Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobre todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!

Pokemon - New Tales (Alternativo)

Ir em baixo

Pokemon - New Tales (Alternativo)

Mensagem por Mathss em Sab 10 Ago 2013 - 15:34

Detalhes iniciais:

A ideia desta fan fic é um novo universo de pokemon com um enredo diferente e próprio, seguindo, claro, algumas regras do universo pokemon, mas sendo mais realista e focado ao público jovem e não infantil.

Não ficarei falando dos personagens nem passando imagens deles, isto será algo que virá acontecendo naturalmente.

==========

Ficha Técnica:
Nome: Pokemon - New Tales
Author: Mathss
Gênero: Ficção científica e fantástica, aventura, lutas.

==========

Sinapse:
Em um mundo onde criaturas mágicas existem, e são parte do dia a dia dos humanos, e onde a tecnológica tomou proporções que nossa geração ainda sonha, a aventura tem um sabor fantástico. Os pokemons fazem parte do dia a dia das pessoas assim como o alimento diário, neste mundo, todos que completam 10 anos estão aptos a serem treinadores pokemons.
Neste mundo, Clow, um jovem de coração ardente, e segundo filho numa família de 3 filhos, desbrava a região de Kanto em busca do que este mundo pode oferecer.
Nesta jornada, ele aprenderá que neste mundo, as crianças amadurecem rápido, e que ele precisa se preparar para viver neste mundo incrível.

Capítulos: escreveu:1 - O começo

1 - O começo

"Você sabe guardar segredo? Nos não estamos sozinhos. Existem diversos mundos, em um deles, existem misteriosas criaturas, poderosas, e perigosas, onde se pode viver extraordinárias aventuras."

Para Clow, o dia não podia ser mais importante. Era o mais aguardado de sua vida, este é o ano em que ele completa 10 anos. Descendo as escadas correndo, ele foi para o quintal de sua casa.

- Estas férias serão as melhores - Disse ele com um sorriso no rosto.

Como de costume, todas as escolas suspendem as suas aulas por um período de 3 meses todo ano, para a temporada de aventuras pokémons dos novos aspirantes a treinadores. A carta de Clow, para receber seu primeiro pokémon e seu cadastro, já havia chegado em sua residência.

- Raffle! Venha cá! - Disse Clow chamando o Growlight de seu irmão. - Use o Bite!

Assim, Raffle correu em direção uma resistente árvore que estava nesta casa antes mesmo de Clow nascer, e mordeu ela com força. A mãe de Clow, Jane, viu isto pela janela, e o chamou. Clow logo foi ver o que ela tinha para lhe falar.

- Quantas vezes já não lhe disse? Não ensine golpes para pokémons domésticos, eles são simplesmente para que se aprendam a criar pokémons desde cedo. Da próxima vez, mandarei que seu irmão pegue ele daqui. - Disse ela, prometendo esta "próxima vez" pela milésima vez. - Agora coma aqui, vou lhe deixar no laboratório as no horas para pegar o seu pokémons.

- Mas mãe, nove horas vai estar cheio, todos meus colegas vão a esta hora, por que temos que esperar mais 3 horas? - Retrucou Clow.

- Eu não sou a mãe de todos seus colegas, e não precisa se preocupar, você não irá pegar aquela fila, esqueceu que seu pai é amigo pessoal do professor Carvalho? Ele ligou esta manha e disse que as 9 a gente poderia passar lá e pegaríamos seu pokémon, sua pokédex logo com ele. - Respondeu ela.

Clow se lembrou do professor Carvalho, ele sempre falava sobre assuntos que Clow nem sempre gostava, e raramente falava de pokemon, nem parecia ser um grande pesquisador pokemon.

- Mas eu não quero ir lá, ele é sempre chato, e além do mais, os Charmanders são concorridos, só quem consegue pegar é quem chega cedo, depois será Bulbasaur ou Squirtle. - Retrucou ele.

- Não se preocupe, o professor Carvalho deixou um Charmander reservado para você, além do mais, o pokemon não influência, o que muda é o treinador, você já deve ter ouvido isto milhões de vezes. - Disse ela.

- Mãe, mas.

- Sem mais! - Disse ela, encerrando o assunto, nesta hora Clow sabe que é melhor ficar calado. - Não fique nesta de qual pokemon vai pegar, eu não te eduquei para ser assim! E além do mais, você vai ter a chance de ouvir as instruções do professor Carvalho pessoalmente, isto é para poucos.

E assim foi, passado-se algumas horas, puderam ver uma pequena fila, isto era ainda os treinadores de Pallet. Pois sempre, os 2 primeiros dias são para os moradores local, depois que moradores das outras cidades de Kanto podem pegar seus iniciais. Mesmo uma vila pequena, conseguiu ter mais de 300 novos treinadores.

Eles foram para o laboratório por outro caminho. Por lá, viram vários garotos e seus pais aguardando para que sua senha fosse colocada. Ainda faltava quase 50, 3 horas não foram suficientes para atender todos eles. Então Clow e Jane, entraram no escritório do professor Carvalho, ele então deu as boas vindas.

- Seja bem vindos, ummm, olha só quem cresceu neste ultimo ano. - Disse o professor apertando as bochechas de Clow. - Sim, trouxe ai a foto dele, os documentos necessários e um bolo para mim? - Perguntou ele rindo.

Jane riu também, abriu a bolsa e pegou todos os documentos que precisava.

- Aqui esta. - Respondeu ela, o professor então colocou todos os dados para serem lidos pelo computador. Então ele fez um cartão de treinador, e chamou eles para uma outra sala.

Na outra sala, havia um garoto.

- Clow, conhece meu neto? Ele se chama Gary. - Perguntou o professor.

- Apenas de vista. - Respondeu o garoto. - Ele é da turma A, eu sou da turma B.

- Um, é claro, praticamente todos se conhecem, todos de Pallet estudam na escola municipal, não é uma cidade grande. - Disse o professor, já sabendo que eles iriam se conhecer. - Então temos aqui três pokébolas, a primeira tem um Bulbasaur, a segunda um Squirtle, e a terceira um Charmander, escolha uma, com sabedoria!

Então Clow correu logo na terceira, e pegou o seu Charmander. O professor deu-lhe então seu cartão de treinador e sua pokédex. Gary levantou-se e pegou o Squirtle.

- Você, assim como a maioria dos treinadores, preferem o tipo fogo. - Começou Gary. - Eu não, eu escolho o tipo água, que como todos sabem, é forte contra o tipo fogo. Todos dão um grande valor a seus iniciais, logo, saber escolher um bom, faz uma grande diferença.

O professor Carvalho se levantou evitando qualquer discussão entre os garotos. Então deu a Gary, seu cartão de treinador e sua pokédex. Pegou 10 pokébolas, deu 5 para Clow e 5 para Gary.

- Vocês agora estão prontos, vão para a sua aventura, já podem se dirigir para fora de Pallet.

Assim os dois garotos, agora rivais, saem em direção ao norte, lá, muitos treinadores já estavam enfrentando seus primeiros pokemons, e muitos Pidgeys e Rattata já tinham sido capturados. Clow então não quis perder tempo, chamou para fora seu Charmander.

O Charmander olhou para ele, e lhe reconheceu como treinador, logo veio seu rival e o desafiou.

- Quer uma batalha pokémon? - Perguntou-lhe Gary.

- É para já!

Gary chamou seu Squirtle, o primeiro movimento oi de Clow.

- Use o Scratch Charmander! - Gritou ele, o Charmander então acertou a cabeça do Squirtle.

- Use o Tackle! - Squirtle usou o Tackle acertando o Charmander na barriga.

- Charmander, Scratch novamente! - Gritou Clow e Charmander acertou desta vez a perna do Squirtle.

- Squirtle, enfraqueça ele, use o Tail Whip! - Gritou Gary!

- Charmander, use o Scratch novamente! - Gritou Clow.

Os dois atacaram na mesma hora, o Tail Whip diminuiu a defesa do Charmander, mas logo o Squirtle foi acertado novamente pelo Scratch vindo a cair, logo ele bateu a cabeça numa pedra e desmaiou.

- Squirtle! - Gritou Gary desesperado! Logo ele pegou seu pokémon machucado. - Você só venceu pelo fator sorte! - Disse ele, correndo para recuperar seu pokémon no laboratório.

Assim, Clow foi em direção a Rota 1, em busca de sua primeira Captura. Por lá viu muitos Pidgeys e Rattatas, logo um Pidgey foi em sua direção para desafia-lo.

- Vai Charmander! - Gritou Clow chamando seu pokémon. - Use o Scratch! - Charmander rapidamente acerta o Pidgey com um arranhão, entre sua asa e pescoço, causando um ataque crítico. Pidgey ataca o Charmander com areias, fazendo seus olhos irritarem.

Clow então lança a sua primeira pokébola, então, após se mover um pouco, um brilho sai de dentro dela, é sinal de que o pokémon foi capturado. Clow corre para o laboratório para curar seus pokémons.

[Fim do capítulo 1]


Bem, espero que gostem, e que leiam, hehe. Vou ler muitas aqui também, só não garanto ler sempre.

Próximo capítulo teremos uma novidade!


Última edição por Mathss em Dom 11 Ago 2013 - 6:41, editado 1 vez(es)
avatar
Mathss
Membro
Membro

Masculino Idade : 25
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 20/12/2011


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokemon - New Tales (Alternativo)

Mensagem por Black~ em Sab 10 Ago 2013 - 21:02

Bom, vamos lá.

Primeiramente, retire o texto do modo citação, fica muito feio, não é necessário isso. Pode tirar e talvez colocar uma cor, pois assim fica até pior de ler, alguns até desanimam, mas enfim.

Agora vamos falar da história. Cara, a história foi bem clichê. Eu não tenho nada contra histórias de vencer ginásios e tudo mais, mas tipo, um moleque de dez anos, quer virar treinador, vai no laboratório, encontra um rival, eles lutam e tudo mais. Sei lá né cara, é bom colocar algo diferente ai.

Cara, cadê a descrição desse capítulo? Não deu pra ter uma noção mínima da batalha. Você apenas colocou os golpes, sem descrevê-los, por mais que conheçamos o golpe, o autor deve colocar uma descrição dele, assim auxilia muito na leitura.

Olha cara, me diz como que uma cidade que tem uma única escola, tem 300 pessoas de 10 anos? Além de tudo a cidade, é uma vilazinha. Acho que ficou meio ilógico todos esses pontos. Sei que vêm treinadores de outras cidades, mas né.

Gary cara? Poxa, crie seus próprios personagens. A história fica chata com personagens já usados no anime. Seria o mesmo que criar uma história e ter o Ash como protagonista, me diga qual a graça? Mas agora que já colocou, deixa, mas evite colocar personagens do anime.

Além da falta de descrição da batalha, faltou descrição dos personagens. Como é a aparência do Clow? Como é a aparência da mãe dele? Como é a aparência do Gary? Como é a aparência do Professor Carvalho? É útil colocar isso.

Acho que teve repetição das palavras também, principalmente os nomes, como "Clow", "Professor Carvalho", "Gary", "Charmander" e "Squirtle". Também vi erros ortográficos, mas não vou citar nenhum, porque não acho necessário.

Enfim, é só e boa sorte com a fic.
avatar
Black~
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/02/2011

Frase pessoal : The winter has come


Ver perfil do usuário http://pokemonblackrpgforum.forumeiros.com./

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokemon - New Tales (Alternativo)

Mensagem por Pikachuzinha em Dom 11 Ago 2013 - 0:16

Olá, Math! Hue, uma fic de jornadas... >.< Não que eu tenha preconceito com elas ou que eu não goste de lê-las, mas é que tipo, a sua ficou praticamente idêntica ao enredo do jogo e do anime. '-' Tenta dar uma diferenciada, assim como o Black~ sugestionou. Crie novos personagens, invente cidades, descreva os ambientes, use pokémons diferentes... São inúmeras as coisas que um autor pode fazer para melhorar sua fanfic, portanto, não se limite a seguir a mesma coisa de sempre (um garoto/garota de dez anos pegar um poké e sair em jornada). .-.

O capítulo ficou em um tamanho bom, tente manter este padrão, assim o texto não fica cansativo de ler. Bom, vamos falar um pouco da ortografia agora. A sua está boa, você só precisar narrar e descrever um pouco mais, além de também dar umas revisadas no chapter. Ah, e "pokémon" tem acento. -q Use o corretor do Word (mesmo que às vezes ele corrija as coisas erroneamente, e.e) para evitar esses errinhos básicos de ortografia. Consulte dicionários caso queira saber a grafia de palavras que você não conheça, ele ajuda bastante. É um grande aliado do escritor.

Tome cuidado com a repetição de palavras também. Ela se mostrou evidente nesse capítulo... :/ É algo bem irritante de se encarar, porque tipo, não é muito legal ler a mesma coisa várias e várias vezes. .-.' Well, sem muito mais o que dizer, encerrarei o comentário por aqui.

É isso, então. xD Vou ver se acompanho a fic. No mais, é só. Até logo e boa sorte! o/


Black: Comentário abaixo apagado por ser considerado flood. O autor só deve responder os comentários ao postar um novo capítulo.
avatar
Pikachuzinha
Membro
Membro

Feminino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 21/07/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokemon - New Tales (Alternativo)

Mensagem por Mathss em Dom 11 Ago 2013 - 18:16

@Black~ escreveu:Bom, vamos lá.

Primeiramente, retire o texto do modo citação, fica muito feio, não é necessário isso. Pode tirar e talvez colocar uma cor, pois assim fica até pior de ler, alguns até desanimam, mas enfim.

Agora vamos falar da história. Cara, a história foi bem clichê. Eu não tenho nada contra histórias de vencer ginásios e tudo mais, mas tipo, um moleque de dez anos, quer virar treinador, vai no laboratório, encontra um rival, eles lutam e tudo mais. Sei lá né cara, é bom colocar algo diferente ai.

Cara, cadê a descrição desse capítulo? Não deu pra ter uma noção mínima da batalha. Você apenas colocou os golpes, sem descrevê-los, por mais que conheçamos o golpe, o autor deve colocar uma descrição dele, assim auxilia muito na leitura.

Olha cara, me diz como que uma cidade que tem uma única escola, tem 300 pessoas de 10 anos? Além de tudo a cidade, é uma vilazinha. Acho que ficou meio ilógico todos esses pontos. Sei que vêm treinadores de outras cidades, mas né.

Gary cara? Poxa, crie seus próprios personagens. A história fica chata com personagens já usados no anime. Seria o mesmo que criar uma história e ter o Ash como protagonista, me diga qual a graça? Mas agora que já colocou, deixa, mas evite colocar personagens do anime.

Além da falta de descrição da batalha, faltou descrição dos personagens. Como é a aparência do Clow? Como é a aparência da mãe dele? Como é a aparência do Gary? Como é a aparência do Professor Carvalho? É útil colocar isso.

Acho que teve repetição das palavras também, principalmente os nomes, como "Clow", "Professor Carvalho", "Gary", "Charmander" e "Squirtle". Também vi erros ortográficos, mas não vou citar nenhum, porque não acho necessário.

Enfim, é só e boa sorte com a fic.
Obrigado pelo comentário!

Sim, de fato esta clichê, e algo não novo, mas é como se fosse digamos, minha forma de escrever a história de Pokémon, em vez de seguir o anime e mangá.

E vou colocar a descrição dos personagens neste capítulo 2.

Athena escreveu:Olá, Math! Hue, uma fic de jornadas... >.< Não que eu tenha preconceito com elas ou que eu não goste de lê-las, mas é que tipo, a sua ficou praticamente idêntica ao enredo do jogo e do anime. '-' Tenta dar uma diferenciada, assim como o Black~ sugestionou. Crie novos personagens, invente cidades, descreva os ambientes, use pokémons diferentes... São inúmeras as coisas que um autor pode fazer para melhorar sua fanfic, portanto, não se limite a seguir a mesma coisa de sempre (um garoto/garota de dez anos pegar um poké e sair em jornada). .-.

O capítulo ficou em um tamanho bom, tente manter este padrão, assim o texto não fica cansativo de ler. Bom, vamos falar um pouco da ortografia agora. A sua está boa, você só precisar narrar e descrever um pouco mais, além de também dar umas revisadas no chapter. Ah, e "pokémon" tem acento. -q Use o corretor do Word (mesmo que às vezes ele corrija as coisas erroneamente, e.e) para evitar esses errinhos básicos de ortografia. Consulte dicionários caso queira saber a grafia de palavras que você não conheça, ele ajuda bastante. É um grande aliado do escritor.

Tome cuidado com a repetição de palavras também. Ela se mostrou evidente nesse capítulo... :/ É algo bem irritante de se encarar, porque tipo, não é muito legal ler a mesma coisa várias e várias vezes. .-.' Well, sem muito mais o que dizer, encerrarei o comentário por aqui.

É isso, então. xD Vou ver se acompanho a fic. No mais, é só. Até logo e boa sorte! o/
Sim, de fato ficou extremamente semelhando aos jogos e ao mangá(o anime nem tanto), mas é uma nova história, sem nenhuma ligação com a do anime ou a do mangá.

@Black~ escreveu:Black: Comentário abaixo apagado por ser considerado flood. O autor só deve responder os comentários ao postar um novo capítulo.
Opa, malz, não sabia disto.

2 - Spriter

Tendo Clow recuperado seus pokémons no laboratório do professor carvalho, o jovem garoto de cabelos vermelhos e olhos pretos, assim como os de sua mãe, chama seus pokémons para fora da pokébola.

- Agora esta na hora de vocês receberem um nome! - Disse o entusiasmado menino. - Char, desde antes de ser um treinador, eu penso no nome "Red" para você, e Pidgey, você não será uma ave qualquer, precisa de um nome grande, seu nome agora será Fawk!

Ia-se andando, até que um homem de meia idade, com aproximadamente um metro e setenta, ia em sua direção, seus cabelos grisalhos não deixava dúvida, era o professor Carvalho.

- Clow, ainda bem que te encontrei. - Disse o cientista quase perdendo a voz de tão cansado. - Você esqueceu seu celular em sua casa!

Clow se lembrou desesperado. Ele nem tinha lembrado-se disto. O jovem começou a correr esbarrando no caminho em macas em pessoas, e foi para a porta de vidro do centro pokémon que se abriu rapidamente. Indo pelo caminho ao leste, passou por alguns poucos carros, foi para sua casa, ficou no quintal, pensou em entrar pela porta da frente, mas achou melhor subir no telhado e entrar, sua mãe nunca sabia como ele entrava, iria evitar uma bela bronca. Subiu em uma árvore, e passou nos galhos se arrastando até chegar perto do telhado, segurou em um tronco que ficava abaixo das telhas e pulou rápido. Pegou seu celular, agora era a hora de descer as escadas e voltar para fora. Descendo, viu que quem ali estava não era sua mãe, mas sim seu irmão mais velho. Um jovem de 19 anos, com aproximadamente um metro e oitenta e um, cabelos loiros, e magro, seus olhos eram verdes, como o seu pai.

Em sua pernas estava Raffle, seu Growlithe, sentado como ordenado.

- Partiria novamente sem se despedir de ninguém maninho? - Disse o confiante garoto de olhar penetrante. Marte sempre passava uma grande segurança para Clow, era alguém em que o pequeno ruivo se espelhava, e admirava.

Eles então se abraçaram, para isto, era o que bastava.

- Venha, eu te levarei até Veridian! - Disse o atencioso irmão mais velho, enquanto retornava Raffle para a pokébola.

Subiram ambos em uma moto que Marte acabara de ganhar. Eles se dirigiram pela rota 1, ainda era possível ver alguns treinadores capturando seus primeiros pokémons.

Foram então em uma grande velocidade, Marte empinou de leve a moto, mas o bastante para Clow sentir a aventura. Asim, tendo chegado, desceram em Veridian, era a primeira vez que Clow estava fora de Pallet.

- Soube que escolheu um Charmander assim como eu, qual o nome dele? - Perguntou tirando o capacete.

- Red!

- Um, interessante! Incêndio, saia! - Gritou Marte chamando seu pokémon.

Assim como um grande brilho, um Charizard aparece, a chama em sua calda era grande, indicando que sua vida era ardente e que passou por duras batalhas.

- Chame seu pokémon também! - Insistiu.

- Red, saia! - Gritou assim enquanto joga a sua pokébola quase deixando cair.

Então Incêndio  e Red se conheceram, e Red o admirou da mesma forma que seu treinador admirava seu irmão. Era como se uma forte ligação tivesse se formado.

- Irmão, se prepare... - Disse o ruivo sorrindo. - Eu também serei um treinador de tipos fogo! E capturarei Moltres antes de você!

Então o já experiente treinador, botou a mão na cabeça do seu irmãozinho. Bagunçou o cabelo de um jeito que ele sempre vazia.

- Vamos, quero te mostrar a floresta de Veridian, tem muitos pokémons insetos por lá.

Assim, foram eles para a floresta, mas quando chegaram, viram muitos policiais e médicos pokémons.

- O que aconteceu aqui? - Perguntou Marte descendo rapidamente da moto olhando para vários e vários pokémons feridos no local.

- "Spriting"! - Respondeu um policial perto. - Vocês não podem ficar aqui, voltem para a cidade.

Assim voltando, eles passaram por um centro pokémon. Lá Clow não mais conseguiu esconder e perguntou:

- O que é "Spriting"?

O loiro olhou para seu irmãozinho.

- Spriting é um ato de se atacar vários pokémons em uma determinada área com ataques que possam levar a nocaute imediatamente. Assim, o "Spriter", sabe quais pokémons de uma determinada área possuem uma defesa elevada a ponto de conseguir ficar de pé. - Respondeu dando pausas. - Segundo o que um dos policiais me disse, foi um pokémon do tipo fogo que atacou vários pokémons, mas capturaram somente Nidorans, Nidorinos e Nidorinas. A maioria deles foram atacados e abandonados. Isto causa uma espécie de desequilíbrio, pois afeta diretamente o ecossistema onde estes pokémons estão inseridos. Podendo entre outras causas, levar muitos a saírem destes locais. Até onde fiquei sabendo, foram capturados 5 pokémons neste ato, quem estava atacando talvez usasse apenas um único pokémon.

Clow olhou assustado para todos estes casos. Ele nunca tinha ouvido falar sobre isto, na escola não costumavam falar sobre estas má medidas. Marte então se levantou, ele decidiu que iria se informar do estado atual.

- Clow, fique aqui em Veridian esta noite, eu vou para Pewter, alias, tu também vai. Lá será seu primeiro ginásio, você deve saber disto.

- Sim, eu sei! - Disse o garoto.

Eles se abraçaram, o menino tinha uns três quinto do tamanho de seu irmão, o que fazia com que sua cabeça ficasse na barriga. Marte então o abraçou e se despediu.

[Fim do capítulo 2]


=========

Sim, eu sei que ficou sem graça a maior parte do dialogo.

Além de que este capítulo não teve emoção, na verdade, este iria ser o quarto, só que eu mudei a ordem de acontecimentos.

Os 4 primeiros já estão pensados, mas como eu achei que precisaria mostrar que não seria a mesma coisa que as outras seres de sempre.

Só para quem já leu o cap.:
Eu criei este "spriter", que é diferente de "sprite", para ser tipo, algo novo, achei que isto daria mais realismo para a fan fic, que não quero nada baseado no mangá ou no anime, quero mais uma coisa independente. Assim como terei outras coisas aqui que não foram vistos no anime ou no mangá, e creio eu que em nenhuma fan fic antes.

Obrigado aos que leram, comentem o que acham, sua crítica é importante para o melhoramento desta fic.


EDIT:

A propósito, quantas fan fics podem ser escritas simultaneamente?

Que to pensando em 2 coisas, mas não to querendo ser alertado nesta área...

Mas qualquer coisa, eu posso acabar este projeto e depois escrever o outro.


Última edição por Mathss em Sex 16 Ago 2013 - 13:28, editado 1 vez(es)
avatar
Mathss
Membro
Membro

Masculino Idade : 25
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 20/12/2011


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokemon - New Tales (Alternativo)

Mensagem por Black~ em Qui 15 Ago 2013 - 18:53

Bom, vamos lá.

Capítulo até foi interessante a história por trás dele. Mas o desenvolvimento não ficou muito legal não =/. Os erros e problemas são os mesmos, por isso eu vou citá-los como mais detalhamentos abaixo.

Primeiro, acho que você pegou a moto do carinha e com a velocidade dela criou a narração. Sério, ficou muito rápida e ficou bem tenso de entender. Tipo, o cara tava na rota (creio eu), ai o professor Carvalho surge, e do nada ele ta em Pallet já e tudo mais, sei lá né cara.

Outra coisa: No capítulo 1 você terminou dizendo que ele foi até o laboratório curar os pokémons. Ai nesse começou falando que ele curou os pokémons num centro pokémon, ai depois voltou pra Pallet. Nossa cara, ficou bem sem sentido mesmo.

Eu curti essa ideia de "Spriter", e realmente espero que você tenhas ideias diferentes do anime e do mangá, só tente fazer nomes mais criativos, sabe? Spriter numa definição comum, é quem faz sprites -q. Mas enfim, só seja mais criativo com os nomes.

O irmão dele foi meio ilógico. É claro que ele teria bem mais chances de conseguir capturar um Moltres primeiro que o Clow, afinal, ele já é muito mais experiente e o Clow acabou de começar a sua jornada como treinador, então acho que ficou meio "diferente" -q.

Erros eu vi alguns, mas não vou citar. Algumas repetições acho que dava pra evitar.

Mas enfim, é só e boa sorte com a fic.
avatar
Black~
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/02/2011

Frase pessoal : The winter has come


Ver perfil do usuário http://pokemonblackrpgforum.forumeiros.com./

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokemon - New Tales (Alternativo)

Mensagem por Raviel em Qui 15 Ago 2013 - 20:11

Yooo my friend!

Bem, estou voltando novamente a ativa! Depois de um longo período descansando e colocando a cabeça em ordem estou aqui novamente! E escolhi sua história para poder começar.

Então comecemos... Vou comentar primeiramente sobre o capitulo um. Posso não ser um "expert" em analise e critica de outras histórias, mas darei minhas opiniões sobre o que acho que ficaria mais confortável de se ler e dentre outros...

- Capitulo Um -


Sendo sincero não gostei nem um pouco. A história em si foi bastante clichê. Muitas vezes, no decorrer do enredo, cheguei a associar Clow com Red ou até mesmo com Ash. Também digo que o fato de ter usado Gary como neto do professor Carvalho e o colocado como rival só deu mais sentido a essa minha hipótese, sem falar também na escolha dos pokémons. Não foi algo muito criativo...

Outro ponto ruim que me incomodou bastante na sua história foi a rapidez excessiva do decorrer dos fatos, e, também, a pouca descrição... Preste atenção... Não vi em se quer um único momento uma descrição de um local ou de um personagem, e olha que o texto está em terceira pessoa o que exigiria uma descrição maior, pois sem detalhes como imaginaremos os locais, os personagens, e até mesmo os pokémons?


A única parte que me agradou neste capitulo foi, sem duvida, a curta batalha que teve. Consegui imagina-la da forma que, em particular, você deve ter imaginado. Você demonstrou uma ótima criatividade nesse ponto, afinal uma batalha com pokémons que sabem apenas golpes iniciais é um pouco complicado de se fazer, pelo menos é o que eu penso.


- Capitulo Dois -


Oh! Vi aqui uma melhora incrível! Por mais que o capitulo tenho sido mais dialogo, o fato da existência de um "spriter" deu um ar diferente a história. Espero que explore bem isto que você criou.


Aqui, também, pude perceber que você começou a descrever mais os personagens e alguns outros detalhes, porém ainda acho que poderia haver mais detalhes, como, por exemplo, as roupas dos personagens, os locais que ele está, os objetos que ele interage, que no caso estou falando da moto, e coisas deste tipo!




- ♦♦♦ -


Bem... Não tenho mais nada a comentar! Peço-lhe desculpas pelo tamanho do comentário, e também por ter parecido um pouco "rígido" quanto alguns detalhes, mas é como meu sábio pai sempre me ensinou:

"As pessoas dizem muitas coisas, mas você só tem que absorver aquilo que será bom para você, e o que não servir, jogue fora!"

Então... De tudo isso que lhe falei use só aquilo que acha que será de utilidade para você! Acompanharei sua história e lhe darei todo o apoio necessário, caso precise pode me mandar uma MP!

Um grande abraço!

@3DSFood: FanFic trancada por inatividade. Caso queira re-abrir a mesma, envie uma MP a qualquer FFM.
avatar
Raviel
Membro
Membro

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 05/11/2011


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokemon - New Tales (Alternativo)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum