise posteriormente. Gostei bastante dos acontecimentos descritos neste capítulo. Ficou bem interessante e, como de costume, misterioso. Realmente conseguiu colocar algumas dúvidas a mais em minha mente, o que é ótimo. Toda a estrutura da base e a organização do local ficaram muito bem detalhados.
Quanto à conversa entre a Misty e a Toshiro... Foi deveras interessante. A questão de transferir poder de Pokémons para armas é uma ideia tanto quanto interessante, ainda mais tendo em vista que essas são aparentemente seres humanos - ou seja lá o que for a Chantella. Fico imaginando de qual Pokémon vieram os poderes dela. Assim como a Alice achei interessante que haja uma organização do bem atuando na história. Em geral, é apenas aquela "equipe vilã que quer capturar um lendário e blá blá blá" então ficou interessante. A participação da líder de ginásio de Cerulean foi bem curiosa. Não chega-se a vê-la com tanta frequência seja pela falta de interesse ou o fato de que muitas Fanfics de jornada não chegam até essa parte antes de serem abandonadas. Enfim, foi um toque legal.
A parte final que envolvia a Mellody e outros dois "vilões" - se bem que não sei se o são na realidade - adicionou um pouco mais de mistério à história. O fato de estarem-nos rastreando é de fato interessante. Não é um recurso muito empregado mesmo em histórias mais sombrias, então logicamente dá um destaque maior à sua. Outro ponto que curti, embora esteja desrelacionado à dupla, é que ao menos os Elite 4 - ainda não há como ter-se certeza quanto aos Gym Leaders - possuem discípulos. É algo que já apareceu no anime algumas vezes, mas que muito raramente vejo sendo usado em Fanfics.
Quanto a erros encontrei mais um além dos que foram citados pela Alice.

@Platinum escreveu:A loira jogou triunfante os cabelos para traz.
O correto seria "trás".
Bem, por enquanto é só. Aguardo pelo seu próximo capítulo.
ninja
avatar
DarkZoroark
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 11/04/2011

Frase pessoal : Let's Play!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Dalims-chan em Seg 15 Jun 2015 - 18:45

Geeeeeeeeeeeeente!! Agora q eu reparei!! xD Ele já postou várias coisas...

Preciso correr pra ler e comentar!!!

Uma pena q não poderei fazer isso hj Ç~Ç



Mas dou minha palavra q não vou deixar de ler e comentar direitinho! \o/
avatar
Dalims-chan
Membro
Membro

Feminino Idade : 33
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/03/2013

Frase pessoal : Pra Pokémon não tem idade! o/


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Alexandrita [+16]

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum