Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobre todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!

Mewtwo's Quest

Ir em baixo

Mewtwo's Quest

Mensagem por megablast em Sex 17 Ago 2012 - 21:56

Mewtwo's Quest

Bem, essa é minha primeira fic, não sou muito antenado nas fics mas resolvi fazer essa para ver o que consigo. Ela mostra a história de Mewtwo após os fatos do especial ''Mewtwo Returns''. Para vocês não se perderem com os fatos já deixo explícito aqui, a história se passa em paralelo com as aventuras de Ash em Hoenn. Bom, antes de começar a fic vejamos um pouco das origens do Pokémon neste pequeno prólogo:

Prólogo - O início de tudo


O Mundo Pokémon, um lugar exuberante, rico em florestas, campinas, montanhas, enfim, uma grande variedade de biomas, todos convivendo junto com a modernidade humana, com as cidades e metrópoles. Em meio aos ambientes, vivem criaturas poderosas chamadas de Pokémon. Atualmente, são conhecidos e catalogados 649 espécies de Pokémon, mas nem sempre foi assim; nos primórdios da criação, o planeta era inabitado, com pouquissímas formas de vida, somente habitavam o planeta aqueles Pokémon que o modelaram e o constituíram. Após algum tempo, começam a surgir novas formas de vida conhecidas como Mew. Os Mew eram Pokémon pequenos, com uma coloração rosada, caudas finas e pés grandes. Quando surgiram, os Mew eram os seres que povoavam o planeta, dominavam todos os ambientes, das florestas mais úmidas aos desertos mais áridos. Os Mew tinham uma particularidade, eles contém o DNA de todos os Pokémon que viriam a existir e os que ainda esperam por uma oportunidade de existência. Com o passar do tempo, novas espécies foram surgindo e, com isso, os Mew começaram a perder seu espaço e desaparecer, sendo reduzidos a apenas um.

Os humanos criaram muitas lendas sobre o Pokémon, mesmo sem poder comprovar sua existência, várias pessoas partiram para os extremos do planeta para capturar Mew. Um dia, uma jovem agente da equipe Rocket, conhecida como Miyamoto, partiu em missão para capturar o Pokémon. Mesmo sem conseguir cumprir seu objetivo, Miyamoto gravou um grunido de Mew em uma floresta tropical na Guiana. Pensando nisso, Madame Boss, líder da equipe na época, mandou a jovem em uma busca à Mew, e ela foi parar em algum lugar na cordilheira dos Andes. Lá, ela se viu cara a cara com a criatura, até ser pega por uma tempestade e desaparecer.

Anos mais tarde, Giovanni, filho de madame Boss e atual regente da organização, mandou um grupo de cientistas para a mesma floresta onde a primeira gravação do Pokémon havia sido feita. Em meio a floresta, a expedição achou um templo, onde conseguiram pegar um fragmento de DNA de Mew. A partir dele, os cientistas começaram uma série de experiências para criar um clone do Pokémon, mas com seu poder psíquico ampliado. Após muitas tentativas falhas, conseguiram criar Mewtwo, que conseguiu estabelecer laços mentais com outros clones - Charmandertwo, Squirtletwo, Bulbasaurtwo e Ambertwo. Os clones não sobreviveram, e Mewtwo sem controle de seus atos começa a crescer, e suas atividades cerebrais começaram a ultrapassar os gráficos. Para conter o Pokémon, os cientistas aplicaram em seu tubo de contenção cem doses de sedativos, fazendo com que o Pokémon perdesse sua memória, lembrando apenas na frase dita por Ambertwo: ''A vida é maravilhosa''.

Mewtwo, sem conhecimento do que acontecia, ouviu os cientistas dizerem que era um clone, e com um surto de raiva explodiu todo laboratório, levando toda estrutura à baixo. Mewtwo conhece Giovanni, que se pré-dispõe a ajuda-lo, com segundas intenções claro. Giovanni convenceu Mewtwo que ele iria ajuda-lo, e o aprisionou no QG da equipe Rocket. Cansado da suposta "ajuda" de Giovanni, Mewtwo explode o esconderijo da equipe Rocket e foje para ilha onde havia sido criado, lá ele contrói uma fortaleza, e chama aqueles que julgou serem os treinadores mais fortes do mundo. Seu intuito era provar que os clones são superiores aos humanos, e assim repovoar o planeta. Depois do sacrifício de Ash Ketchum, Mewtwo reconhece o valor dos humanos e parte com os clones para um lugar seguro.

O Mt. Quena, lugar mais alto de Johto, nunca havia sido escalado totalmente para humanos, este era o lugar perfeito para Mewtwo e seus clones se refugiarem. Giovanni ainda se lembrava do Pokémon, além de ter conseguido dados que comprovavam sua permanência no cume da montanha. Ele envia Domino para recapturar o Pokémon, Mewtwo fica ferido durante o confronto e é restaurado nas águas puras do lago que havia no topo do Mt. Quena. Rejuvenecido, ele consegue vencer a organização e apaga definitivamente a memória de todos ali presentes, exceto de Ash. Mewtwo, parte em uma jornada para se descobrir - ele não podia crer que seu propósito era somente ser uma arma. Eis que surge outra questão em sua mente: ''Qual o meu propósito''?.



Bom, esse foi só o primeiro capítulo, a partir do próximo Mewtwo irá buscar as respostas para todas suas questões, então fiquem ligados! Não se esqueçam de comentar!


Última edição por megablast em Sab 18 Ago 2012 - 11:46, editado 1 vez(es)
avatar
megablast
Membro
Membro

Masculino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 12/03/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mewtwo's Quest

Mensagem por BelphegorP em Sex 17 Ago 2012 - 22:27

Ah,você é o cara que tinha o avatar do Pikachu com um katchup [?] Agora lembrei de você. A fic:

mas nem sempre foi assim - nos primórdios da criação, o planeta era inabitado, com pouquissímas formas de vida,

1-O certo não seria aquele - mas sim um simples :,regra básica,mas vamos ilustrar outra coisa;vírgulas demais. Tá,vírgulas são boas,gosto delas,mas saiba quando colocar um ponto final.

2-Capítulos e prólogo são MUITO diferentes,obrigado. Não continue o conteúdo do prólogo no capítulo. Vou dar a definição de prólogo para ver se na próxima não erra: prólogos são como ´´capítulos 00´´ que apresentar elementos que a fanfic/livro/ qualquer outra coisa vai ter essencialmente,que vai até a apresentação do mundo onde aquela história se passa ou mesmo a um flashback que possibilitou a história ocorrer. Por isso,se preciso,faça um prólogo grande,mas não o mescle com o Cap.1

3-Explicação,cadê? Bem,todos sabem oque é um Squirtle ou um Charmander,mas nem todos sabem da Amber. Eu,no caso,sei. Porém quem não souber vai ficar no escuro. Tente dar explicações para fenômenos como esse,assim evitara comentários perguntando essas coisinhas inúteis de gente que não sabe que o Google existe.

4-Só o capítulo/prólogo foram curtos de mais. Isso porque vocês misturou os dois.

Sem falar dos acontecimentos que eu acho um pouco estranhos. Não lembro-me muito bem da historinha do Mewtwo,então sem nada mais a declarar.





@ Pepe Akemi Says: Fan Fic inativa por mais de um mês, logo que isso acontece ele é trancado, caso queria reabri-lo só mandar uma Mp a qualquer Fan Fic Moderador. Trancado.
avatar
BelphegorP
Membro
Membro

Feminino Idade : 26
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 19/07/2012

Frase pessoal : Já viu o Sem Rosto? Olhe para trás.


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum