Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Por favor, não perca mais tempo, inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobres todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Aguardo.
Feliz Natal e Ano novo!

[Resenha] Onze Minutos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Resenha] Onze Minutos

Mensagem por Umbreon_NICE em Seg 20 Maio 2013 - 12:23

Porque não aprender sobre sexo com o diário de uma prostituta? O livro de Paulo Coelho, Onze Minutos se trata basicamente disso, é uma obra que trata de assuntos como sexualidade, prostituição e amor, tudo de alguma forma interligada, juro por Deus, que esse livro mudou totalmente a minha visão de Sexo, acrescentando coisas que nunca passariam pela cabeça de alguém que não trabalha com isso, o prazer virou algo tão normal, que no mundo em que vivemos, poucos conseguem enxergar a luz de outra pessoa.

A história narrando à vida de decepções amorosas de Maria (nome de guerra), que desde adolescente provou o gosto amargo do amor na boca e trancou seus sentimentos sobre qualquer outro homem. Em uma viagem, foi prometida a ela uma vida muito boa na Europa, mas ela foi enganada e levada para o exterior como uma prostituta (SALVE JORGE!). Lá, passou por boates e supostos amores, até dar de cara com dois homens que lhe fascinam, um saudosista e um homem que consegue retirar a luz do coração de Maria e lhe dar, a sua própria luz.

Na narrativa, tem alguns trechos do diário de Maria, que contam sua evolução tanto sexual como literária, já que no estrangeiro, tornou-se amiga dos livros que lia sobre sexo, administração de fazendas, etc, e o leitor começa a mudar de opinião sobre o prazer a medida que avança, aprendendo junto com Maria, o significado da relação sexual, entre outras coisas. Agradeço a minha fiel amiga L.M. que me emprestou o livro para eu poder ler, e então decidi fazer essa pequena resenha. Espero que tenham gostado.

Umbreon_NICE
Membro
Membro

Masculino Idade : 17
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 05/07/2010

Frase pessoal : COMUNISMO ANTI SOCIAL


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Resenha] Onze Minutos

Mensagem por Mag em Qua 22 Maio 2013 - 0:11

Nossa, Umb, não estou brincando ao dizer que eu nunca senti vontade de ler um livro do Paulo Coelho até ler essa sua resenha. Apesar de simples e pequena, ela não está nem um pouco ruim mesmo, cara. A proposta do livro, de ver o sexo sob o ponto de vista de uma pessoa que lida com isso diariamente, como uma coisa corriqueira da vida - como o trabalho - é interessantíssimo. Claro que eu teria de ter o contato direto com o livro pra ver se o desenvolvimento é realmente digno da proposta. Mas está aí, estou interessadão.

Parabéns pela resenha, cara.

Mag
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 15/07/2009

Frase pessoal : Big Mac em Tebas


Ver perfil do usuário http://instintodeler.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Resenha] Onze Minutos

Mensagem por Caio. em Sab 25 Maio 2013 - 20:59

Cara, sua resenha ficou excelente. Uma pena, eu já achei o livro bem ruim. Não vi nada mais do que uma simples estória clichê e batida com uma capa bonita (a capa da edição que eu li era d'uma rosa num fundo rosa). É triste, porque achei a descrição fraca, a narrativa farofa etc. Nada muito surpreendente, nada além do que o esperado de Paulo Coelho. Minha avó falou bem (foi dela que eu li) e meus pais falaram mal. Já sabia o que esperar, então.

Um dos poucos que eu curti foi O Alquimista, que, para mim, tinha uma mensagem além, era algo mais profundo, sabe? Esse é só uma putinha que vai pra Paris (ou Suíça, não lembro com exatidão) que se apaixona por um fotógrafo (que eu não lembro com exatidão, também, nem ao menos sei se é um fotógrafo mesmo -q) e eles vão embora. E aí se pegam. Fim.

Sério, achei o livro bem ruim :c

A resenha ficou boa.

Caio.
Membro
Membro

Masculino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/06/2010

Frase pessoal : A noir. E blanc. I rouge. U vert. O bleu.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum