Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Nós teremos o maior prazer em recebê-lo no fórum e se precisar de qualquer ajuda, temos muitos membros e nossa equipe para ajudá-lo! Lembrando que você pode postar sua fanfic, seus desenhos ou edição de imagens, seu vídeo-detonado ou gameplay, participar de um RPG, postar e ler notícias do mundo Pokémon, tirar todas as suas dúvidas sobre todos os jogos de Pokémon, comentar sobre o desenho do momento ou apenas jogar um papo fora. Além de fazer amigos!
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!

Mutant Master

Ir em baixo

Mutant Master

Mensagem por Hike em Sex 2 Dez 2011 - 19:01

Mutant Master

Nome
Mutant Master

Criador
Mr. Master

Co-criadores
Poets
Mr. Weegee

Gêneros
Ação
Aventura

Classificação
12+

Sinopse escreveu:Um terrível cientista começa a fazer mutações em pessoas e em si próprio, até que algumas mutações se revoltam criando uma guerra de mutantes vs humanos. Algumas outras raças também vivem no planeta.

Place of Characters escreveu:
Protagonistas:

Nome: Allan
Idade: 20 Anos
Malefício: Muito agressivo e raivoso.


Nome: Rose
Idade: 18 Anos
Malefício: Confia em todo mundo.
[spoiler=Antagonistas]
Nome: Shirley
Idade: 28 Anos
Malefício: É muito afetada por seu passado.


Nome: Math
Idade: 10 Anos
Malefício: É extremamente afetado pelos outros.

Prólogo
Ilha de Cinnabar – 12h00min:

Um rapaz aparentemente normal estava em uma espécie de laboratório, e o mesmo era totalmente escuro e cheio de vestígios de DNA. Ao seu lado, localizavam-se mesas com computadores de alta tecnologia.
De repente, a porta abriu-se com rapidez, e uma moça chegou correndo e exclamou:
- Exijo que você solte todas as experiências!
O homem permaneceu imóvel. A moça exclamou, estressada:
- Irei repetir! Eu, Shirley exijo que você solte todos seus mutantes!
O homem, chamado Marc, expressou uma reação inusitada e disse:
- Para libertar as experiências você deverá me matar primeiro!
Shirley, surpresa respondeu:
- Será fácil! Meus poderes são avançados!
O moço frisou:
- Eu tenho poderes também, lembre-se que antes de testar em outras pessoas, testei em mim.
Impaciente, Shirley disparou raios bem velozes na direção ao seu oponente, mas esse ficou invisível, dificultando para ela.
Marc silenciosamente começou a disparar raios oculares, mas Shirley os petrificava antes de ser atingida.
Já ficando fraca, Shirley percebe que fez a coisa errada ao desafiar Marc. Precisava fugir, então, lançou raios na direção do teto, despedaçando-o e fazendo o laboratório cair aos pedaços. Shirley viu que seria uma boa chance de acabar com Marc. O mesmo pegou os objetos necessários, e preparou-se para fugir.
Então, ambos conseguiram fugir ilesos.

No dia seguinte:

Em um local afastado, parecido com uma cratera vulcânica inativa, com pedras para todos os lados, Marc e Shirley estavam lá, ainda confrontando-se.
Em um tom irônico, o homem disse:
- Pode começar minha cara oponente.
Shirley começou a criar ilusões de si própria, enquanto a original ficou invisível e intangível ao mesmo tempo.
O homem sem perder tempo começou a disparar fogo.
A moça ocultamente começou a absorver a força vital do oponente até a morte do mesmo.
Agora tenho que ir libertar os outros. – Pensou a moça, aflita.

Laboratório de Marc, no que restou:

Shirley chega a uma sela com três pessoas, dois homens e uma mulher. O mais velho entre eles aparentava ter 30 anos e era muito frio, a moça parecia ter 16 anos e era o oposto de seu irmão, o menor apenas 10 anos e era o conciliador da dupla.
A mulher que acabara de entrar na sela tinha em posse as fichas do trio enjaulado. Apenas disse:
- Allan, Rose e Math! Corram, pois vocês estão livres!
Os três olham fixamente para a figura que se localizava na porta da sela, ela era uma donzela de curtos cabelos louros, com um olhar muito profundo e ela possui uma pele morena.
Allan levantou-se e exclamou:
- Não te conhecemos, só nos aproximaremos de você se nos provar que é confiável.
O pequeno garotinho levantou-se também e disse:
- Eu gostei dela, irei com ela.
A jovem que ainda estava sentada levantou-se dizendo:
- Realmente você é só um fardo, pode ir que eu e o Allan iremos para outro lugar.
O grupo se dispersou, ao sair do laboratório Allan estendeu um par de asas e sua parceira começou a levitar, ambos saíram da ilha e dizendo:
- Adeus ilha de Cinnabar, até nunca mais.


Última edição por Mr. Master em Qui 5 Jan 2012 - 10:47, editado 3 vez(es)
avatar
Hike
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 22/09/2010


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Kurosaki Lucas em Sex 2 Dez 2011 - 19:28

Olha cara, não curti a estória da sua fanfic. Me desculpe, mas achei um pouco nada com nada ainda, terei de esperar o seu desenvolvimento para fazer um comentário mais desenvolvido a respeito.

Erros? Inúmeros, mas não irei citar um por um. Fez muito uso de "e" deixando a leitura um pouco cansativa. As lutas você não soube descrevê-las de forma correta e o que mais me incomodou é o fato do personagem X sempre parecer mais [palavra censurada] que o Y e o no final fica o jogo monótono de um superando o outro e depois uma morte forçada, breve e inexplicável logicamente.

Narração, poucos pedaços, muitas falas. Digo, deveria aproveitar mais para descrever melhor o local, coisa que pouco fez já que essas descrições foram breves, curtas e vagas. Achei que você pecou bastante.

Para um prólogo, dá até para deixar passar. Porque a função de um prólogo, além de passar a estória inicial ou simplesmente uma suma da estória por inteiro sem revelar o final, é o de atrair o leitor. Mas nos capítulos, espero que não cometa os mesmos erros.

Pontos bons: bem, ao menos você pegará tipo uma parte da estória do Ben 10, porque me lembrou o Dr Animal (kkk) com os experimentos dele. Tipo mistura de habilidades de Pokémons com humanos (pelo menos foi o que deu a entender) e a liguinha do bem contra esses cientistas. Enfim, ficará maneira se você melhorar nos pontos que falei. Procure narrar e descrever mais as cenas de batalha e depois que acabar um texto, leia você mesmo, aproveite para revisar e conferir se abusou de alguma palavra em específico, porque repetições de palavras deixam a leitura bem cansativa.

Bem, boa sorte, Hike! :3
avatar
Kurosaki Lucas
Membro
Membro

Masculino Idade : 23
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 16/09/2010

Frase pessoal : KURO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Kurosaki Mud em Sab 3 Dez 2011 - 19:08

Oi Hike.

Bem, não gostei muito, mas dá para melhorar. Achei que faltou organização cara. Tenta justificar e colocar sepadores, ficou tudo como estalactites em um acaverna, fragmentadas demais.

Bem, a história meio doidinha, mas ao contrário do Zaki, eu achei boa.

Mas só uma coisa. ILha Cinnabar? Não é de Pokémon cara? Tá em outras fics e.e

Enfim, vamos ver se no primeiro cap melhora. T+
avatar
Kurosaki Mud
Membro
Membro

Masculino Idade : 24
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 24/06/2010

Frase pessoal : O..o


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por cfox em Qui 15 Dez 2011 - 11:12

Olá :3
Gostei da história e tal, só achei as batalhas meio monótonas. Você podia narrar e descrever mais os ataques, a luta, etc. Aliás, descrição nunca é demais, então descreva tudo na sua Fic, e de uma forma boa.
Espero o primeiro Cap :3
avatar
cfox
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 23/11/2010

Frase pessoal : mate imo mixup have been cunts throughout the fuck


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Hike em Sex 30 Dez 2011 - 16:04

Capítulo 1 - Aliados e Inimigos


Após um grande dia de viagem a dupla resolve descer e acampar em uma floresta, esta possuía grandes árvores que exalavam uma fumaça roxa mal cheirosa, o ar era frio e úmido, elas eras possuídas por um musgo vistoso e escorregadio. O solo era maciço e ligeiramente liso. O homem vê uma criatura negra com uma capa rasgada que andava lentamente em direção a ele, na medida em que ele se aproximava o ar começava a ficar mais pesado e frio, Allan começando a se tremer grita:
- Quem é você?!
O ser retirou a capa e ofegantemente disse:
- Sou Lucy, a última demoniza pacífica. Vocês devem me ajudar, não quero morrer.
- Nós ajudaremos - disse uma ruiva que acabara de chegar.
- Prazer sou Rose - disse à mulher que chegara agora.
Aflita a espectra falou:
- Procure o Mago Fábio, ele mora seguindo esse caminho, mas tome cuidado, existe o guardião da floresta, ele mata todos os que chegam perto da cabana de Fábio.

Cabana de Fábio:

Um homem aflito, pálido, com o cabelo castanho claro e com olhos de mesma cor andava de um lado para o outro no compasso de um relógio fúnebre no fundo da sala grita:
- Não consigo esperar!
- Aquela espectra idiota não chegou? – perguntou um colega que chegara agora.
O que já estava no local olha para o outro e diz:
- Meu amigo, vá atrás dela e aproveite e termine a missão que a ela foi enviada.
O comparsa olhou para o seu mestre e falou:
- Sim mestre Damian.
Aquele que acabara de citar tais palavras desapareceu no ar como magia e então reapareceu fronte aos dois mutantes que passeavam na floresta junto a sua mais nova companheira.

Floresta:

- Olá, chamo-me Fábio, sou o mago que cuida da floresta. – disse o homem que surgiu repentinamente.
Lucy em um súbito espanto disse:
- Você?!
A mulher saiu correndo deixando eles para trás, mas o mago estendeu a mão em direção a fugitiva e sussurrou:
- Heaven Branch: Ray in Heaven!
Após dizer essas palavras, da mão do homem saiu uma espécie de flash de luz branco, que ofuscava a visão de qualquer um que visse a luz diretamente. Então, fez um movimento forte com o braço, e de repente, um poderoso raio com poderes místicos saiu do punho de Fábio, indo ao encontro de Lucy. A mesma não teve chances de se defender, e foi logo atingida, levando uma tremenda quantidade de dano.
Danificada Lucy levantou-se e conjurou:
- Empowerment! Dark Mode!
E então toda a energia acumulada pelo medo dos seres do local foi concentrando-se nas mãos de Lucy formando uma gigantesca esfera de energia negra. A grande bola escura ia aumentando conforme a quantidade de sentimentos ruins. Talvez o medo de Fábio que crescia rapidamente estava fazendo o tamanho da esfera aumentar bastante. Então, o corpo de Fábio foi devastado pela energia maligna que consumia os corações de todos ali presentes.
Levantando-se furiosamente Fábio disse:
- Essa luta se finda aqui! - Heaven Branch: Typhoon Sky!
Um poderoso tufão formou-se nas mãos de Fábio que já ia dispara-lo contra a oponente, porém antes disso Allan surgiu em frente ao atacante e socou-o contra a árvore que perto dele ficara o impacto foi tão forte que a árvore foi destroçada, completando o ato o mutante disse ostentando suas poderosas asas:
- Não quero ver-te perto da Lucy nunca mais!
Enquanto isso no outro lado do campo de batalha Rose estava socorrendo Lucy dos ferimentos na batalha. Uma enorme luz surgiu da mão da mutante que tocou em Lucy, em conclusão disse:
- Pronto você está totalmente curada, aquele mago já foi expulso.
Lucy esforçando-se para levantar disse:
- Muito obrigado.
Lentamente ambas iam de encontro a Allan quando caíram em um buraco mal iluminado.
- Isso é um túnel – disse Rose.
- Sim, creio que devemos segui-lo. – concluiu Lucy.
A dupla andou muito até que encontrou um homem parado no meio do túnel.
- Quem é você? – Perguntou Rose.
- Eu sou a sua derrota! – exclamou o homem que permanecia imóvel.
A mutante botou dois dedos na testa e olhou fixamente para o rapaz que ainda não se mexia.
- Saia da minha mente! – gritou o homem.
Rose persistia em tentar sondar a mente dele. Chegando a certo ponto o rapaz exclamou:
- Também posso fazer isso!
Rapidamente Rose foi possuída pelo ser que estava do outro lado do túnel. Rose possuída disse:
- Aquele homem é Damian.
O impacto foi tão forte que a levou a desmaiar. Lucy pegou-a nos braços e correu, mas subitamente o homem apareceu na frente das duas, pegou-as e disse:
- Eu sou um vampiro, fico mais forte no escuro. Agora vocês são minhas prisioneiras.
Então ele apertou-as fortemente e andou até a sua cabana onde as trancou em selas, uma separada da outra.


Continua...


Última edição por Mr. Master em Dom 1 Jan 2012 - 22:42, editado 1 vez(es)
avatar
Hike
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 22/09/2010


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Time Waltz em Sex 30 Dez 2011 - 16:19

Deu uma melhorada significativa. ^^
Vou acompanhar o/
Os erros alguns eu já te falei no msn. =D
Espero pelo próximo cap. ;D
avatar
Time Waltz
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 04/09/2011

Frase pessoal : The Mechanized Menace


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Gehrman em Seg 2 Jan 2012 - 0:15

Oi, mano das máscara. Cheguei pra comentar aqui. E_E

Vou começar logo com os erros que encontrei no capítulo. Te apontei poucos no MSN, e vou apontar mais alguns agora. Eu vi vários erros de vírgula pelo capítulo, e isso piorou um pouco a leitura, pois as vírgulas são altamente importantes para uma fanfic, cuidado. Sempre dê uma alta revisada no Word para encontrar esses tipos de erros aí. Outro tipo de erro foi a falta de pontos finais em várias frases. As frases tem que terminar com ponto, tome cuidado com esse tipo de coisa. Alguns errinhos bobos também, mas nada completamente ruim.

Sim, tu deu uma ótima melhorada comparado ao outro capítulo. A narração melhorou e a descrição também, mas ainda tem que melhorar. Eu gostei do modo narrado do Typhoon Sky, ficou muito bem feito, gostei.

A história está boa até o momento, realmente. Mesmo ocorrendo muito rápido, algo que você pode melhorar se tiver disposição certa, a história está legal. Fábio é ownante, você já sabe a razão. A luta ficou bem narrada comparada à do outro capítulo, você está melhorando pouco a pouco. Parabéns.

É isso, caro amigo. Novamente parabenizo-o pela sua melhora. Até.

________________

cfox: APARECI NO MULTISHOW


avatar
Gehrman
Fanfic Mod
Fanfic Mod

Masculino Idade : 19
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 27/04/2011

Frase pessoal : NÃO TEM MEDCO


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por DarkZoroark em Ter 3 Jan 2012 - 11:00

Olá Master
Fanfic da hora. Muito legal o fato de ter vários tipos de "criaturas" e poderes na mesma. As magias são uma coisa que deixa a fic muito legal de se ler. Vou acompanhar sempre que der. Aguardo seu próximo capítulo.
avatar
DarkZoroark
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 11/04/2011

Frase pessoal : Let's Play!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Malygos em Qui 5 Jan 2012 - 22:17

Bem, cheguei pra comentar jah que você me pediu.

Me senti incomodado com a história, não consegui ficar com a vontade de continuar a ler o que havia sido escrito.

Passagens rápidas e luta mal-descrita, nada que leitura e tutoriais daqui mesmo e logo estará desvendo bem melhor.

Enfim só isso por hora.
avatar
Malygos
Membro
Membro

Masculino Idade : 24
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 02/01/2012

Frase pessoal : I am Fighter Type ^


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Hike em Sex 6 Jan 2012 - 19:10

Capítulo 2 - Spoilers




Na Floresta:

- Agora suas amigas estão presas. – Disse uma voz que ecoava da floresta noite há dentro.
- Quem é você? – Allan perguntou tremulamente, apavorado enquanto olhava para todos os ângulos, à procura da misteriosa pessoa que possuía aquela voz aguda, porém feminina.
Uma sombra saíra dentre as árvores densas da floresta.
- Reconheço-te, por obséquio você não seria aquele mutante petulante que eu salvei daquela ilha?
- Tirando a parte da petulância sou eu, mas afinal quem é você mesmo? Não tenho uma ótima memória. – Respondeu o homem.
- Sou Shirley, aquela que arriscou a vida para salvar-te. – Recauchutou a mulher.

Cabana:


Damian ainda andava impaciente de lado a lado da sala. Seus olhos pareciam nada ver, perdidos em um mar azul claro enquanto caminhava balançando os cabelos castanhos pensativo quando foi questionado.
- Afinal o quê você quer conosco? – exclamou a impaciente Lucy.
Seus olhos castanhos vacilavam entre o medo e o ódio enquanto fitava Damian.
A garota tinha alguns cabelos na boca, mas não teve o trabalho de remove-los, estava preocupada demais para isso.
- Rhinquee! Venha cá seu inútil! – gritava o homem.
Rapidamente um serzinho insignificante aparecera no local.
Sua pele era um tanto mais morena do que a cor normal dos vampiros. Seus olhos eram um tanto arregalados e negros como o manto que usava.
Tinha um cabelo curto preto estilo militar, mas nem com essa aparencia o vampiro conseguia passar confiança perante Damian, talvez por respeito, ou por medo.

- Estou pronto para servir-te, lorde Damian!
- Há quanto tempo não alimenta os leões? – perguntou aquele “lorde” que de um modo surpresa, começou a sorrir com irônia.
- Tem um mês, mas por que meu mestre pergunta isso repentinamente? – respondeu o servo de caprichos do Lorde da Floresta.
- Não te devo explicações! Faça isso, pegue as prisioneiras e leve-as para a jaula dos leões, em seguida eu chegarei e você soltará todos.
Desaparecendo com as prisioneiras conclusivamente disse:
- Até mais, meu senhor.

Toca Dos Leões:

Rhin, como todos chamam o escravo estava segurando as duas mulheres enquanto se suspendia em uma estalactite muito resistente. O desumano, que era o dono dos animais, disse "Solte à morena primeiro!", e então Lucy foi jogada para encontro da morte eminente.
A garota caía, mas de repente, um brilho branco e ofuscante era emanado do corpo da mulher em queda livre. O poder a fazia flutuar, antes de tocar no chão, ela foi içada novamente para o alto, ao atingir o topo a energia se fortaleceu, o brilho agora era absorvido, e então foi repelido. Logo após isso, Lucy sofreu uma mudança drástica. Os cabelos negros como chocolate foram-se clareando até ficarem loiros, os olhos de castanhos passaram a ser azuis, a pele que antes era carregada de melanina foi apagando-se até virar branca e por fim um par de asas radiantes nasceram das suas costas.
Aquela que acabara de “renascer” disse:
- Eu sou um anjo, mais precisamente a terceira arcana profética, mas isso não vem ao caso.
Lucy então jogou as mãos para o alto e conjurou:
- Defying the Limits: Supreme Power!
E então uma onda devastadora foi em encontro de Damian e Rhin, o último muito mais rápido sumiu sem ser ferido, já Damian foi multilado, porém este é imortal, e se regenerou rapidamente.
- Venha amiga, segure em mim e vamos sair daqui. – Disse a duelista.
As duas eram conduzidas pelas asas que pareciam dispersar a força do Sol entre os povos, voando não por muito tempo elas já avistavam Allan e Shirley.

No chão:

Shirley vinha andando ereta e atenta.
Seus cabelos loiros curtos pouco se movia contra a brisa fraca. Seus passos firmes e silenciosos eram intensos.
Uma pele morena e olhos brancos davam uma aparencia um tanto assustadora para a mulher já feita de quase 30 anos.
No meio da caminhada, ela virou a cabeça em direção ao céu e avistou algo um tanto incomum.
- Aquelas são suas amigas? - Disse ela forçando um pouco os olhos.
- Mas a Lucy não voa, nem tem asas. – respondeu o homem.
- Vamos lá confirmar. – sugeriu Shirley.
E então Allan estendeu asas e pegou-a nos braços e foram de encontro às duas.
Tempo depois as duplas encontram-se e Lucy explica o quê aconteceu:
- Eu e a Rose fomos presas por um homem que é autointitulado Lorde Damian da Floresta, então eu critiquei ele, este perdeu a cabeça e nos jogou para a jaula dos leões, até que eu recuperei meus poderes e minha forma original.
Shirley então falou:
- Você é uma arcana profética, mas qual profecia exatamente?
Lucy olhava para a face de todos, como se quisesse evitar uma tragédia, gaguejando disse:
- Eu sou a terceira da profecia dos Colares.
Aquilo soou estranho para todos os presentes, mas Lucy sabia do que se tratava.
Um assunto sério o suficiente para fazer com que ambições fossem acendidas.
Allan e Rose continuavam sem entender a conversa e então perguntaram:
- Afinal, o quê tem de tão importante em uma profecia boba?
Shirley respondeu apreensivamente:
- Nada de bobo na profecia dos Colares, mas nada mais posso revelar.
Fechando sua boca, ela se solta e pula em direção ao chão, exclamando:
- Não me parem! Eu estou no caminho do inferno.
- Essa mulher é doida? – Perguntou à arcana.
Parados no ar os três começaram a questionar a atitude da Shirley. Enquanto a mulher caia um filme passava na sua cabeça.

Flash Back:

Uma sala vazia, Shirley, Matt e outro homem que não era de boa visualização estavam conversando.
Matt era um rapaz jovemde no máximo 11 anos de idade, tinha os cabelos ruivos curtos e um tanto bagunçados.
O garoto parecia triste enquanto brincava com o seu copo na mão.

Shirley pegou uma taça de vinho e disse:
- Um brinde! Em breve nós estaremos mudados!
O homem respondeu:
- Sim, logo nós seremos só um, no corpo do jovem Matt.
Matt intrometeu-se:
- Mas usemos os seus corpos para engana-los, afinal ninguém pode desconfiar.

Na queda:

Shirley virou-se para olhar o trio voando, virou-se novamente e disse:
- Sem poderes fiquei, mas após morrer, novamente me unirei ao corpo de Matt.
A velocidade aumentava e ela foi impactada contra o chão, no lugar da queda uma enorme cratera abria-se.

No céu:

Os três olhavam a queda de Shirley.
- Ela morreu. – disse Lucy.
- Como você sabe? Perguntou Allan.
- Eu sinto a energia vital, a dela está apagada. – afirmou Lucy.
- Eu posso revivê-la com meus poderes, quê tal? - Sugeriu Rose.
Lucy olhou para a moça e disse:
- Ela decidiu morrer, não podemos interferir no livre arbítrio.
Rose não tentava controlar a tristeza, e chorando, respondeu:
- Compreendo, ela jogou a vida fora.
Uma lágrima da ruiva escorreu pela face e caiu em cima do corpo da mulher que salvara sua vida.


Última edição por Mr. Master em Qui 12 Jan 2012 - 9:37, editado 1 vez(es)
avatar
Hike
Membro
Membro

Masculino Idade : 18
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 22/09/2010


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por DarkZoroark em Qui 12 Jan 2012 - 9:35

Oi master
novo capítulo legal. Já morreu alguém?! Nossa! rápido...
Bom, enfim, o cap estava muito bom. Descrição boam e narração também. O uso de algumas palavras "antigas" da a fic um certo brilho. Gostei da Lucy se tornar um anjo. Achei apenas um erro:
No meio ca caminhada, ela virou a cabeça em direção ao céu e avistou algo um tanto incomum.
Acho que esse c deveria ser um d, não?
Aguardo seu próximo capítulo.
avatar
DarkZoroark
Membro
Membro

Masculino Idade : 21
Alerta Alerta :
0 / 100 / 10

Data de inscrição : 11/04/2011

Frase pessoal : Let's Play!


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutant Master

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum