Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobre todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!

Pokémon Imperial Journey - Dark and Light

Ir em baixo

Você gostaria que os meio-irmãos: Gabriel Diamond e Lucas Bright capturassem "um" Pokémon Lendário

57% 57% 
[ 4 ]
43% 43% 
[ 3 ]
 
Total dos votos : 7

Pokémon Imperial Journey - Dark and Light

Mensagem por Savage Bright em Seg 2 Abr 2012 - 19:27

Amanhecer de Uma Jornada Imperial


Em um quarto roxo com a madeira das portas e das janelas pintadas de verde e com vários móveis, um despertador que marcava 04h00min começa a tocar e vibrar.

Finalmente hoje é o dia! – Exclamou um garoto emergindo das cobertas que eram de cor preta.

O garoto se levanta da cama revelando uma camisa e uma calça de algodão na cor preta, ele dirige-se a uma porta verde e abre-a logo em seguida entrando na mesma.

Ouve-se barulho de água chocando-se contra o chão e 37 minutos depois o garoto sai do banheiro com um roupão preto e com uma toalha verde no pescoço.

A luz do dia finalmente passa pelo vidro das janelas batendo nos cabelos do garoto revelando cabelos de cor de castanho escuro com luzes vibrantes e chamativas cobrindo os cabelos fazendo-o ficar com mechas loiras.

Ele abre o armário e retira várias peças de roupa e segue para o banheiro... Minutos depois o garoto sai completamente produzido, vestindo uma calça skinny preta e justa, uma camisa branca com um colete preto, um tênis preto com alguns detalhes em verde vibrante, luvas sem dedo pretas como a de motoqueiros e um lenço roxo no pescoço.

O garoto sai do quarto e desce as escadas que dá na sala de estar e segue para a cozinha que fica a esquerda da sala de estar onde uma mulher estava preparando o café da manhã.

Oi Simone, cadê a mamãe? – Indagou o garoto sentando-se a mesa e colocando um pano branco sobre suas roupas.

A senhora Diamond teve que sair, mas ela pediu que lhe entregasse isto. – Respondeu Simone colocando um prato com panquecas na mesa e um bilhete.

Querido Lucas, desejo-lhe boa sorte na sua jornada Pokémon, sinto em informar que fui buscar seu meio irmão no porto, meu ex-marido falou que seu meio-irmão vai iniciar a jornada hoje e me pediu que eu o deixasse fazer a jornada com você porque ele seria uma boa influencia para você, não vi motivos para negar, então quero que aja normalmente quando seu meio-irmão chegar.

Droga! – Exclamou o garoto batendo na mesa com os punhos.

O que foi Lucas? Está bem? – Indagou Simone para Lucas que a olhou friamente.

Meu meio-irmão insuportável vai viajar comigo e minha mãe quer que eu finja que ta tudo bem! – Gritou Lucas levantando-se da mesa.

Mas como sabe que ele é insuportável se nunca o conheceu pessoalmente? – Indagou Simone a Lucas que se vira para ela olhando-a nos olhos.

Porque eu o investiguei e também procurei o perfil dele em vários sites na internet e descobri coisas muito, muito, muito bizarras sobre ele, ele é o único adolescente que conheço que bebe chá e gosta de ficar na banheira. Traduzindo ele é super esquisito. – Respondeu Lucas logo depois saindo da cozinha e indo para a sala de estar.

Já sei, minha mãe disse para eu agir normalmente, então vou agir normalmente com ele. – Pensou Lucas depois dando uma gargalhada maliciosa.

Lucas, não vai tomar seu café da manhã? – Indagou Simone a Lucas que se virou para ela novamente.

Não, estou fazendo dieta, tenho que manter meu corpo e minha beleza em forma. – Respondeu Lucas logo depois subindo as escadas.

Ouve-se um barulho de uma porta batendo com muita força.

Ótimo, o senhor responsabilidade vai viajar comigo, que situação. – Pensou Lucas colocando várias coisas na mochila camuflada.

Do que eu estou esquecendo? – Perguntou Lucas retoricamente.

Ah é... Meu PokéTablet. – Falou Lucas colocando um objeto retangular com uma tela enorme em um compartimento na mochila.

Lucas põe a mochila nas costas e desce as escadas indo para a entrada da casa.

Enquanto isso no porto...

Várias pessoas estavam paradas olhando para o enorme oceano azul esperando que a balsa que minutos depois aparece com vários tripulantes no convés.

Há um breve tumulto após a descida dos passageiros e um garoto de calça skinny preta com uma camisa branca e uma jaqueta de couro preta e com o cabelo desarrumado, começa a acenar para sua mãe.

Mãe! Mãe! – Gritou o garoto que estava indo contra a multidão até sua mãe.

Oi Filho, como vai? – Indagou a mulher para o filho que a abraçava.

Vem, eu deixei o meu carro ali. – Falou a mãe do garoto apontando para um lugar onde tinham vários carros estacionados.

Nossa mãe! – Exclamou o garoto ao ver a potencia e a beleza do carro de sua mãe. Que carro é esse? – Indagou o garoto a sua mãe que ri.

Esse carro eu comprei com o dinheiro que consegui como juíza de torneios Pokémon. – Respondeu a mãe do garoto.

Os dois entram no carro e dirigem para fora da rua.

Minutos depois os dois chegam a casa onde Lucas os esperava na frente.

Gabriel este é seu meio-irmão Lucas. – Falou a mãe dos garotos os apresentando.

Oi eu sou Gabriel, mas pode me chamar de Gabe. – Falou Gabriel dando a mão para o irmão.

Eu sou Lucas, meus amigos me chamam de Luke, você não é meu amigo então não me chama assim. – Falou Lucas abrindo um sorriso e logo depois o desfazendo com frieza.

Ah, escuta aqui seu... – Falou Gabriel abrindo a boca surpreso e olhando friamente para seu irmão até ser interrompido pelo mesmo.

Escuta aqui você, quem você pensa que é? – Indagou Lucas muito grosseiro.

Lucas! Não fale assim com seu irmão! – Exclamou a mãe dos dois garotos assustada, mas não surpresa com o comportamento do filho.

Eu falo do jeito que eu quiser com ele, e Miriam como pode pensar que ele seria uma boa influencia para mim? – Indagou Lucas inconformado com sua mãe que ficou congelada com a pergunta do filho.

Vai ver porque você é grosso e não tem controle emocional. – Respondeu Gabriel por sua mãe.

Desculpa você é Miriam? – Indagou Lucas com sarcasmo.

Lucas posso falar com você em particular? – Perguntou a mãe o arrastando para dentro de casa ao mesmo tempo em que Simone saia.

O que está fazendo? – Indagou a mãe ao filho.

Eu não gosto dele Miriam. - Respondeu Lucas para sua mãe.

Tudo bem. Primeiro ele é seu meio-irmão e você o conheceu agora, dê tempo ao tempo para conhecê-lo melhor, você não está sendo sensato, você sempre pensava antes de agir e segundo pare de me chamar de Miriam. – Falou a mãe de Lucas para o próprio que começou a pensar.

Isso mesmo, você está certa, eu “pensava”, não penso mais. – Falou Lucas sentando-se e engolindo o choro.

Se você der tempo para se conhecer com seu irmão vai descobrir que gosta dele. – Falou Miriam sentando-se com o filho no sofá que ficou calado e apenas acenou a cabeça e tirando as lagrimas do rosto.

Os dois saem da casa e se encontram com Gabriel e Simone conversando na frente do carro.

Olha me desculpa... – Falou Gabriel até ser interrompido.

Não, eu que peço desculpas eu nem te conheço de verdade, e já fui te tratando como eu trato os invejosos da minha sala. – Desculpou-se Lucas com seu irmão.

É você é legal, só precisa controlar melhor suas emoções e parar de ser irritante. – Falou Gabriel começando a rir.

Eu disse que peço desculpas, mas ainda não vou com a sua cara e você tomou banho hoje? – Perguntou Lucas ao seu meio-irmão que abriu a boca surpreso.

Escuta aqui seu... – Falou Gabriel até ser interrompido pela mãe.

Meninos... Vamos logo ou vocês vão se atrasar para pegar seus primeiros Pokémons. – Falou a mãe dos dois garotos entrando no carro e sendo seguida pelos dois irmãos.

Demora no máximo 23 minutos até chegarem ao laboratório do Professor Will.

Professor Will! – Gritou a mãe dos dois batendo na porta até que um homem de aproximadamente 30 anos com um jaleco branco, camisa preta e calças jeans aparece na porta.

Vocês devem ser os novos treinadores... Entrem. – Falou o Professor Will convidando-os para entrar.

Olhem, vocês veem aquele painel, ele é um PC Touch 3.8 novinho, é só tocar na tela e escolher um Pokémon para ser seu parceiro na sua jornada. – Explicou o professor Will para os novatos.

Lucas anda até o aparelho e toca na tela que momentos depois aparecem imagens de pokémons e alguns dados sobre eles.

Escolhi! – Exclamou Lucas tocando a tela novamente e se dirigindo ao transportador de pokébolas que começa a materializar uma Pokébola.

Que Pokémon escolheu Luke? – Perguntou a mãe de Lucas que fecha os olhos e ri.

Pode sair! – Exclamou Lucas liberando um Pokémon verde com um casco marrom nas costas e uma folha na cabeça.

Você escolheu um Turtwig, ele é ótimo tem Ataque e Defesa muito altos e alem disso é muito corajoso e leal. – Falou a mãe de Lucas para o mesmo.

Agora é a minha vez! – Exclamou Gabriel se dirigindo até o PC Touch 3.8 e toca na tela mostrando imagens, menos a de Turtwig e alguns outros pokémons.

Escolhi! – Exclamou Gabriel dando um ultimo toque na tela do aparelho e dirigindo-se para o transportador de pokébolas que começa a materializar uma pokébola.

E qual você escolheu? – Perguntou o Professor Will para Gabriel.

Pode sair! – Exclamou Gabriel liberando um Pokémon laranja e preto com uma cauda enrolada.

Você escolheu Tepig, seu status é ótimo devido ao ataque elevado. – Falou o professor Will.

Muito bem, aqui... Eu tenho duas Pokédex 6.7 e cinco Pokébolas para cada um. Vocês podem usá-las para capturar Pokémons selvagens. – Falou o Professor Will entregando os itens para os dois garotos.

Minutos se passam e os dois irmãos já alcançavam a entrada da rota 601 e desapareciam da vista de todos.

Preview: Oi gente sou Lucas, no próximo capítulo, eu e meu “meio-irmão” chato vamos passar pela rota 601, e vamos encontrar um Pokémon meio travesso e ele trará problemas para os pokémons na floresta, por isso teremos que ajudar o psicótico. Bom é isso, vocês vão poder ler a descrição da minha beleza e dos meus talentos na minha biografia na sessão dos Personagens Principais no inicio do tópico. Vocês não fazem ideia de como é difícil ser perfeito como eu sou, tipo eu sou demais, uso roupas na moda, sou mais bonito que a Mona Lisa e Edward Cullen juntos e também tenho mais talentos que o Arceus. Eu sou perfeito! Inveja? Bom tchau, até o próximo capitulo que chega toda sexta-feira, ou seja, toda sexta um capítulo recheado de tudo que tem de bom para terminar a semana. Ai gente eu odeio matemática, os meus colegas dizem que meu QI é mais baixo que o de uma pedra e que um poste é mais inteligente que eu, pode? Bom é isso, goodbye.



Última edição por Savage Bright em Seg 9 Abr 2012 - 1:52, editado 4 vez(es)
avatar
Savage Bright
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/04/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Imperial Journey - Dark and Light

Mensagem por Savage Bright em Qua 4 Abr 2012 - 13:21

Julgamento Pokémon na Rota 601!


Os irmãos: Gabriel e Lucas iniciaram a jornada pelo continente Arceve recentemente e agora estão entrando na rota 601.

Olha um Pokémon! – Exclamou Lucas sacando sua Pokédex de sua mochila e abrindo-a apontando para o Pokémon.

Pokédex:
Combee: O Pokémon Abelhinha, o trio está junto desde o nascimento. Constantemente reúne mel de flores para agradar Vespiquen.

Que Pokémon interessante. – Falou Gabriel arregalando os olhos. Tepig conto com você! – Exclamou o mesmo atirando uma Pokébola para o alto que se abre liberando uma explosão de luz que desaparece mostrando o Pokémon Porco de Fogo.

De repente o Combee vê-se preso por um Pokémon planta com uma boca enorme.

Que Pokémon é esse? – Perguntou Gabriel assustado sacando sua Pokédex e abrindo-a.

Pokédex:
Carnivine: O Pokémon Apanhador de Insetos, Ele se liga a arvores em pântanos e florestas e atrai suas persas com o doce aroma da sua saliva, quando as tem na boca fecha prendendo-a e engolindo-a para baixo.

Esse Pokémon é perigoso. – Falou Lucas encarando o Pokémon que prendera o Combee.

É melhor largar ele! – Exclamou Gabriel para o Pokémon Apanhador de Insetos que disse algo como “O que vai fazer para me impedir?”.

Tepig use Tackle! – Ordenou o treinador ao Pokémon Porco de Fogo que começou a correr na direção do Carnivine que cuspiu o Combee na frente de Tepig fazendo-o acertar o Tackle no mesmo.

Esse Carnivine é esperto e bem ágil. – Falou Lucas assustado com a inteligência do Pokémon.

Tepig use Ember! – Ordenou o treinador novamente para o Pokémon de fogo que se agachou com o focinho brilhando um vermelho-branco intenso em seguida espirra um espiral de brasas no Carnivine que se esconde entre as árvores.

Droga! – Exclamou Gabriel com raiva do Pokémon Apanhador de Insetos.

Parece que ele é mais inteligente do que você. – Falou Lucas para seu meio-irmão de uma maneira debochada.

Ao menos estou fazendo alguma coisa, diferente de você que fica ai deitado. – Falou Gabriel para seu irmão.

Ele já deve ter ido embora. É melhor irmos também antes que escureça. – Falou Lucas levantando-se da grama com seu Turtwig que também aproveitava o sol junto de seu treinador.

É tem razão. – Falou Gabriel saindo da posição de batalha. Você foi muito bem Tepig, assim que chegarmos ao centro Pokémon, você vai receber uma recompensa. – Falou Gabriel apontando a Pokébola para o Pokémon Porco de Fogo que fica coberto por uma luz vermelha e retorna para a Pokébola.

Os dois andam um pouco pela rota procurando a saída, mas ambos se perdem novamente.

Que ótimo agora estamos perdidos mesmo. – Falou Lucas sentando-se numa pedra.

A culpa não é minha eu disse para virarmos a esquerda na árvore gigante. – Falou Gabriel com raiva.

Então a culpa é minha, quem foi que resolveu lutar contra o Carnivine? – Perguntou Lucas levantando-se da rocha.

De repente o Carnivine aparece em cima dos dois irmãos sobre vários cipós.

O que é isso? – Indagou Gabriel se agachando e protegendo o rosto ao sentir folhas caindo.

É o Carnivine voador! – Gritou Lucas escondendo-se atrás de uma árvore.

Muito bem, agora já chega você já era. – Falou Gabriel lançando uma Pokébola para o alto que criava uma explosão de luz que desaparecera revelando o Pokémon Porco de Fogo.

Gabriel começa a lembrar-se do que a Pokédex falou sobre o Carnivine que escondeu-se entre as enormes árvores.

((Carnivine: O Pokémon Apanhador de Insetos, Ele se liga a arvores em pântanos e florestas e “atrai suas persas com o doce aroma da sua saliva.”)) – Pensou Gabriel tendo uma ideia.

Tepig feche os seus olhos e use Odor Sleuth! – Ordenou o treinador ao Pokémon Porco de Fogo, que fechou os olhos e levantou o focinho sentindo o cheiro de tudo inclusive o aroma da saliva do Carnivine.

O que você tá fazendo seu maluco, se ele não pode ver não pode nem ver onde o Carnivine está. – Advertiu Lucas preocupado com a batalha.

Tepig de repente contrai-se e começa a se movimentar.

O que houve Tepig? Ah, ele está se movimentando? – Indagou o treinador ao Pokémon de fogo que pulava em círculos de olhos fechados.

Use Tackle na direção em que ele está indo! – Ordenou o treinador ao Pokémon Porco de Fogo que começou a correr de olhos fechados até uma árvore alta.

Tepig, pule! – Ordenou o treinador ao Pokémon que pulou e começou a escalar a parede devido a velocidade do Tackle.

O Pokémon de fogo revela Carnivine escondido atrás dos galhos.

Agora use Ember! – Ordenou o treinador para o Pokémon de fogo que levantou o focinho que começou a brilhar uma luz intensa vermelha-branca e liberou uma espiral de brasas que acerta o Carnivine que fica Burning.

Nossa! – Exclamou Lucas surpreso vendo a batalha. Turtwig eu quero que você veja isto. – Falou Lucas liberando Turtwig da pokébola sem despregar os olhos da batalha.

Tepig use Tackle! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Porco de Fogo que correu em direção ao Carnivine parado e contraído logo depois prendendo o Tepig com Bite.

Tepig liberte-se com Ember! – Ordenou o treinador novamente ao Pokémon de fogo que se agachou com o nariz brilhando um vermelho-branco intenso liberando uma espiral de brasas acertando o Pokémon Apanhador de Insetos bem na cabeça que momentos depois cai no chão derrotado.

Bom trabalho Tepig. – Elogiou o treinador ao Pokémon. Retorne! – Exclamou ele retornando o Tepig de volta a pokébola.

Você não vai capturar ele? – Perguntou Lucas ao seu irmão.

Não, ele vai se recuperar com uma Fruta Sitrus. – Falou Gabriel colocando uma fruta amarela com vários pontos no chão no alcance do Carnivine.

Os dois irmãos seguem seu caminho pela rota 601 deixando o Pokémon Apanhador de Insetos para trás.

Já havia anoitecido e o céu havia sido tomado por nuvens escuras.

Gabriel, parece que vai chover. É melhor acamparmos aqui esta noite. – Falou Lucas mostrando o céu ao irmão.

Tem razão. – Concordou Gabriel relutante colocando sua mochila no chão.

Minutos depois, eles constroem um pequeno acampamento com duas barracas e uma fogueira.

Boa noite. – Falou Lucas entrando na barraca dele.

Boa noite. – Falou Gabriel já dentro da barraca dele.

Os dois dormem calmamente com o barulho da chuva caindo no tecido da barraca. Até que Lucas acorda com um tremor baixo na terra.

Gabriel... Tá sentindo isso? – Indagou Lucas ao irmão que acorda sonolento.

Sim, o que é isso? – Respondeu Gabriel assustado com o leve tremor que pareciam passos enormes que não paravam.

A chuva havia cessado e os dois entram mais ao centro da rota procurando algo que causasse o tremor e encontram um tipo de roda enorme de Pokémons e no centro estava Carnivine amarrado em cima de uma fogueira.

Os Pokémons batiam os pés enquanto o Carnivine abaixava cada vez mais perto da fogueira.

Oh my god! – Falou Lucas assustado com a criatividade dos Pokémons. Eles vão sacrificar o Carnivine. – Acrescentou Lucas ainda chocado com a cena.

Temos que fazer alguma coisa. – Falou Gabriel começando a pensar.

Já sei, libere seu Turtwig! – Ordenou o mesmo para Lucas que liberou o Pokémon Folhinha.

Pode sair Tepig! – Exclamou Gabriel lançando uma Pokébola longe que cai bem na frente dos Pokémons que estavam prestes a sacrificar o Carnivine e dela sai o Pokémon Porco de Fogo.

Gabriel, Lucas e Turtwig correm até o Tepig e ficam frente a frente com os Pokémons da rota.

Haviam muitos na maioria Pokémons pássaros e insetos, alguns elétricos e de fogo.

Olha, eu sei que o Carnivine pode ter causado muitos problemas, mas ele pode parar. – Falou Gabriel tentando debater com os Pokémons.

Turtwig fala com eles. – Falou Lucas para o Pokémon Folhinha que dá um passo a frente e começa a falar com os Pokémons que balançam a cabeça negativamente.

E se eu capturar o Carnivine? – Perguntou Gabriel aos Pokémons da rota que aceitam relutantes.

Ótimo, mas libertem o Carnivine amanhã de manhã eu vou capturá-lo e treina-lo para ser um Pokémon mais comportado. – Falou Gabriel certificando os Pokémons de que o Carnivine não causaria mais problema nenhum.

A fogueira se apaga e o julgamento acaba com o Carnivine liberto. Todos voltam para suas casas, incluindo Gabriel e Lucas junto de seus Pokémons voltam para o acampamento e tem uma noite bem dormida.

A noite se passa calmamente sem chuva e o sol levanta brilhando mais radiante.

Os dois irmãos passeiam pela rota com seus Pokémons até acharem o mesmo Carnivine que estava preparado para a batalha.

Carnivine desce das árvores e fica em posição de batalha.

Muito bem Tepig use Tackle! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Porco de Fogo que começa a correr na direção do Pokémon Apanhador de Insetos.

Agora transforme em Ember Tackle! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Porco de Fogo que libera uma espiral de fogo do nariz que é engolida pelo Tackle, formando um tipo de investida flamejante. Carnivine espera pacientemente e salta para o alto de uma árvore.

Tepig acelere e use Odor Sleuth da Ember Tackle! – Ordenou o treinador ao Pokémon que começa a farejar a saliva do Carnivine acertando-o com a Ember Tackle.

Fui eu que dei essa ideia a ele. – Falou Lucas se gabando.

Carnivine se recompõe e volta para cima da árvore e depois libera dois cipós segurando o Tepig no alto.

Tepig acerte-o com Ember! – Ordenou o treinador ao Pokémon de fogo que liberou uma espiral de brasas do nariz que acerta o Carnivine fazendo-o cair da árvore.

Agora use Tackle! – Ordenou o treinador ao Pokémon Porco de Fogo que correu na direção do Carnivine o acertando várias vezes com o mesmo golpe.

Termine com a Ember Tackle! – Ordenou o treinador ao Pokémon Porco de Fogo que começou a correr na direção do Carnivine em seguida libera uma espiral de brasas que é engolida pelo Tackle.

Carnivine se recompõe e começa a pular pelas árvores sendo seguido pelo Tepig com o corpo envolto por chamas. Carnivine para numa árvore sendo acerto pela combinação. Carnivine começa a cair e choca-se contra o solo derrotado.

Pokébola vai! – Exclamou Gabriel atirando uma Pokébola que acerta a cabeça do Carnivine.

A Pokébola se debate e pisca por alguns momentos criando um clima de tensão. E para de se debater e piscar sinalizando que a captura foi sucedida.

Legal! – Exclamou Gabriel explodindo de felicidade. Capturei um Carnivine! – Exclamou o mesmo novamente fazendo uma pose com o Tepig enquanto segurava a Pokébola na mão.

Agora com seu segundo Pokémon em mão, Gabriel junto de seu irmão Lucas seguem pela Jornada Imperial pelo continente de Arceve, agora acompanhados por um Carnivine travesso.

Preview: Oi eu sou o Gabriel, no próximo capitulo eu e meu irmão pateta vamos chegar na rota 602 e que tem dois caminhos e vamos pegar um que dá em um lago enorme, só que vamos ter problemas com o “rei” do lago que é um tanto territorial, ele tem um exercito ao seu favor, da pra acreditar? Bom, pois é, e para piorar vai começar a chover, sabia que Pokémons de água ficam mais poderosos e velozes durante a chuva. Bom para ver o que vai acontecer no próximo capítulo, é só esperar para ler na próxima sexta-feira. Tchau.

avatar
Savage Bright
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/04/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Batalha Selvagem em Lakeside!

Mensagem por Savage Bright em Qui 5 Abr 2012 - 15:32

Comentários do Postador: Oi pessoal sou eu Savage, olha galera eu adoro que postem nas minhas fanfics, porque me ajudam a ver minhas falhas e melhorar o meu modo de escrever. Por isso eu peço que postem na minha fanfic; Postem, citem e façam o que der na telha, eu adoro gente com atitude. Eu também vim aqui para pedir a ajuda de vocês. Eu estou pensando em fazer capítulos com de mais de trinta páginas no word (filmes de longa metragem), mas estou na duvida, por isso peço ajuda a todos os leitores para que nos comentários falem sobre suas opiniões também sobre o assunto. E mais uma coisa que gostaria de perguntar, vocês gostariam que os personagens: Gabriel e Lucas capturassem um Pokémon Lendário? Vocês podem responder essas perguntas quando forem comentar na fanfic, tá. Adoro todos vocês e fanfics claro, Goodbye.



Batalha Selvagem em Lakeside!


Os nossos heróis acabaram de cruzar a ultima fronteira que os impedia de chegar à rota 602 que tem dois caminhos diferentes.

Eles andam um pouco até encontrarem duas trilhas que levava a um caminho diferente.

- Que porcaria, temos dois caminhos diferentes. – Falou Lucas indignado com a situação em que se encontrava.

- Ah, é mesmo. Eu decido. – Falou o outro irmão de uma maneira determinada.

- Ei porque você tem que guiar? – Indagou Lucas ao seu irmão. Acha que eu não sou inteligente o bastante? – Indagou o mesmo novamente ao seu irmão.

- Bom... Acho. – Respondeu Gabriel pegando um mapa de dentro da mochila. - Aqui diz que um dos caminhos leva a um lago e o outro leva até uma montanha, depois dessa montanha é Soiltorm. – Falou o mesmo guardando o mapa na mochila. - Temos que seguir por aqui! – Falou Gabriel novamente enquanto ia à trilha da direita

- Tá legal! - Exclamou Lucas seguindo seu irmão pela trilha.

Os dois irmãos caminham um pouco através da rota, o céu já estava escurecendo e levemente nublado. Pelo caminho encontram vários Pokémons como: Pikachu, Budew, Pidgey e outros pokémons voadores.

Eles veem um arco que dizia Lago Lakeside, mas com o nome riscado.

- Ótimo, nos trouxe para o lago! – Exclamou Lucas novamente, agora indignado com seu irmão.

- Tá desculpa. – Desculpou-se Gabriel para com seu irmão. - Mas já está escurecendo e parece que vai chover, então é melhor acamparmos aqui hoje. – Falou o mesmo atravessando o arco.

- Ah, tá tanto faz! – Exclamou o outro irmão atravessando o arco após Gabriel.

O Lago Lakeside era um lago enorme com águas escuras devido à luz da lua, havia várias árvores ao redor do lugar e uma caverna escura no final dele.

Lucas vai até algumas árvores pegar gravetos caídos para fazer uma fogueira. Enquanto Gabriel fazia as barracas.

Os dois terminam suas tarefas e vão jantar.

- Para o jantar, eu fiz sanduiches de presunto com alface. – Falou Lucas de uma maneira sarcástica enquanto trazia vários sanduíches sobre um prato de vidro.

- Nossa mãe, não te ensinou a fazer comida melhor não? – Indagou Gabriel sarcasticamente ao seu irmão.

- Claro que sim. – Respondeu Lucas ao seu irmão. - Quer experimentar um sanduiche de soco? – Indagou o mesmo sarcasticamente ao seu irmão enquanto fechava o punho.

- Senta ai e come! – Ordenou Gabriel ao seu irmão que se senta numa pedra e começa a comer um sanduiche.

Horas depois, após os dois irmãos treinarem um pouco seus Pokémons, eles vão dormir. Mas algo os observava calmamente do fundo do lago escuro.

Passam-se horas e horas e o sol finalmente aparece extremamente radiante.

Lucas sai do pequeno acampamento para pegar umas frutas enquanto Gabriel acabara de acordar e ainda estava sonolento.

Minutos depois, Lucas havia preparado um café da manhã com frutas e Gabriel o olhava com cara de espanto.

- É isso que vamos comer? – Indagou Gabriel ao seu irmão.

- Sim! – Gritou Lucas sentando-se em cima de uma rocha enorme.

Os dois irmãos começam a comer a salada de frutas que Lucas preparou.

De repente algo muito veloz entra na barraca sem ser percebido e pega as pokébolas dos dois irmãos.

Eles haviam terminado de tomar o café da manhã e voltavam para a barraca para pegar suas coisas e irem embora.

- Cadê minhas pokébolas? – Indagou Gabriel gritando.

- Meu Turtwig também sumiu. – Falou Lucas saindo de sua barraca.

- Quem roubou minhas pokébolas? – Indagou Gabriel novamente enquanto gritava.

- Bom, deve ser alguém com polegares. Porque o Turtwig, Tepig e Carnivine estavam fora de suas Pokébolas. – Respondeu o outro irmão de uma forma sarcástica.

- Não é hora de brincadeira, temos que procurar quem fez isso. – Falou Gabriel acalmando-se.

De repente algo salta do lago fazendo a água esguichar por todos os lados.

O “algo” era um Pokémon laranja com uma boia amarela no pescoço.

- Que Pokémon é esse? – Indagou Lucas sacando sua Pokédex da mochila abrindo-a.

Pokédex:
Buizel: O Pokémon Doninha Aquática, ele gira suas duas caudas como uma hélice para movimentar-se mais rápido na água e também possui uma boia inflável ao redor do pescoço que serve para ele boiar quando está afundando na água.


- Pokémon interessante. – Falou Lucas enquanto encolhia os olhos desinteressado.

De repente Buizel se agacha levantando as duas caudas e mexendo-as muito rapidamente, logo Buizel encontrava-se voando como um helicóptero.

- Eu não acredito nos meus olhos. – Falou Lucas pasmo com a cena.

- Ei Lucas olha o que ele tem na boca. – Falou Gabriel apontando para algo que o Buizel guardava na boca.

Buizel logo cospe uma pokébola que cai na frente dos dois irmãos. E o Pokémon para de voar dando um mergulho enquanto girava dentro do lago fazendo uma explosão de água.

- Ele entrou no lago! – Gritou Lucas assustado.

- Essa é a pokébola do Carnivine. – Falou Gabriel pegando a pokébola.

- Como sabe? – Indagou Lucas ao seu irmão.

- Simples, tem as mordidas dele. – Respondeu Gabriel a resposta de Lucas. Mas o Carnivine não está dentro dela. – Falou Gabriel enquanto via que não havia nada alem de água dentro da pokébola.

De repente o Pokémon Apanhador de Insetos pula nas costas de Gabriel que se assusta.

- Carnivine onde você estava? – Indagou Gabriel ao Pokémon que aponta para as árvores. - Então estava escondido atrás das árvores o tempo todo? – Indagou Gabriel novamente ao Pokémon que acena positivamente com a cabeça.

- Tudo bem Carnivine retorne... – Falou Gabriel até ser interrompido pelo Pokémon Apanhador de Insetos. - Você quer batalhar com aquele Buizel? – Indagou Gabriel novamente ao Pokémon verde que agora estava com um olhar determinado.

- Então ótimo. – Falou Gabriel guardando a pokébola no cinto junto com outras quatro pokébolas.

- Carnivine você sabe para onde ele foi? – Indagou o treinador ao Pokémon Apanhador de Insetos que aponta para a caverna do outro lado do lago.

- Não tem como ir para lá. – Falou Gabriel perdendo as esperanças até que Carnivine chama sua atenção e aponta para as árvores que impediam a ida até o lugar.

- Você consegue cortar as árvores? – Indagou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que acenou positivamente com a cabeça e virou-se para as árvores e as encara até que as folhas que tinha em vez de braços começam a brilhar azul e ele começa a acertar as árvores com a nova técnica.

- Como ele aprendeu Cut? – Indagou Lucas estranhando o Pokémon ter aprendido Cut sozinho.

- Deve ter aprendido na antiga rota que ele morava. – Respondeu Gabriel a resposta do seu irmão.

Carnivine acena dizendo que o caminho está aberto e os dois irmãos atravessam o lago pelos arredores do lago que estavam cheios de troncos de árvores caídas.

Eles entram na caverna que tinha uma escada que levava até uma câmara subterrânea com uma enorme lagoa de águas cristalinas.

O lugar estava um deserto e eles começam a explorar o local, mas com a sensação de estarem sendo observados.

De repente Buizel emerge da pequena lagoa e acerta um Sonicboom nos irmãos fazendo-os cair no lago.

Buizel e Carnivine se encaram enquanto Lucas e Gabriel estavam dentro do lago que tinha uma conexão com o lago Lakeside.


Buizel e Carnivine param de trocar olhares e começam a se atacar com Vine Whip e Water Gun. Dentro do lago Gabriel e Lucas começam a nadar até a superfície, mas ao tentar chegar perto da superfície são acertos com um Water Gun poderoso que os leva até a beira do lago que era um pouco mais funda do que deveria ser.

De repente acontece uma explosão na caverna e Carnivine voa até a margem do lago. Buizel logo aparece encarando o Carnivine em seguida falando algo do gênero "Ataquem".


Vários Tympole aparecem atrás do Buizel e eles começam a avançar na direção de Lucas e Gabriel, mas são impedidos por Carnivine, Turtwig e Tepig que aparecem.

- Que pokémons são esses? – Indagou Lucas sacando sua Pokédex da mochila e abrindo-a.

Pokédex:
Tympole: O Pokémon Girino, ele emite ondas sonoras imperceptíveis aos seres humanos e usa essas ondas sonoras para falar e avisar aos seus semelhantes do perigo.


- Nossa como eles chegaram aqui? – Indagou Lucas antes de ver que as pokébolas deles estavam lá.

- Nossa esse Buizel é um fantasma? – Indagou Gabriel assustado com a rapidez do Pokémon para engana-los tão facilmente.

- Não, eles deviam estar presos nas árvores que o Carnivine cortou e nem notamos quando eles saíram. – Falou Lucas explicando sua teoria.

- Entendi. – Falou Lucas estalando os dedos ainda na água. - Esse Buizel é territorial por isso pegou nossas pokébolas para irmos embora. – Falou Lucas explicando-se.

- Não somos esse tipo de treinador. – Falou Gabriel encarando o Buizel que agora lutava com Carnivine enquanto Turtwig e Tepig acertavam os Tympole.

- É isso mesmo. – Falou Lucas levantando-se da água.

- Turtwig use Razor Leaf e não pare. – Ordenou Lucas ao Pokémon Folhinha que abaixou cabeça que logo em seguida a folha em sua cabeça brilha azul e ele lança uma saraivada de folhas afiadas nos Tympole.

- Tepig ajude usando Ember e não pare. – Ordenou Gabriel ao Pokémon Porco de Fogo que se agachou com o nariz brilhando vermelho-branco e liberando espirais de fogo nos Tympole.

De repente um Tympole pula da margem do lago prende-se no rosto de Lucas que se mexe sem parar.

- Para de me atacar seu Pokémon miserável! – Gritava Lucas enquanto sacudia-se para que o Tympole caísse. Mas acaba caindo no chão e rolando com o Pokémon até que uma das pokébolas de Lucas cai e acerta o Pokémon Girino.

A pokébola balança um pouco e para sinalizando que a captura foi sucedida.

- Que tipo de captura foi essa? – Indagou Gabriel surpreso com a captura de Lucas.

- Eu não queria capturar ele. – Falou Lucas sentando-se. - Mas já que ele é meu então vou ficar. – Falou Lucas sorrindo.

De repente começa a chover e Buizel para de medir forças com Carnivine e volta para a água junto dos Tympole. Os Pokémons ficam em posição de ataque e começam a correr e nadar até que o limite da terra e o mar chega e os Tympole e o Buizel começam a voar com ajuda das caudas e/ou barbatanas que os Pokémons tinham.

- Eu não acreditaria se não estivesse vendo com meus próprios olhos. – Falou Lucas surpreso com a cena.

- Turtwig ataque-os usando Razor Tackle! – Ordenou Lucas ao Pokémon Folhinha que começou a correr usando Razor Leaf que é engolida pelo Tackle acertando a maioria dos Tympole fazendo-os desmaiar.

- Tepig use Ember Tackle! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Porco de Fogo que começa a correr usando Ember que é engolido pelo Tackle acertando o resto dos Tympole fazendo-os desmaiar também.

- Agora só sobrou o Buizel. – Falou Gabriel apontando para o Buizel e o Carnivine que trocavam vários Water Gun e Bullet Seed.

- Você também sabe Bullet Seed? – Perguntou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que acenou positivamente.

- Muito bem já chega! – Gritou Gabriel entrando em posição de batalha.

- Carnivine use Vine Whip depois Bullet Seed! – Ordenou o treinador ao seu Pokémon que libera dois cipós segurando o Buizel no ar depois abrindo a boca vermelha sem fundo em seguida liberando várias sementes amarelas que explodem ao acertar o Buizel que revida abrindo a boca e liberando um jato potente de água em seguida fica envolto de água e acerta o Carnivine com Aqua Jet.

- Carnivine resista! – Gritou Gabriel dando apoio moral ao Pokémon Apanhador de Insetos que ficou de joelhos sem forças. - Carnivine eu acredito em você. – Falou Gabriel para o Pokémon que abriu os olhos e levantou-se começando a girar fazendo várias folhas girarem em torno de si mesmo e depois as lança em Buizel na forma de um tornado.

- Legal, você aprendeu Leaf Tornado! – Exclamou Gabriel explodindo de alegria.

- Muito bem, use Vine Whip depois Bite! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que capturou Buizel com firmeza usando o Vine Whip logo depois flutuando até ele e usando o Bite no braço do Pokémon Doninha Aquática que não conseguiu contra-atacar.

- Vamos use Vine Whip com Bullet Seed! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que capturou o Buizel novamente com o Vine Whip logo depois abre a boca sem fundo disparando sementes amarelas em alta velocidade no Buizel que não consegue contra-atacar novamente.

- Agora use Leaf Tornado! – Ordenou Gabriel ao Pokémon que “voou” alto e começou a girar formando um tornado de folhas verdes em seguida lançando-o no Buizel que caiu derrotado no chão junto de seu exercito de Tympole.

- Pokébola vai! – Gritou Gabriel acertando uma Pokébola na cabeça do Buizel.

A pokébola balança por vários segundos criando tensão no ar, logo em seguida para sinalizando que a captura foi sucedida.

- Legal eu capturei um Buizel! – Exclamou Gabriel muito feliz enquanto segurava a pokébola e fazia uma pose junto do Carnivine que também estava muito feliz.

- Ótimo, agora vamos sair dessa espelunca, nunca mais quero ver esse lugar na minha vida. – Falou Lucas saindo do lago com pressa sendo seguido por Turtwig e logo depois por Gabriel e seus pokémons.

Agora com um Buizel durão no cinto e um Tympole capturado acidentalmente por Lucas, os dois irmãos seguem de volta para a rota 602 onde agora pegarão o caminho para a montanha que leva até a cidade de Soiltorm.

Preview: Oi gente sou eu Lucas, no próximo capítulo vamos voltar para a rota 602 e vamos ter que atravessa-la novamente para pegar o caminho certo, culpa do Gabriel, mas um cara esquisitão vai ter uma batalha com ele. Bom eu estou louco para saber o que vai acontecer no próximo capítulo e você? Só esperando para ver.



Última edição por Savage Bright em Sex 6 Abr 2012 - 14:46, editado 1 vez(es)
avatar
Savage Bright
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/04/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Imperial Journey - Dark and Light

Mensagem por gustavo_120 em Sex 6 Abr 2012 - 8:50

Olá Savage.
Como ninguém comentou, vou passar aqui rapidinho pra dar algumas breves notas.
Você escreve bem, (não repare, li só o primeiro cap.) só que eu acho que incomoda a falta do uso do travessão para indicar as falas, como você colocou:

Tá legal! - Exclamou Lucas seguindo seu irmão pela trilha.

O certo, deveria ser:

- Tá legal! - Exclamou Lucas seguindo seu irmão pela trilha.

Mas de qualquer forma, a fanfic está incrível, erros eu achei poucos, como disse antes, você escreve bem, só tem que atentar para alguns detalhes, agora aqui vai algumas coisas que podem lhe ajudar:

• Revisar o capítulo antes de postar.
• Usar o World, ou tentar fazer um rascunho, para poder dar uma lida, e corrigir os erros ortográficos.
• Pedir que alguma pessoa avalie o que você escreveu, e esperar por comentários dela mesma, e poder melhorar, antes de vir aqui postar.
• Ficar atento, para não repetir uma mesma palavra, em outra fala.
(Por exemplo, em uma parte do terceiro capítulo, você colocou:

Você consegue cortar as árvores? – Indagou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que acenou positivamente com a cabeça e virou-se para as árvores e as encara até que as folhas que tinha em vez de braços começam a brilhar azul e ele começa a acertar as árvores com a nova técnica.

Como ele aprendeu Cut? – Indagou Lucas estranhando o Pokémon ter aprendido Cut sozinho.

e continuou reptindo as palavras em outros trechos das falas)

Enfim, espero por novos capítulos, e que você continue a sua Fan Fic. Até =D
avatar
gustavo_120
Membro
Membro

Masculino Idade : 20
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/11/2011

Frase pessoal : SUN, SUN, motto atsuku nare, moeru koto de hashiru


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Imperial Journey - Dark and Light

Mensagem por Savage Bright em Sex 6 Abr 2012 - 15:14

Batalha de Rivalidade!


Os nossos heróis acabaram de voltar ao ponto de partida e andam pela rota procurando novamente a trilha que agora estava escondida.

- Onde está àquela maldita trilha? – Indagou Lucas com raiva ainda do imprevisto com o Buizel.

- Porque não faz algo para ajudar em vez de ficar ai sentado? – Indagou Gabriel de uma maneira sarcástica.

- Isso mesmo, Tympole nos ajude. – Falou Lucas lançando uma pokébola para o alto criando uma explosão de luz depois revelando o Tympole que cai no chão e começa a se debater.

- É mesmo, ele não pode respirar fora d’água. – Falou Lucas colocando a palma da mão na boca para tapar o riso. - Retorne Tympole. – Falou Lucas retornando o Tympole para a pokébola.

- Tive outra ideia. – Falou Lucas levantando-se da pedra onde estava sentado.

- O que? Vai liberar o Tympole de novo? – Indagou Gabriel dando uma risada em seguida.

- Não, vamos ficar andando por ai até achar a trilha. – Respondeu Lucas ao irmão.

- Bom, é melhor que nada. – Falou Gabriel começando a andar com Lucas pela rota 602 que é realmente enorme.

Os dois irmãos andam até que esbarram com alguém.

- Ai, você não vê por onde anda? – Indagou o garoto desconhecido para Gabriel que havia caído.

- Eu vejo, mas ele nem tanto. – Respondeu Lucas pelo seu irmão.

- Desculpa ter esbarrado em você. – Desculpou-se Gabriel com o garoto misterioso enquanto levantava-se do chão coberto de grama e terra.

- Tá, tanto faz. Vamos Oshawott temos que continuar procurando a trilha. – Falou o garoto enquanto chamava seu Oshawott que andava até sua frente e cruzava os braços com orgulho.

- Espera quem é você? – Indagou Lucas ao garoto que estava quase saindo correndo.

- Eu sou o Kyle, eu vou ser um Cérebro da Fronteira! – Gritou o garoto apresentando-se.

- Legal, eu... Eu não sei se escolho ser Cérebro da Fronteira ou um Top Coordenador. – Falou Lucas para o garoto que começava a rir.

- Cara, batalhas são muito melhores que torneios, você tem que ser meu rival. – Falou Kyle ainda rindo. - Já sei, vou te apresentar meus pokémons. – Falou Kyle novamente.

- Esse é o Oshawott. – Falou Kyle pegando Oshawott e mostrando ele para os dois irmãos. - E esses são: Pansear e Yanma. – Falou Kyle liberando dois pokémons que aparentavam ser um macaco vermelho e uma libélula.

- Deixa-me consultar minha Pokédex. – Falou Gabriel sacando sua Pokédex da mochila abrindo-a em seguida.

Pokédex:
Oshawott: O Pokémon Lontra do Mar, a concha em sua barriga é feita do mesmo material de garras. A concha se destaca por ser utilizado como lâmina para atacar.
Pansear: O Pokémon Alta Temperatura, quando ele está irritado a temperatura de sua cabeça atinge 600º célsius. Ele usa sua cabeça para assar frutas.
Yanma: O Pokémon Asa Clara, seus olhos podem ver 360 graus sem mover a cabeça. Ele não vai perder a presa mesmo que esteja atrás dele.


- Todos eles são muito bonitos. – Observou Lucas enquanto abaixava-se até a altura dos Pokémons.

- É muito legal né. – Falou Kyle enquanto levantava o rosto com orgulho junto de seu Oshawott.

- Você sabe onde fica a entrada da montanha? – Perguntou Gabriel para Kyle que voltou a olhar para eles.

- Eu não sei, também estava procurando. – Respondeu Kyle a pergunta de Gabriel.

- Então vamos procurar. – Falou Lucas começando a correr acompanhado de Kyle e Gabriel junto de seus pokémons.

- Olha finalmente, ali está. – Falou Lucas apontando para um lugar onde havia uma cratera na montanha formando um tipo de entrada.

- Para onde vocês vão? – Perguntou Kyle aos dois irmãos.

- Vamos para a cidade Soiltorm. – Respondeu Lucas a pergunta de Kyle.

- Legal, eu também. Podemos seguir viagem juntos. – Falou Kyle pulando.

- Então vamos. – Falou Gabriel correndo para a entrada da montanha, mas sendo barrado por alguém.

- Quem é você? – Perguntou Gabriel do chão.

- Eu sou Blake, e vocês não podem entrar lá, está interditado, pokémons metais e pedra estão se atacando por território. – Falou Blake respondendo a pergunta de Gabriel.

- Eu não acredito em você. – Falou Gabriel enquanto entrava na montanha desaparecendo nas sombras.

Momentos depois Gabriel volta cheio de pedras nas roupas.

- O que houve? – Indagou Kyle a Gabriel que estava com os olhos arregalados de medo.

- T-tinha v-vários deles eu não pude aguentar. – Respondeu Gabriel enquanto gaguejava.

- Eu falei. – Falou Blake enquanto saia do local.

- Ei que tal uma batalha? – Indagou Gabriel tirando as pedras das roupas e do cabelo.

- Com você, me poupe. Tenho mais o que fazer do que ficar por ai derrotando formiguinhas insignificantes como você. – Respondeu Blake de uma forma arrogante.

- Ei quem você pensa que é? – Indagou Gabriel correndo para frente de Blake.

- Só um treinador mais poderoso que você. – Respondeu Blake enquanto andava.

- Então me mostre que é tão poderoso assim. – Falou Gabriel fazendo Blake parar e se virar.

- Tudo bem vai Frillish! – Exclamou Blake lançando um Pokémon azul flutuante no campo.

- Frillish? – Indagou Kyle enquanto sacava sua Pokédex de sua mochila e a abria.

Pokédex:
Frillish: O Pokémon Flutuante, Ele paralisa sua presa com veneno e arrasta-a para seu lar que fica a cinco milhas de profundidade abaixo da superfície.


- Nossa que Pokémon... ahm... Arrepiante. – Comentou Kyle sentindo o calafrio em seguida.

- Frillish, então vai ser o Buizel! – Exclamou Gabriel liberando o Pokémon Doninha Aquática.

- Buizel que escolha patética. – Falou Blake sorrindo.

- Buizel ignore-o e dispare um Aqua Jet! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Doninha Aquática que ficou envolto de água e “voou” até acertar o Frillish.

- Aqua Jet? Não sabe que a habilidade especial do Frillish é Cursed Body? – Indagou Blake de uma forma superior.

Momentos depois o Buizel começou a cambalear ele estava confuso.

- Buizel recobre a consciência e use Pursuit! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Doninha Aquática que ficou envolto de uma aura negra e “voou” até o Frillish.

- Frillish espere e use Hex! – Ordenou Blake para o Pokémon Flutuante que ficou parado até o Buizel chegar perto o suficiente e começa a liberar feixes negros dos tentáculos que se juntam formando um olho vermelho que encara Buizel e libera vários anéis de cores variadas fazendo Buizel ficar ainda mais confuso. Mas Frillish também sustenta o dano do Pursuit que o acertou.

- Frillish use Recover depois use Absorb! – Ordenou Blake ao Pokémon Flutuante que se envolve por uma luz rosa-roxa e recupera parte do HP depois cria uma esfera vermelha nas mãos e dispara um único laser vermelho no Buizel sugando seu HP para o Frillish. Momentos depois Buizel cai derrotado.

- Retorne Buizel. – Falou Gabriel retornando o Buizel na pokébola.

- Meu próximo Pokémon é Carnivine! – Exclamou Gabriel liberando o Pokémon Apanhador de Insetos da pokébola.

- Carnivine use Bullet Seed! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que abriu a boca e começou a atirar sementes amarelas no Frillish que fica um pouco fraco.

- Mas o Bullet Seed não é uma técnica física também? – Indagou Kyle a Lucas que estava do seu lado assistindo a batalha.

- Sim, mas não é uma técnica física direta, o Carnivine abre a boca de longe e cospe sementes. Se ele não atacar o Frillish com um golpe físico direto ele não fica confuso. – Falou Lucas explicando a situação que se encontrava a batalha.

- Agora termine usando Rain Leaf Tornado! – Ordenou Gabriel ao Pokémon que flutuou sendo seguido por Frillish em seguida começou a girar formado um tornado de folhas e depois desmanchando com Vine Whip formando uma chuva de folhas.

- Frillish defenda-se usando BubbleBeam! – Ordenou Blake para o Pokémon Flutuante que começou a disparar bolhas da boca, mas não foi suficiente para parar a combinação e acabou caindo derrotado.

- Retorne Frillish. – Falou Blade retornando o Pokémon Flutuante na pokébola.

- Vai Luxio! – Exclamou Blade liberando um Pokémon azul com uma pequena juba.

- Luxio? – Indagou Lucas sacando sua Pokédex da mochila e abrindo-a.

Pokédex:
Luxio: O Pokémon Faísca, ele possui eletricidade nas patas com capacidade de provocar desmaios. Luxio vive em pequenos grupos.


- Luxio use Thunder Slap! – Ordenou Blake ao pokémon faisca que começou a correr com as patas envoltas por faíscas e acerta uma bofetada no rosto de Carnivine o deixando paralisado.

- Essa técnica não causa dano, mas paralisa o Pokémon adversário. – Explicou Blake para os outros.

- Carnivine acerte-o com Vine Whip. – Ordenou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que liberou dois cipós que prendem o Luxio pelos pés.

- Agora termine com Bite! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Apanhador de Insetos que voou até o Luxio e mordeu-o e jogando o próprio contra o chão nocauteando-o.

- Retorne Luxio! – Falou Blake retornando o Pokémon Faísca para a pokébola.

- Conto com você Chimchar! – Exclamou Blake liberando um Pokémon laranja com o físico de macaco e uma chama na cauda.

- Chimchar? – Indagou Gabriel sacando sua Pokédex do bolso e abrindo-a.

Pokédex:
Chimchar: O Pokémon Chipanzé, ele é extremamente ágil e extingue seu fogo antes de dormir para evitar incêndios.

- Chimchar use Flame Wheel! – Ordenou Blake ao Pokémon Chipanzé que girou verticalmente com o corpo envolto por chamas acertando o Carnivine que não teve tempo para reagir.

- Retorne Carnivine! – Exclamou Gabriel retornando o Pokémon Apanhador de Insetos na pokébola.

- Vamos lá Tepig! – Exclamou Gabriel novamente lançando para fora seu Tepig.

- Fogo contra Fogo. Interessante. – Falou Lucas enquanto assistia a batalha.

- Tepig feche seus olhos e use Odor Sleuth! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Porco de Fogo que fechou os olhos e sentiu o cheiro do Chimchar que era fraco, mas não era inexistente.

- Chimchar fuja daí! – Ordenou Blake ao Pokémon Chipanzé que pulou de árvore em árvore até ficar a uma distancia segura do Tepig.

- Tepig persiga-o usando Ember Tackle! – Ordenou Blake ao Pokémon Porco de Fogo que começou a correr na direção do Chimchar depois liberou uma espiral de brasas do nariz que logo foi engolida pelo Tackle formando uma combinação poderosa.

- Tepig em vez de escalar as árvores passa através delas destruindo-as fazendo Chimchar cair. Depois Tepig da meia volta para acertar Chimchar.

- Chimchar acerte-o com Flame Acrobatics! – Ordenou Blake ao Chimchar que corre velozmente aparentando deixar dois fantasmas para trás devido à velocidade depois ele usa fica envolto de uma aura vermelha.

As duas combinações se chocam criando uma enorme explosão e uma onda de calor fazendo todos os Pokémons fora do campo (Turtwig, Oshawott, Pansear e Yanma) voarem para longe do local.

- Meus pokémons! – Gritou Lucas desesperado.

- E os meus! – Falou Kyle também desesperado. - Alguém vai levar uma multa. – Falou o mesmo agora irritado.

A fumaça baixa e os dois pokémons de fogo estavam desmaiados.

- Retorne Tepig! – Exclamou Gabriel retornando o Pokémon Porco de Fogo na pokébola.

- Você também Chimchar! – Exclamou Blake retornando o Pokémon Chipanzé na pokébola.

- Você foi muito bem. – Elogiou Gabriel para com Blake.

- Obrigado. – Agradeceu o mesmo depois dando de costas e andando para fora do lugar.

Com novos rivais, Gabriel, Lucas e agora acompanhados de Kyle tem que achar os Pokémons perdidos na rota 602. E quem será esse misterioso Blake? Para saber disso fique ligado no que vem por ai.

Preview: Oi gente eu sou Kyle, nossa fazer isso é legal mesmo. Retomando, no próximo capitulo, eu, Lucas e Gabriel vamos andar pela rota 602 procurando nossos pokémons perdidos. Como será que está meu Oshawott, eu não aguento a duvida. Ah, quem foi que disse que eu sou estressado vai pagar uma multa ta me escutando, eu sei onde você mora. Ahhhhh, eu quero meu Oshawott!
avatar
Savage Bright
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/04/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Perdidos na Rota 602

Mensagem por Savage Bright em Sab 7 Abr 2012 - 19:37

Perdidos na Rota 602


Com seus pokémons perdidos na rota 602 devido a grande explosão da batalha entre Gabriel e Blake; Lucas, Kyle e Gabriel estão procurando incansavelmente pelos Pokémons.

- Turtwig! – Gritou Lucas enquanto corria desesperado olhando atrás dos arbustos e árvores.

- Oshawott! – Gritou Kyle correndo atrás de seu amigo. – Pansear e Yanma, onde vocês estão? – Indagou o mesmo para o nada esperando uma resposta dos pokémons perdidos.

- Eles não estão aqui, vamos procurar em outro lugar. – Sugeriu Lucas correndo para fora do lugar.

- Ei gente vai mais devagar. – Falou Gabriel aparecendo logo em seguida.

Enquanto isso em algum lugar da Rota...

- Ei pessoal, o Lucas e os outros devem estar por ali. – Falou Turtwig na língua Pokémon.

- Não, o Kyle e os outros devem estar por ali. – Falou Oshawott na língua Pokémon enquanto apontava para a direção oposta.

- Tudo bem, então vamos por ali. – Falou Turtwig indo na direção de Oshawott que logo em seguida começa a corre acompanhado por Turtwig.

Em outro lugar da rota...

- ZZZ, vamos logo, o Kyle deve estar no norte da rota. – Falou Yanma na língua Pokémon para com Pansear.

- Tá legal, eu queria ir por ali mesmo. – Falou Pansear na língua Pokémon para com seu companheiro Yanma.

Os pokémons andam/voam pela Rota, mas não encontram seus treinadores devido ela ser muito grande.

- Não vamos conseguir encontrar eles hoje. – Falou Pansear correndo atrás de Yanma que voava muito rapidamente.

- ZZZ, tudo bem, é melhor dormimos aqui e amanhã procuramos mais. – Falou Yanma pousando numa árvore.

Os dois pokémons resolvem dormir em cima de uma árvore. Em outra parte da rota...

Oshawott e Turtwig estão sendo perseguidos por vários Beedril que estavam alcançando-os.


- Desculpe se nós roubamos suas frutas, mas estamos com mais fome que vocês. – Falou Oshawott enquanto chorava e corria ao mesmo tempo.

- Faz alguma coisa. – Falou Turtwig para o Pokémon Lontra do Mar que parou de chorar e, pois se a pensar.

- Oshawott de repente para de correr e atira sua concha como um boomerang na cabeça de um dos Beedril que cai tonto.

- Bela ideia. – Elogiou Turtwig ao Pokémon Lontra do Mar que estufou o peito com orgulho e pegou a concha que retornara para ele.

O Beedril recobra a consciência e voa acompanhado junto de seus semelhantes atrás do Turtwig e do Oshawott novamente.

- Eles não vão parar nunca? – Indagou o Oshawott ao Pokémon Folhinha que continuou correndo.

- Tive uma ideia. – Falou Turtwig enquanto acelerava junto de Oshawott.

Sem aviso prévio Turtwig empurra o Oshawott e se esconde atrás de uma árvore enorme.

- Finalmente eles pararam de nos perseguir. – Falou Oshawott aliviado por ter acabado.

De repente o Pansear de Kyle cai na cabeça de Oshawott.

- Ei seu... Ah, oi Pansear. – Falou Oshawott primeiro irritado depois acalmando-se ao ver que era o Pansear.

- Oi Oshawott, vocês encontraram o Kyle? – Indagou o Pansear enquanto bocejava.

- Não. – Respondeu Oshawott enquanto abaixava a cabeça triste.

- Também não achei o Lucas. – Acrescentou Turtwig também abaixando a cabeça triste.

De repente um homem de cabelo verde e com um uniforme preto e um R enorme no centro da camisa captura os três Pokémons numa rede.

- Eu os capturei Cassidy. – Falou o homem para uma mulher loira com uniforme igual a ele que saia das sombras em seguida.

- Ótimo, vamos embora agora Biff. – Falou a mulher enquanto virava a direita na árvore em que o Yanma acordava e assistia imóvel o sequestro dos Pokémon.

- É Butch! – Gritou o homem corrigindo-a.

- Tá tanto faz, o chefinho vai adorar saber que capturamos pokémons das antigas Regiões de Sinnoh e Unova. – Falou ela enquanto começava a saltitar de alegria.

- Às vezes me pergunto por que eu ando com você. – Falou o Butch em um tom de sussurro.

O Yanma ao assistir a cena de perto começa a procurar pelos treinadores.

O dia finalmente amanhece e Gabriel, Lucas e Kyle finalmente acordam do pequeno acampamento que haviam feito para dormir aquela noite.


- Já amanheceu vamos procurar pelos nossos Pokémons. – Falou Lucas enquanto saia correndo da barraca sendo seguido por Kyle que também saía da dele.

De repente o Yanma vem em alta velocidade criando uma distorção do ar ao redor das asas.

- Abaixa! – Gritou Kyle para Lucas que se abaixa devido a velocidade em que o Yanma vinha.

- Yanma, finalmente encontrei um dos meus Pokémons – Falou Kyle aliviado. – Onde estão o Oshawott e Pansear? – Indagou o mesmo ao Pokémon Asa Clara que estava voando nervoso.

- E o meu Turtwig? – Indagou Lucas em seguida ao Pokémon Asa Clara que começou a voar de volta para dentro da rota.

- Ele quer nos levar a algum lugar. – Falou Kyle correndo atrás do Yanma sendo seguido por Lucas e Gabriel momentos depois.

Ao seguir o Pokémon Asa Clara, os três chegam a um acampamento com um jipe disfarçado com folhas.

- Ah, isso aqui parece ser um acampamento. – Falou Gabriel enquanto andava calmamente.

- Não... – Falou Lucas de uma maneira sarcástica.

- Calem a boca os dois. – Falou Kyle enquanto seguia o Yanma até duas barracas, mas ao chegar lá eles tem uma surpresa.

As barracas estavam completamente vazias.

- Olha só quem apareceu no acampamento Bill. – Falou Cassidy um pouco longe do local onde estavam os três viajantes que se assustam ao ver os dois.

- Eu já disse que é Butch, caramba. – Gritou Butch irritado, pois trocaram seu nome novamente.

- Eles estão com meu Turtwig! – Gritou Lucas enquanto olhava o Pokémon Folhinha dentro de uma gaiola.

- E com o Oshawott e Pansear. – Falou Kyle olhando para duas gaiolas que estavam o Oshawott e Pansear.

- Espera, eu conheço vocês. – Falou Lucas reparando no rosto dos vilões. – Vocês são os ladrões de Pokémon fracassados: Cassidy e Biff. – Falou o mesmo enquanto apontava para os vilões.

- Eu já disse que meu nome é Bill, quer dizer Butch. – Falou Butch enquanto corrigia irritado Lucas e a si mesmo.

- É, e quem você está chamando de fracassados, eu já roubei mais pokémons que você fez aniversário. – Falou Cassidy para Lucas.

- Você percebeu que acabou de se chamar de velha? – Indagou Lucas para a vilã que começa a pensar.

- Isso não interessa, o que interessa é que vamos roubar seus pokémons e vocês não podem fazer absolutamente nada. – Falou Butch enquanto sacava uma Pokébola do cinto. – Vai Mienfoo! – Exclamou o mesmo enquanto lançava a pokébola para o alto criando uma explosão de luz que revela um Pokémon bípede com bigodes e nas cores de amarelo e vermelho.

- Vai o meu Pokémon! – Exclamou Cassidy enquanto lançava uma pokébola para o alto criando outra explosão de luz revelando um pequeno Pokémon preto com algumas listras brancas, duas antenas brancas que se parecem com fitas, uma gravata borboleta branca, olhos azuis com três cílios e os lábios avermelhados.

- Que Pokémons são esses? – Indagou Kyle abrindo enquanto sacava e abria sua Pokédex da mochila.

Pokédex:
Mienfoo: O Pokémon Artes Marciais, durante as batalhas, ele usa movimentos elegantes e poderosos. Ele usa suas garras afiadas para cortar os adversários.
Gothita: O Pokémon Fixação, suas antenas que se parecem com fitas ajudam no uso de poderes psíquicos. Seus olhos arregalados nunca se fecham e ela sempre está olhando para os treinadores e pokémons.


- São Pokémons bem interessantes. – Falou Gabriel olhando para os pokémons. – Mas vocês ainda são bandidos, vai Buizel! – Exclamou o mesmo lançando uma pokébola para o alto criando mais uma explosão de luzes revelando em seguida o Pokémon Doninha Aquática. - Buizel use... – Falava o mesmo até ver que o Buizel e o Mienfoo já estavam trocando socos e chutes. - Carnivine conto com você. – Falou o mesmo lançando outra pokébola para o alto criando outra explosão de luzes revelando em seguida o Carnivine. – Carnivine use Bullet Seed! – Ordenou o mesmo ao Pokémon Apanhador de Insetos que obedeceu e começou a cuspir sementes amarelas que explodem ao atingir a Gothita.

- Gothita sabe o que fazer. – Falou Cassidy para o Pokémon Fixação que começa a chorar enganando o Carnivine que começa a se aproximar do Pokémon com pena.

- Carnivine não faça isso, são Fake Tears! – Exclamou Lucas para o Pokémon Apanhador de Insetos que chegou perto demais.

- Gothita use Confusion depois Psyshock! – Ordenou Cassidy ao Pokémon Fixação que brilhou os olhos arregalados num tom rosado e começou a controlar o Carnivine com forças invisíveis lançando o contra uma árvore logo em seguida criando três massas espessas de energia psíquica azul e roxa lançando-a em seguida no Carnivine que cai derrotado no chão.

- Bom trabalho Gothita pode voltar. – Falou Cassidy para o Pokémon Fixação que volta para a treinadora.

- Buizel acerte-o com Aqua Jet! – Ordenou Gabriel ao Pokémon Doninha Aquática que desobedeceu e acertou um Sonicboom critico no Mienfoo que cai desmaiado.

- Não meu Mienfoo. – Falou Butch enquanto pegava o Mienfoo nos braços.

- Rápido Patch, temos que sair daqui. – Falou Cassidy enquanto pegava duas gaiolas e corria até o carro sendo seguida pela Gothita.

- Meu nome é Butch. – Gritou Butch enquanto pegava uma gaiola e entrava no carro com o Mienfoo derrotado ainda nos braços.

A equipe de ladrões da Equipe Rocket entra no carro e saem pela rota sendo seguidos por Lucas, Kyle e Yanma.

- Yanma use Sonicboom! – Ordenou Kyle ao Pokémon Asa Clara que começou a liberar várias rajadas finas de energia acertando o jipe, mas não tem força o suficiente para parar o automóvel.

- Yanma use Sonicboom, eu acredito em você! – Ordenou Kyle num tom de grito ao Pokémon Asa Clara que sentiu a confiança do treinador e em vez de disparar uma rajada de energia criou uma esfera de energia metálica e acertou na traseira do carro fazendo-o parar.

- Legal você aprendeu AncientPower! – Exclamou Kyle pulando literalmente de felicidade. - Isso significa que você vai... – Falava o mesmo até calar-se ao ver o Pokémon Asa Clara que começava a brilhar e mudar de forma, ele fica maior e agora com um tom de verde-escuro, patas afiadas e asas maiores.

- Ele evoluiu para Yanmega, isso significa que ele está mais veloz! – Exclamou Lucas compartilhando a felicidade com seu amigo.

- Gothita use Confusion! – Ordenou Cassidy a Gothita que flutua mais perto do Yanmega com os olhos brilhando rosa em seguida envolve Yanmega com uma aura rosa controlando-o.

- Yanmega use o poder do Pokémon que acabou de evoluir para se libertar. – Ordenou Kyle ao Pokémon que começou a se contrair e depois se libertou do Confusion da Gothita que fica fraca.

- Yanmega use seu novo ataque. – Ordenou Kyle ao Pokémon recém-evoluído que brilha as asas num tom de vermelho e acerta a Gothita com o Night Slash.

- Bom trabalho. – Falou Kyle elogiando o Yanmega.

- Agora termine com o AncientPower! – Ordenou o mesmo ao Pokémon recém-evoluído que criou uma esfera de energia branca metálica na frente do rosto e disparou-a contra o carro parado em que se encontravam os bandidos e seus Pokémons causando uma explosão que faz eles voarem para longe e as gaiolas em que estavam os Pokémons voarem para cima.

- É Bill, não foi muito diferente das ultimas vezes. – Falou Cassidy ainda no ar.

- Meu nome é Butch! – Gritou Butch corrigindo-a.

- Tanto faz. – Falou Cassidy. – Porque estamos decolando de novo... – Falou a mesma agora com Butch.

- Turtwig, nunca mais se perca de mim. – Falou Lucas enquanto abria a gaiola abraçando seu Turtwig em seguida.

- Oshawott, Pansear vocês estão bem? – Indagou Kyle aos outros Pokémons que acenaram positivamente.

- Quero que conheçam o Yanmega. – Falou o mesmo apresentando o Pokémon recém-evoluído aos companheiros de time.

- Kyle vamos, o Gabriel está nos esperando. – Falou Lucas enquanto retornava o Turtwig na pokébola.

- Pode ir sem mim, eu vou ficar aqui e treinar com meus pokémons. – Falou Kyle para seu amigo que apenas acena positivamente e corre para onde estava Gabriel com o Carnivine e o Buizel.

Agora com um Pokémon evoluído no bolso, Kyle vai ficar na Rota 602 para treinar com seus pokémons enquanto Lucas e Gabriel seguem sua jornada para realizar seus maiores sonhos.

Preview: Oi gente sou eu Gabriel, no próximo capítulo vamos entrar na Montanha de Soiltorm, mas a guerra ainda está acontecendo, nós vamos encontrar um Aron a favor da paz e teremos que juntos levar a paz aos Pokémons Pedra e Aço. Fiquem ligados para ver o que vai acontecer no próximo capitulo.
avatar
Savage Bright
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 01/04/2012


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Imperial Journey - Dark and Light

Mensagem por Chili em Qua 2 Maio 2012 - 13:51

É hora de saborear! Bem Savage, sua fanfic me proporcionou sentir sabores poderosos de inovação. Adorei o fato de ter inventado um continente, principalmente o continente que se chama: Arceve (união de todos os continentes). Bom acho que tem haver com Arceus certo. Mas vamos a parte ruim da fanfic agora, você tem futuro como escritor mas tem que atentar para algumas coisas como o uso da travessão por exemplo e também o uso repetitivo de palavras que deixa sua fanfic um tanto quanto chata e cansativa. Todos os seus capítulos que você postou são realmente divinos e cheios de conteúdos que eu realmente me surpreendi a lê-los. O que mais me intrigou foi o Julgamento Pokémon na Rota 601!, ele está com um ardor de um mistério que acabara de ser revelado. Mas agora vamos a parte boa da sua fanfic, você conseguiu organiza-lá muito bem, colocando a travessão e etc nos últimos capítulos, mas ainda tem de atentar para o uso repetitivo de palavras, como você pode ver meu vocabulário é muito cheio de palavras que você provavelmente desconhece. Sua fanfic está com o ardor de coisa nova e doce, quanto ao sabor, acho que vou dizer que sua fanfic está saborosa como um bolo de chocolate, mas cuidado na receita porque se colocar tempero demais sua fanfic vai ficar chata e previsível, por isso atente para os mínimos detalhes e tente ao máximo deixar cada capítulo ao ponto. Sua fanfic está nota 8,0.


@ Pepe Akemi Says: Fan Fic inativa por mais de um mês, logo que isso acontece ele é trancado, caso queria reabri-lo só mandar uma Mp a qualquer Fan Fic Moderador. Trancado.
avatar
Chili
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 30/04/2012

Frase pessoal : O que você quer dizer com isso?


Ver perfil do usuário http://rebelstation.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pokémon Imperial Journey - Dark and Light

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum